China diminuirá preços de importação e exportação, declara primeiro-ministro

Por: SentiLecto

A China, que vai buscar neste ano diminuir em um terço a quantidade de documentos necessários para importações e exportações, bem como cortar tarifas alfandegárias e reduzi o tempo necessário para liberação alfandegária, informou o governo em nota, vai cortar os preços de importação e exportação para companhias estrangeiras, declarou Li Keqiang em observações publicadas pelo governo central neste domingo, num momento em que a segunda maior economia do mundo busca promover uma imagem de abertura a negócios. Li Keqiang é o primeiro-ministro de China. Enquanto a China está envolvida em uma disputa comercial com os Estados Unidos, a medida acontece , seu maior parceiro comercial. Pequim fez várias promessas de abrir setores que variam desde o automotivo a finanças para mais investimentos estrangeiros.

Ele recordou que a China vai seguir fomentando a inovação e o empreendedorismo, principalmente em setores onde são fortes, como o do comércio eletrônico e o de tecnologias para pagamento pela internet.”Em um ambiente de globalização tão grande, é fundamental que respeitemos e cooperemos com base na igualdade. É imprescindível que apliquemos os princípios básicos do multilateralismo e do comércio mundial. Nenhuma maneira de unilateralismo vai oferecer uma solução viável”, declarou o primeiro-ministro sobre conflito tarifário.A China cancelou negociações comerciais com os Estados Unidos e não mandará o vice-premiê Liu He para Washington na próxima semana, informou o Wall Street Journal, que mencionou fontes.TIANJIN, China – A China não vai render-se à desvalorização competitiva de sua moeda, aalegouo primeiro-ministro, Li Keqiang, horas depois de a China ter respondido com um golpe mais fraco do que o desferido pelos Estados Unidos na intensificação da guerra tarifária entre as duas maiores economias do mundo.

No domingo 02 de setembro a China ainda estava determinada a realizar reformas e desejava trabalhar com todas as partes para instituir um economia global aberta, havia declarado o presidente de China Xi Jinping neste domingo, reiterando a mensagem de Pequim em meio a um amargo combate comercial com Washington.

“Nós devemos nos esforçar para melhorar o ambiente de negócios e diminuir os preços para companhias estrangeiras, e progredir o processo de abertura, conservando crescimento estável de importações e exportações”, declarou Li.

Ainda que a China somará canais agilizados para liberação de certas importações, o comunicado deste domingo sinalizou , incluindo alguns produtos agrícolas, e até o fim do ano vai publicar uma lista de itens que vão precisar pagar tarifas portuárias oficiais.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United States, China

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>China diminuirá preços de importação e exportação, declara primeiro-ministro
>>>>>China promete acelerar abertura econômica e dar condições iguais a empresas – (EfeGeneric)
>>>>>China cancela negociações comerciais com EUA, diz WSJ – September 22, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Casa Branca expressa otimismo sobre comércio com China, mas sem data para novas conversas – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>China diz que apresentou queixa à OMC contra últimas tarifas dos EUA – September 18, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump quer impor tarifas sobre cerca de US$200 bi em produtos chineses, diz Bloomberg – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump pode anunciar novas tarifas contra China na 2ª-feira, diz Wall Street Journal – September 15, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Autoridades dos EUA convidam China para novas negociações comerciais, dizem fontes – September 12, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>China promete retaliar se EUA seguirem com novas ameaças tarifárias – September 10, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>China pede à OMC sanções em disputa comercial com os EUA – September 11, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Exército dos EUA avalia opções caso Síria utilize armas químicas – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>China recebe bem convite dos EUA para negociações comerciais – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>China pode rejeitar novas negociações comerciais se mais tarifas forem impostas – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Após sobretaxa imposta pelos EUA, China avisa que adotará contramedidas – (EfeGeneric)
>>>>>China diz que não vai enfraquecer moeda para ampliar exportações após tarifas dos EUA – September 19, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>China diz que não tem escolha a não ser retaliar contra novas tarifas dos EUA – September 18, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump impõe tarifas sobre US$200 bi em produtos chineses e ameaça taxar outros US$267 bi – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Índices terminam estáveis em meio a receios sobre tarifas; H&M registra ganhos – September 17, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Preços ao consumidor nos EUA sobem menos que o esperado em agosto – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Com Trump indicando mais tarifas, empresas dos EUA preparam enfrentamento público – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Trump acusa China de tentar influenciar eleição dos EUA e ameaça retaliação – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>China vai taxar US$60 bi em produtos dos EUA mas reduz nível de tarifas – September 18, 2018 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 a China 60 0 PLACE 7 A China bem_como cortar tarifas alfandegárias e: 2, a China: 4, A China: 1
2 nós 48 0 NONE 4 Nós: 1, (tacit) nós: 3
3 globalização 80 0 NONE 2 (tacit) ele/ela (referent: globalização): 2
4 Pequim 50 0 PERSON 2 Ele (referent: Pequim): 1, Pequim: 1
5 Li Keqiang 0 0 PERSON 2 Li_Keqiang (apposition: o primeiro-ministro chinês): 1, Li: 1
6 Wall Street Journal 0 0 ORGANIZATION 2 o Wall_Street_Journal: 2
7 governo 0 0 NONE 2 o governo central: 1, o governo: 1
8 os Estados_Unidos 0 0 PLACE 2 os Estados_Unidos: 2
9 setores 0 0 NONE 2 setores: 2
10 uma lista de itens 0 0 NONE 2 uma lista de itens: 2