Exatus libera resultados de exames médicos do concurso da PM de 2014

Por: SentiLecto

Faz 5 meses, se divulgaram os resultados de os exames médicos de o concurso de a Polícia Militar do Estado do Rio de polêmicas, de Janeiro, realizado em 2014. Faz 5 meses, em a ocasião, a escolha de a companhia Exatus como banca organizadora de o processo seletivo para soldados provocou muitos debates, por se Eram prometidas seis mil vagas para o posto.

Somente agora, após a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta , a companhia divulgou o resultado das avaliações médicas. Os candidatos poderão entrar com recursos nos dias 25 e 26 deste mês. Depois desse prazo, a Exatus vai divulgar a classificação final do processo seletivo.

O acordo sobre a liberação dos resultados só foi possível por causa de uma investigação civil. Faz 5 meses, se realizou uma reunião sobre o tema em a última, em a Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania, com a presença de integrantes de a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, de o Ministério Público, de a Procuradoria-Geral do Estado e de a Exatus.

De acordo com a Polícia Militar, a banca organizadora do concurso entregou todo o material pendente. Somente após checar as informações, a corporação realizou os pagamentos devidos à organizadora.

Coronel Márcio Basílio por meio de nota informou: “Ficou adaptado que a companhia vai publicar em seu site, nos próximos dias, os resultados dos exames médicos e, vai publicar-se a classificação final após o prazo recursal, também”. Coronel Márcio Basílio é o subchefe do Estado-Maior-Geral Administrativo.

A orientação da PMERJ para os candidatos é que fiquem atenciosos ao site da Exatus . Em casos de dúvida, têm que entrar em contato com o Centro de Recrutamento e Seleção de Praças da Polícia Militar, pelo telefone 21-2333-6050.

Também é necessário estar em dia com as deveres eleitorais e militares .

POLÊMICA SE ARRASTA HÁ ANOS

Faz 2 anos, os candidatos já padeciam com a demora em a liberação de os resultados, em julho de 2016. Na ocasião, o processo seletivo já estava parado, e a companhia não passava as informações aos participantes. A Exatus, que é do interior paranaense, não estava mais atuando no Rio de Janeiro e não entregava os resultados dos exames médicos, afirmando que não tinha recebido uma das parcelas de pagamento da PMERJ.

Aplicaram-se as provas objetivas de o concurso em 31 de agosto de 2014, também cercadas de polêmica, já que muitos concorrentes reclamaram de equívocos de segurança e vazamento de as questões. Logo após a aplicação do exame, fotografias, vídeos e acusações com indícios de equívocos circularam em reces sociais.

Concurso da PM: Exatus informa candidato sobre local de exame no dia da prova

Para fazer a matricula, o candidato terá que informar ainda o número do CPF e mandar, via upload, uma foto individual, tirada nos últimos seis meses anteriores à data de publicação do edital. Na imagem, a cabeça e os seus ombros terão que estar descobertos.

A falta de informações prejudicou os candidatos desde o momento das provas. A Exatus Promotores de Eventos de Rio das Ostras , em a Região dos Lagos , advertiu um habitante e Consultorias sobre o local onde faria a prova somente duas horas antes de o exame ser aplicado. ALTA CONCORRÊNCIA, que acompanhe o noticiário de concursos, empregos e chances pelo Twitter @Vida_Ganha e pelo LinkedIn,

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Nigeria, Argentina

Cities: Parana, Lagos

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Exatus libera resultados de exames médicos do concurso da PM de 2014
>>>>>Concurso da Polícia Federal tem edital retificado – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 candidatos 0 124 NONE 4 os candidatos: 3, Os candidatos: 1
2 Exatus 0 0 ORGANIZATION 3 A Exatus e recebido uma de as parcelas de pagamento de a PMERJ: 2, a Exatus: 1
3 a empresa 0 0 NONE 3 (tacit) ele/ela (referent: a empresa): 3
4 empresa 0 0 NONE 3 a empresa: 3
5 provas 40 0 NONE 2 as provas: 1, As provas objetivas: 1
6 Polêmica 0 0 PERSON 2 Polêmica: 1, polêmica: 1
7 Somente 0 0 PERSON 2 Somente: 1, Somente agora: 1
8 a liberação de os resultados 0 0 NONE 2 a liberação de os resultados: 2
9 alta Concorrência 0 0 OTHER 2 alta Concorrência: 2
10 candidato 0 0 NONE 2 o candidato: 1, candidato: 1