Friboijbs.jpg

Funcionário da JBS investigado na Operação Carne Fraca não estava cedido ao Ministério da Agricultura

Foto: Wikipedia – Friboi jbs

A Polícia Federal exibiu Flavio Cassou como executivo de o grupo. Flavio Cassou é funcionário da JBS detido na Operação Carne Fraca. Mas Cassou trabalharia, segundo uma nota da companhia divulgada na sexta-feira, como “médico veterinário cedido ao Ministério da Agricultura”. Médico veterinário é funcionário da Companhia. O ministro da Agricultura, em entrevista ao GLOBO no sábado, alegou que “Não existe isso, toda a fiscalização é feita por técnicos públicos, não há chance de termos pessoas privadas cedidos por companhias para fazer esse controle, sempre são servidores públicos”. A JBS, por sua vez, mandou nova nota no sábado, na qual alega que o funcionário estaria “a serviço do governo”

Além da família de Daniel Gonçalves, a organização criminosa no Paraná incluía os fiscais Maria do Rocio Nascimento, Carlos Cesar Eraldo Cavalcanti Sobrinho, Renato Manon, Tarcício de Almeida de Freitas, Sergio Antônio de Bassi Pianaro, Josenei Manoel Pinto — e ainda Cassou e Roney, da BRF e da JBS, respectivamente. Carlos Cesar é luiz Carlos Zanon Júnior.- A JBS confirmou nesta sexta-feia que a operação deflagrada pela Polícia Federal para desarticular uma organização que pagariam propina para a liberação de mercadorias sem fiscalização aconteceu em três unidades produtivas da empresa. De acordo com comunicado duas das unidades ficam no Paraná e outra em Goiás. Mas a JBS realçou que adota no Brasil e no mundo estritos normas de característica. “A JBS e suas subsidiárias atuam em absoluto cumprimento de todas as regras regulatórias em relação à produção e à comercialização de alimentos no país e no exterior e apoia as ações que visam pucastigar descumprimento de tais noregras afalegou gigante de alimentos em comunicado. Ainda que não há nenhuma medida judicial, a companhia realçou contra os seus executivos, bem como que sua sede não foi alvo dessa operação. A subsecretaria de Vigilância e Fiscalização Sanitária do município do Rio vai se reunir no fim da tarde desta sexta-feira para definir ações de fiscalização em supermercados, açougues e provedores de carne. A necessidade de uma força-chamada Carne Fraca, que investiga 40 companhias do setor que estariam adulterando e vendendo carne estragada dentro e fchamada Carne Fraca, que investiga 40 companhias do setor que estariam adulterando e vendendo carne estragada dentro e fora do Brasil. Chamada Carne Fraca, que investiga 40 companhias do setor é uma grande operação da Polícia Federal. Chamada Carne Fraca, que investiga 40 companhias do setor é uma grande operação da Polícia Federal. Chamada Carne Fraca, que investiga 40 companhias do setor é uma grande operação da Polícia Federal. Entre elas estão as gigantes JBS e BRF.

Na quarta-feira 08 de março – A Polícia Federal prendeu na manhã dMário Celso Lopes, ex-sócio da Eldorado Celulose, companhia do grupo J&F, que controla também a JBS. A prisão fazia parte do segundo período da Operação Greenfield, que apurava um contrato de R$ 190 milhões firmado entre a Eldorado e uma companhia de Mário Celso. A PF suspeitava que esse negócio seja uma tentativa de suborno para que o ex-sócio não cooperasse com os inquéritos. Além da prisão, eram execução de buscas em São Paulo e Mato Grosso do Sul. Os mandados haviam sido expedidos por resolução do juiz Vallisney de Souza, da 10ª Vara da Justiça Federal no DF. Segundo as informações da PF, os alvos desse período estavam sob suspeita de fazerem parte de um esquema de cooptação de testemunhas. A PF alegava: “A suspeita era que um contrato de R$ 190 milhões entre os dois principais sócios de um dos maiores grupos empresariais investigados pela Greenfield tenha sido empregado para mascarar o suborno a um empresário concorrente para que não revelasse informações de interesse do inquérito”. Em pedido de bloqueio de Joesley Batista, um dos proprietários do grupo J&F, o Ministério Público Federal tinha indicado um contrato neste valor entre a Eldorado Celulose e a companhia Eucalipto Brasil S/A, vinculada a Márcio Celso. A suspeita havia chegado aos investigadores por meio de uma testemunha. O contrato tratava de abastecimento de massa floresta de eucalipto para produção de celulose. O inquérito era se a negociação não teria como objetivava “recompensar o silêncio” de um ex-sócio do grupo.

Jbs s.a. é uma companhia de Brasil de goiás, fundada em 1953.

“A legislação de Brasil exige que todas as companhias que forneçam produtos de origem animal conservem em suas plantas um fiscal sanitário para controlar a inspeção local. O artigo 102 do Riispoa calcula que a companhia faça essa contratação, mas que o funcionário fique a serviço do governo”, declara a nota.

O sistema de fiscalização sanitária brasileiro calcula que a verificação de característica das carnes é de responsabilidade da companhia. Ela realiza os testes e repassa os resultados aos servidores do Ministério da Agricultura, que são culpadas por verificar a veracidade dos dados e se aquele produto, com aqueles índices, pode ir para as prateleiras dos supermercados.

Se abatem os animais para frigoríficos, onde , a fiscalização é permanente. Uma equipe de servidores, organizada por um auditor fiscal agropecuário, fica dentro da companhia e inspeciona tanto o animal vivo quanto pós-abate. Todas as partes são inspecionadas, por apalpação ou incisão em gânglios, por exemplo, à pdemandasobretudo de indícios de denfermidades

No acompanhamento da produção pós-abate, o ministério realiza uma coleta de amostras para análise. É nesse ponto que há a verificação de conformidade de resíduos. A periodicidade dessa fiscalização varia: Sorteio define a companhia inspecionada.

Por outro lado, “A Análise dos dados bancários e fiscais de Daniel e seus familiares confirmaram a existência de uma sub-organização criminosa formada por seu núcleo , comandada por ele fora do Mapa. Levando-se em conta somente as informações oficialmente fornecidas pela família em suas declarações de imposto de renda, é possível deduzi pela prática também do crime de lavagem de dinheiro”.

Além das fiscalizações internas, todos os produtos exportados devem passar por um certificado de característica fora do país. Ao decidir adquiri carne brasileira, os próprios fiscais estrangeiros vêm ao Brasil auditar o trabalho realizado.

Faz 2 anos, em uma postagem feita por Cassou o veterinário compartilhou um artigo que exalta o trabalho de o juiz Sérgio Moro, culpada por os processos de 1ª instância de a Operação Lava-Jato. O primeiro parágrafo do texto declara: “Se o juiz Sérgio Moro sumisse hoje, boa parcela dos empresários que encarnam o PIB nacional se sentiria acalmada E teríamos celebração nos arraiais do PT e seus assemelhados”.

Sérgio Fernando Moro, conhecido como Juiz Sérgio Moro, é um juiz, escritor e professor universitário brasileiro.

CONFIRA: Como funcionava o esquema de corrupção nos frigoríficos

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Brazil

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Funcionário da JBS investigado na Operação Carne Fraca não estava cedido ao Ministério da Agricultura
>>>>>Propina no Ministério da Agricultura do Paraná era conhecida como ‘ajuda de custo’ – March 17, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>JBS confirma busca da PF em 3 unidades, mas reitera que cumpre normas regulatórias – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Vigilância Sanitária prepara força-tarefa após Operação Carne Fraca da Polícia Federal – March 17, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Senacon notifica frigoríficos envolvidos na Operação Carne Fraca – March 17, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>De carne estragada a uso de produtos cancerígenos: veja as irregularidades dos frigoríficos – March 17, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Falhas na indústria de carne seriam exceções, diz associação sobre operação da PF – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Confira o esquema de corrupção dos frigoríficos – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>BRF diz após operação da PF que não há risco para seus consumidores – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Ações de BRF e JBS caem mais de 4% na Bolsa com operação da PF – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 JBS 0 0 ORGANIZATION 8 (tacit) ele/ela (referent: A JBS): 1, (tacit) ele/ela (referent: a JBS): 1, a JBS: 3, A JBS: 3
2 eu 0 0 NONE 5 (tacit) eu: 5
3 Flavio Cassou 25 0 PERSON 4 Cassou: 2, (tacit) ele/ela (referent: Flavio_Cassou): 1, Flavio_Cassou (apposition: funcionário de a JBS): 1
4 empresa 0 0 NONE 4 a empresa inspecionada: 1, empresa: 1, A empresa: 1, a empresa: 1
5 Federal 0 25 PERSON 3 a Polícia_Federal: 2, A Polícia_Federal: 1
6 Carne Fraca 0 0 PERSON 3 chamada Carne_Fraca (apposition: uma grande operação de a Polícia_Federal): 3
7 Sérgio Moro 0 0 PERSON 3 o juiz Sérgio_Moro: 1, Juiz_Sérgio_Moro: 1, Sérgio_Fernando_Moro: 1
8 artigo 0 0 NONE 3 um artigo: 2, O artigo: 1
9 empresas 0 0 NONE 3 empresas: 3
10 fiscalização 0 0 NONE 3 toda_a fiscalização: 1, fiscalização: 1, a fiscalização: 1