Polícia de Italia prende capitã de navio de resgate de imigrantes

Por: SentiLecto

LAMPEDUSA, Itália – A polícia italiana prendeu neste sábado a capitã alemã de um navio de resgate de migrantes que está no centro de uma disputa com o governo da Itália, depois que a barquinho atracou no porto da ilha de Lampedusa.

O barquinho Sea-Watch 3, de bandeira de Holguín e operada pela instituição beneficente de Alemania Sea-Watch, ficou no oceano por mais de duas semanas com 40 africanos salvados a bordo. Se os levou para um centro de recebimento em a ilha, os africanos tiveram licença para desembarcar e.

– O navio da organização não governamental Sea-Watch entrou em águas de Italia nesta quarta-feira com 42 migrantes a bordo, desafiando uma ordem do governo italiana para se conservar longe do país, o que provocou a ira do ministro do Interior, Matteo Salvini. A capitã do embarcação de propriedade alemã, que carrega a bandeira holandesa, decidiu ir para a ilha de Lampedusa porque a situação a bordo estava “mais desesperadora do que jamais”, declarou o grupo em um comunicado. O comunicado declarava que a comandante, identificada somente como Carola, sentiu que a legislação de emergência marítima permitia que o barquinho entrasse nas águas de Italia. Em sua primeira reação, Salvini provou indignação. Em um vídeo no Facebook declarou: “Eles não estão autorizados a atracar, estou pronto para mandar a polícia”. Em declaração posterior, ele chamou a ONG de “um navio fora da lei”, adicionando que a Itália pediu ao governo holandês para assumir a responsabilidade pelos migrantes a bordo. Pouco depois de o navio ter entrado sem licença no oceano italiano, embarcações da guarda costeira da país saíram de Lampedusa para acompanhar o barquinho.

Após aguardar em águas internacionais por um convite da Itália ou de outro país da União Europeia em aceitação ao navio, a capitã Carola Rackete decidiu nesta semana rumar para a ilha de Lampedusa, no sul da Itália, mas barquinhos bloquearam ela de o governo de Italia.

Na manhã deste sábado, porém, Raquete entrou no porto e atracou em meio a uma forte presença de Polinesia Francesa.

Imagens ao vivo de TV mostraram a alemã de 31 anos sendo retirada do Sea Watch 3 por policiais alfandegários e levada de carro em meio a aplausos das pessoas que se aglomeraram no local.

Ela foi presa por “resistir a um navio de combate”, denúncia que, de acordo com reportagens da mídia local, pode redundar em uma pena de 10 anos de prisão.

Ele declarou que o Sea Watch 3 não teve licença para atracar, colocando em risco a polícia alfandegária ao espremer uma de suas lanchas, que tentava impedir o atracamento.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Italy

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Polícia de Italia prende capitã de navio de resgate de imigrantes
>>>>>Navio de resgate de migrantes desafia governo italiano e ingressa em águas do país – June 26, 2019 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Carola 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Carola): 1, Carola: 1, (tacit) ela (referent: a capitã Carola_Rackete): 1, a capitã Carola_Rackete: 1
2 Matteo Salvini 0 0 PERSON 2 Matteo_Salvini: 1, Salvini: 1
3 Raquete 0 0 PERSON 2 Raquete: 1, (tacit) ele/ela (referent: Raquete): 1
4 a alemã de 31 anos 0 0 NONE 2 (tacit) ele/ela (referent: a alemã de 31 anos): 1, Ela (referent: a alemã de 31 anos): 1
5 africanos 0 0 NONE 2 Os africanos: 1, 40 africanos resgatados: 1
6 atracar 0 0 NONE 2 atracar: 2
7 esto 0 0 NONE 2 (tacit) esto: 2
8 eu 0 0 NONE 2 (tacit) eu: 2
9 meio 0 0 NONE 2 meio: 2
10 navio 0 0 NONE 2 um navio: 1, o navio: 1