Boris Johnson lidera com folga disputa para premiê britânico

Por: SentiLecto

Boris JoBoris Johnson segue progredindo nesta quinta-feira rumo na conquista da posição mais importante do país para trocar a primeira-ministra britânica, Theresa May. Boris Johnson é ex-secretário das Relações Exteriores do Reino Unido que auxiliou a comandar a campanha do plebiscito de 2016 sobre a saída britânica da União Europeia. Boris Johnson é ex-secretário das Relações Exteriores do Reino Unido que auxiliou a comandar a campanha do plebiscito de 2016 sobre a saída britânica da União Europeia.

– Quando um de seus ex-adversários o apoiou, o ex-prefeito de Londres Boris Johnson recebeu um estímulo na disputa para suceder a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, nesta segunda-feira e declarou ser quase certo que ele vai vencer a disputa. O secretário da Saúde do Reino Unido, Matt Hancock, que saiu do páreo na sexta-feira depois de receber 20 votos na primeira eleição dos parlamentares conservadores, declarou que Johnson é o melhor candidato para liderar o partido. Hancock em um artigo publicado no jornal The Times declarou: “Boris faz uma campanha disciplinada e quase certamente vai ser nosso próximo primeiro-ministro”. “Minha opinião é que precisamos começar a nos juntar logo, e não mais tarde”. O Times declarou que Hancock é um concorrente forte a próximo ministro das Finanças se Johnson vencer a disputa sucessória de May. A crise provocada pela saída britânica da União Europeia pode se aprofundar com um novo líder, já que Johnson, o garoto-propaganda da campanha oficial do plebiscito de 2016 em defesa da desfiliação da UE, prometeu tirar o país do bloco com ou sem um acordo. O Parlamento britânico mencionou que tentará impedir um Brexit sem acordo – que poderia abalar os mercados e chocar a economia global, segundo alertas de investidores. Johnson, o mais bem cotado para trocar May, obteve o respaldo de 114 parlamentares conservadores na primeira rodada da eleição. Ao todo, 313 parlamentares votaram. Seus adversários mais próximos foram Jeremy Hunt, que recebeu 43 votos com 37 votos e Jeremy Hunt, que recebeu 43 votos com 37 votos e Dominic Raab, ex-ministro do Brexit, com 27 votosDominic Raabemy Hunt, que recebeu 43 votos com 37 votos e Jeremy Hunt, que recebeu 43 votos com 37 votos e Dominic Raab, ex-ministro do Brexit, com 27 votos. Jeremy Hunt, que recebeu 43 votos é o secretário das Relações Exteriores. Dominic Raab é ex-ministro do Brexit. Jeremy Hunt, que recebeu 43 votos é o secretário das Relações Exteriores. Gove à rádio BBC ddeclarou “Boris é o favorito”.”Mas precisamos fazer com que ele seja testado”. Johnson vem se conservando discreto durante a corrida e não participou de um discussão de candidatos no domingo. A segunda rodada da eleição vai ser na terça-feira, e o resultado tem que sair perto das 17h locais. Suprime-se qualquer candidato com 32 votos ou menos . Se todos os candidatos tiverem mais de 32 votos, o que recebeu menos é suprimido. Se Johnson conquistar a posição mais importante do país e optar por um Brexit sem acordo, uma crise constitucional pode se avizinhar caso o Parlamento tente impedir tal rompimento. Raab declarou que o Legislativo poderia ser suspenso, se necessário, uma chance que ele se rejeitou a descartar na discussão de domingo. Mas o presidente da Câmara dos Comuns, John Bercow, declarou ser uma fantasia pensar que a câmara baixa do Parlamento pode ser posta de escanteio. Bercow ao jornal de Francia Le Figaro declarou: “É uma piada!”.

Na quarta-feira 12 de junho o ex-prefeito de Londres Boris Johnson havia dado a largada em sua campanha para suceder a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, nesta quarta-feira, prometendo tirar o país da União Europeia até 31 de outubro, e havia advertido seu dividido Partido Conservador que “atraso significava derrota”.

Na quarta eleição dos parlamentares conservadores, que suprimiu o secretário do Interior britânico, Sajid Javid, Johnson voltou a abrir uma grande distância de seus oponentes. O resultado da quinta e última eleição tem que sair por volta das 13h , desta quinta-feira.

Johnson, que foi prefeito londrino durante oito anos, afirma ser o único candidato capaz de concretizar o Brexit no dia 31 de outubro, e enfrenta as ameaças eleitorais do Partido do Brexit de Nigel Farage e do Partido Trabalhista de Jeremy Corbyn.

Apesar de desde que May anunciou, uma série de escândalos no passado e de críticas ao seu apego a detalhes, Johnson domina a corrida, um mês atrás, que abdicaria após fracassar repetidamente em obter a ratificação do Parlamento ao seu acordo do Brexit.

Na sua vez, “Não vou instituir um conjunto de circunstâncias que tornem quase inimaginável um acordo, porque acho que teríamos que oferecer ao país algumas escolhas melhores”, declarou ele ao Andrew Marr Show, do canal BBC, adicionando ser a única “opção”.Johnson, que também é ex-ministro das Relações Exteriores, deu declarações inequívocas de que retirará o Reino Unido da União Europeia até dia 31 de outubro, independentemente de se conseguir ou não um acordo com o bloco para suavizar a transição.

Johnson, de 55 anos, recebeu mais votos dos parlamentares conservadores a cada uma das quatro votações até o momento: 114 dos 313 votos na primeira rodada de 13 de junho, 126 em 18 de junho, 143 na quarta-feira e 157 nesta quinta-feira.

Michael Gove ficou em segundo com 61 votos Michael Gove é o ministro do Meio Ambiente britânico., e o chanceler Jeremy Hunt em terceiro com 59. Javid recebeu 34.

Depois que a eleição final deixar só dois candidatos no páreo, cerca de 160 mil membros da base do Partido Conservador selecionarão seu líder até o final de julho. As casas de aposta veem Johnson com 89% de probabilidade de vencer.

Ele não explicou como vai solucionar o enigma.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United Kingdom

Cities: London

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Boris Johnson lidera com folga disputa para premiê britânico
>>>>>Boris Johnson recebe apoio de ex-rival em disputa para premiê britânico – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Candidatos para substituir Theresa May criticam Boris Johnson, que lidera disputa – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Johnson recebe apoio de outro ex-adversário na corrida para se tornar premiê britânico – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Johnson 220 23 PERSON 16 (tacit) ele/ela (referent: Johnson): 3, Ele (referent: Johnson): 1, ele (referent: Johnson): 1, Johnson: 10, Johnson o: 1
2 eu 0 15 NONE 5 (tacit) eu: 5
3 Boris Johnson 145 0 PERSON 4 Boris: 2, Boris_Johnson (apposition: ex-secretário de as Relações_Exteriores_do_Reino_Unido): 1, (tacit) ele/ela (referent: Boris_Johnson): 1
4 acordo 120 0 NONE 4 acordo: 2, um acordo: 2
5 Matt Hancock 80 0 PERSON 4 O secretário de a Saúde_do_Reino_Unido Matt_Hancock em a: 1, Hancock: 2, Matt_Hancock: 1
6 votos 0 0 NONE 4 27 votos: 1, 61 votos: 1, 43 votos: 1, 37 votos: 1
7 Dominic Raab 60 0 PERSON 3 Raab: 1, Dominic_Raab (apposition: ex-ministro de o Brexit): 1, ele (referent: Raab): 1
8 Jeremy Hunt 0 0 PERSON 3 o chanceler Jeremy_Hunt em terceiro com 59: 1, Jeremy_Hunt (apposition: o secretário de as Relações_Exteriores, o ministro de o Meio_Ambiente, Michael_Gove): 2
9 votação 0 0 NONE 3 última votação: 1, a votação final: 1, a quarta votação: 1
10 possibilidade 0 120 NONE 2 uma possibilidade: 2