Custos do petróleo recuam 6% com queda no mercado acionário alimentando preocupações com procura

Por: SentiLecto

Os custos do petróleo caíram mais de 6 por cento nesta terça-feira, em uma sessão com grande volume de transações, com o petróleo dos Estados Unidos recuando para o seu nível mais baixo em mais de um ano, em meio a uma queda no mercado acionário norte-americano alimentada por temores sobre o crescimento econômico mundial.

Os futuros do petróleo bruto West Texas Intermediate concluíram a sessão em queda de 3,77 dólares, ou 6,6 por cento, a 53,43 dólares por barril. O contrato chegou a cair 7,7 por cento durante a sessão, e Faz 1 ano, tocou 52,77 dólares o barril, o menor câmbio.

Mais de 946 mil contratos para o próximo mês de petróleo nos EUA mudaram de mãos, superando a média diária dos últimos 10 meses e o segundo maior volume diário desde junho, segundo dados do Refinitiv.

Os futuros do petróleo Brent caíram 4,26 dólares, ou 6,4 por cento, para 62,53 dólares por barril. O contrato que é referência internacional chegou a recuar 7,6 por cento, para 61,71 durante a sessão, o valor mais baixo desde dezembro de 2017.

Na sua vez, – Os custos de combustíveis e lubrificantes para produção caíram e o Índice Geral de Preços-Mercado recuou 0,35 por cento na segunda prévia de novembro, depois de progredir 0,97 por cento no mesmo fase do mês anterior, de acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela Fundação Getulio Vargas . Faz 1 ano, quando caiu 0,11 por cento, o IGP-M já havia, em sua primeira deflação desde novembro de 2017. Na segunda prévia do mês, o Índice de Preços ao Produtor Amplo , que responde por 60 por cento do índice geral e apura a variação dos custos no atacado, registrou queda de 0,62 por cento, depois de subir 1,24 por cento no fase anterior. Faz 1 mês, os custos de os Bens Intermediários recuaram 0,27 por cento, ante progressão de 2,07 por cento com destaque para a deflação de 2,07 por cento de o subgrupo de combustíveis e lubrificantes para a produção. Para o consumidor a pressão ficou mais fraca uma vez que o Índice de Preços ao Consumidor , que tem peso de 30 por cento no índice geral, passou a progredir 0,11 por cento na segunda prévia de novembro, contra alta de 0,48 por cento no mês anterior. O destaque ficou para o grupo Transportes, que registrou progressão de 0,15 por cento, retardando em comparação aa ampliação de 1,31 por cento no levantamento anterior. Faz 1 mês, o Índice Nacional de Custo da Construção retardou alta a 0,28 por cento, ante progressão de 0,36 por cento em a segunda leitura. Usa-se O Igp-m como referência para a correção de valores de contratos, como os de aluguel de imóveis. A segunda prévia do IGP-M calculou as variações de custos no fase entre os dias 21 do mês anterior e 10 do mês de referência.

Na sexta-feira 09 de novembro os contratos futuros do petróleo recuavam para mínimas em vários meses nesta sexta-feira, à medida que a oferta gmundiala aumentavae os investidores se p preocupavamcom o iefeitosobre a dprocurapor combustíveis, dada a pchancede menor crescimento econômico diante das disputas comerciais.

Quando estava próximo da câmbio máximo em quatro anos, o petróleo de Noruega acumula queda de mais de 30 por cento desde outubro.

“Isso tende a evocar imagens de uma economia mundial fraca, quando o mercado acionário cai 8 ou 9 por cento e isso alimenta as expectativas de uma procura de petróleo mais fraca do que o esperado”.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: United States

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Custos do petróleo recuam 6% com queda no mercado acionário alimentando preocupações com procura
>>>>>IGP-M recua 0,35% na 2ª prévia de novembro com queda de combustíveis para produção, diz FGV – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 por_cento 0 0 NONE 9 7,7 por_cento: 1, 9 por_cento: 1, 30 por_cento: 1, 7,6 por_cento: 1, 6,6 por_cento: 1, 0,27 por_cento: 1, 0,11 por_cento: 1, 0,28 por_cento: 1, 0,35 por_cento: 1
2 IGP-M 0 0 ORGANIZATION 4 O IGP-M: 1, O Igp-m: 1, (tacit) ele/ela (referent: O IGP-M): 2
3 sessão 0 0 NONE 4 uma sessão: 1, a sessão: 3
4 barril 0 0 NONE 3 o barril: 1, barril: 2
5 contrato 0 0 NONE 3 O contrato: 3
6 dólares 0 0 NONE 3 62,53 dólares: 1, 52,77 dólares: 1, 53,43 dólares: 1
7 esta 0 0 NONE 3 esta: 3
8 Índice de Preços 0 70 ORGANIZATION 2 o Índice_de_Preços: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Índice_de_Preços): 1
9 cotação 90 20 NONE 2 a menor cotação: 1, cotação máxima: 1
10 52,77 dólares 0 0 NONE 2 (tacit) eles/elas (referent: 52,77 dólares): 2