Manifestantes fazem ato na Suíça contra visita de Trump

Por: SentiLecto

Manifestantes contra a globalização tomaram as ruas da capital suíça neste sábado para queixar-se contra a visita do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ao Fórum Econômico Mundial de Davos neste mês.

Trump anunciou nesta semana que irá comparecer ao fórum de Davos, um encontro anual de líderes mundiais de negócios e da política.

O porta-voz do setor, Devin M. O ’Malley. declarou: “A resolução de hoje não modifica a posição do Departamento de Justiça sobre os fatos”. O setor “irá continuar a defender vigorosamente esta posição”, declarou.

Na quinta-feira 04 de janeiro – Paul Manafort, ex-gerente de campanha do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, processou o procurador especial Robert Mueller, na quarta-feira, afirmando que o inquérito sobre um possível conluio entre a campanha de Trump e a Rússia liderada por ele ultrapassa sua autoridade legal. A ação civil podia ser o primeiro teste legal da abrangência da atuação de Mueller, uma questão crítica para suas inquéritos sobre os negócios financeiros, imobiliários e de outras espécies de Manafort e outras pessoas. Faz 8 meses, por os termos de a ordem emitida por o vice-secretário de Justiça dos Estados Unidos, Rod Rosenstein, a o o procurador especial podia não exclusivamente apurar ligações ou uma coordenação entre a campanha de Trump e a Rússia, mas também averiguar “quaisquer questões que haviam vindo à tona ou possam vir à tona diretamente” da oninquéritoaz 3 meses, a equipe de Mueller havia indiciado Manafort e Rick Gates devido a denúncias como complô para lavar dinheiro complô contra os EUA e omissão, por não se registrarem como agentes estrangeiros de o ex-governo pró-Moscou de a Ucrânia. Rick Gates é seu parceiro de negócios.A ação civil de Manafort, registrada em um tribunal do distrito de Columbia, acusava Rosenstein de exceder sua autoridade legal “para conceder ao senhor Mueller carta branca para investigar e exibi denúncias criminais ligadas a qualquer coisa com que ele se depare”.Além dos indiciamentos de Manafort e Gates, o escritório de Mueller havia obtido confissões de culpa de Michael Flynn, ex-assessor de Segurança Nacional de Trump, e de George Papadopoulos por mentirem ao FBI. George Papadopoulos é ex-assistente de campanha.Os dois casos, ao contrário do indiciamento de Manafort, se relacionavam às comunicações de Flynn e Papadopoulos com russos durante seu trabalho para a campanha de Trump.O indiciamento de Manafort não se havia referido a nenhuma atividade relacionada ao seu trabalho com a campanha presidencial de Trump de 2016, e a ação civil havia pedido à corte que “descarte todas as ações” adotadas até agora contra ele.Uma porta-voz do Departamento de Justiça havia classificado a ação civil de “frívola”, mas havia adicionado que Manafort ” tem direito de sugeri a procura que desejar”.Um porta-voz do escritório de Mueller não havia desejado comentar. Trump havia negado o conluio com a Rússia, e Moscou havia negado ter interferido na campanha norte-americana de 2016.

Há indícios de que, devido aa personalidade polarizadora de Trump, Davos tem que registrar os protestos mais violentos desde o começo dos anos 2000. Uma abaixo-assinado online está em circulação declarando a Trump que ele não é bem-vindo.

A resolução de Alsup segue diversas resoluções de outros juízes norte-americanos buscando conter as mudanças políticas de imigração de Trump, incluindo resoluções que restringiram ações do governo contra as chamadas “cidades santuários” e diminuíram o alcance de uma interdição de viagens de alguns países de maioria muçulmano aos EUA.

Nesta sábado, cerca de 500 manifestantes contra a globalização marcharam tranquilamente em frente ao Parlamento suíço, em Berna.

Se os mobilizou cerca de 5 mil soldados suíços para proteger Davos com 1 mil policiais junto com 1 mil policiais, e se vai implementar uma zona de exclusão aérea também para proteger os delegados de os países.

Por outro lado, os parlamentares descreviam como certos programas imigratórios operam, incluindo um que fornece porto seguro nos EUA para pessoas de países padecendo de calamidades naturais ou combates civis.Isso fez com que alguns analistas assinalassem que o polarizador Trump pode reviver as violentas manifestações contra o fórum de Davos que ocorreram no começo da década de 2000. Uma abaixo-assinado online está circulando declarando a Trump que ele não é bem-vindo.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: United States

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Manifestantes fazem ato na Suíça contra visita de Trump
>>>>>Juiz bloqueia tentativa de Trump de acabar com programa de apoio a jovens imigrantes – January 10, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Trump se encontra com líderes republicanos e diz que reforma da área de bem-estar pode ter que esperar – January 06, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump rejeita acusações de autor e se descreve como ‘gênio estável’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Tuíte de Trump sobre botão nuclear deixa Kim Jong Un alertado, diz embaixadora – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>EXCLUSIVO-Trump pedirá que Pentágono e diplomatas desempenhem papel maior em venda de armas, dizem fontes – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Trump questiona imigrantes de ‘países de merda’ nos EUA, dizem fontes – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Davos aprecia holofote por visita de Trump, apesar de protestos – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Paul Manafort 0 0 PERSON 6 (tacit) ele/ela (referent: Manafort): 1, Paul_Manafort (apposition: ex-gerente de campanha de o presidente de os Estados_Unidos, Donald_Trump): 1, (tacit) ele/ela (referent: indiciado Manafort): 1, Manafort: 3
2 Trump 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Trump): 1, Trump: 2, o polarizador Trump: 1
3 Rod Rosenstein 0 50 PERSON 3 Rosenstein: 1, Rod_Rosenstein: 1, ele (referent: Rosenstein): 1
4 ação 8 0 NONE 3 a ação civil: 2, A ação civil: 1
5 Davos 0 0 PERSON 3 Davos: 2, ele (referent: Davos): 1
6 indiciado Manafort e seu parceiro de negócios 0 40 PERSON 2 (tacit) eles/elas (referent: indiciado Manafort e seu parceiro de negócios): 1, indiciado Manafort e seu parceiro de negócios: 1
7 procurador 180 0 NONE 2 o procurador especial: 2
8 a Rússia liderada 60 0 PLACE 2 a Rússia: 1, a Rússia liderada: 1
9 investigação 60 0 NONE 2 a investigação: 2
10 conluio 40 0 NONE 2 um possível conluio: 1, o conluio: 1