BC do Japão discute mais flexibilização monetária em março em meio a desaceleração mundial

Por: SentiLecto

– Autoridades do banco central do Japão discutiram a viabilidade de agilizar os estímulos monetários em sua reunião de política monetária neste mês, à medida que aampliamos riscos externos sobre a frágil economia do país, de acordo com um resumo das opiniões da reunião divulgada nesta terça-feira. Faz 5 meses, alguns disseram preocupação com o efeito de a desaceleração de a procura mundial e o possível efeito em o consumo de uma ampliação de imposto sobre vendas, embora muitos em o conselho tenham conservado sua visão de que a economia de o Japão continuou a se expandir moderadamente. Um dos nove membros do banco central declarou: “Na atual situação em que os riscos de baixo estão se materializando, o Banco do Japão, que enfrenta um dilema, tem que estar preparado para dar respostas de política monetária”. O membro declarou: “Se houver preocupações de que se vai perder o ímpeto de a inflação, o Banco do Japão tem que afrouxar a política monetária de maneira decisiva”. Outros, no entanto, foram mais cuidadosos sobre o reforço de um programa de estímulo já massivo. Alguns declararam que a manutenção da política atual foi a melhor abordagem, dado a ampliação do preço de flexibilização estendida, de acordo com a sinopse. Na reunião de 14 e 15 de março o banco central japonês conservou a política monetária mas piorou sua visão sobre exportações e produção, em um aceno ao efeito da desaceleração do crescimento mundial. Anos de impressão de dinheiro secaram a liquidez do mercado e prejudicaram os lucros dos bancos comerciais, realçando os riscos crescentes de uma flexibilização estendida.

Uma vez que Theresa May aguarda uma resposta de Bruxelas sobre seu pedido para protelar a saída do Reino Unido da União Europeia em três meses, um Brexit desordenado em 29 de março continua sendo possível , para permitir que ela consiga aprovar seu acordo no Parlamento. Theresa May é a primeira-ministra.O Banco da Inglaterra declarou que seus nove membros votaram de maneira unânime para conservar os juros em 0,75 por cento, poucos dias antes de a quinta maior economia do mundo deixar a União Europeia sem um acordo.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>BC do Japão discute mais flexibilização monetária em março em meio a desaceleração mundial
>>>>>BC britânico mantém juros enquanto empresas se preparam para Brexit sem acordo – March 21, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Trabalhistas devem apoiar votação pública sobre acordo do Brexit, diz Corbyn – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Sob pressão, premiê britânica corre para conseguir apoio a acordo do Brexit – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Premiê May pede adiamento de 3 meses para o Brexit; UE resiste – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Banco do Japão 0 0 ORGANIZATION 3 o Banco_do_Japão: 3
2 visão 0 0 NONE 3 sua visão: 3
3 alguns 0 0 NONE 2 alguns: 1, Alguns: 1
4 banco 0 0 NONE 2 o banco central: 2
5 membros 0 0 NONE 2 os nove membros: 1, seus nove membros: 1
6 o consumo de um aumento de imposto 0 80 NONE 1 o consumo de um aumento de imposto: 1
7 os lucros de os bancos comerciais 0 70 NONE 1 os lucros de os bancos comerciais: 1
8 preocupação 0 60 NONE 1 preocupação: 1
9 preocupações 0 60 NONE 1 preocupações: 1
10 Um Brexit desordenado 40 50 OTHER 1 Um Brexit desordenado: 1