Vírus se espalha por mais cidades de China; delegação confirma contaminação entre humanos

Por: SentiLecto

O surto de um novo coronavírus –que a Comissão Nacional de Saúde da China confirmou ser transmissível entre humanos– se disseminou por mais cidades chinesas, incluindo a capital Pequim e Xangai, e um quarto caso fora das fronteiras do país.

A delegação, adicionando que acredita que o surto pode ser controlado alegou: “Nossa delegação vai intensificar a guarda durante o Festival da Primavera, vai prestar muita atenção ao desenvolvimento e mudança da epidemia e vai direcionará a implementação de medidas de prevenção e controle”.A China relatou mais quatro casos de pneumonia que seria provocada por uma nova estirpe de coronavírus, provocando preocupações cada vez maiores ao redor do mundo de que uma enfermidade que oficiais de saúde ainda não compreendem totalmente possa se disseminar durante um fase chave de férias.- A Comissão Nacional de Saúde da China confirmou nesta segunda-feira a transmissão entre humanos de um novo vírus que vem provocando um surto de pneumonia no país e que contagiou funcionários da área de saúde, segundo a agência de notícias estatal de China Xinhua. A agência informou que Zhong Nanshan, expert em respiração e chefe da equipe da delegação de saúde que investiga o surto, confirmou que dois casos de infecção na província de Guangdong, na China, aconteceram por transmissão entre humanos.

Segundo a agência estatal de notícias Xinhua, o órgão de saúde de China confirmou nesta segunda-feira que o vírus, que provoca uma espécie de pneumonia, pode ser passado de pessoa para pessoa.

Xi Jinping declarou que conter o surto e resgatar vidas é uma prioridade porque o número de pacientes mais que triplicou e uma terceira pessoa faleceu. Xi Jinping é o presidente de China.

Além das obstáculos de conter o vírus, centenas de milhões de chineses vão viajar pelo país e exterior durante o feriado do Ano Novo Lunar, que inicia nesta semana.

Na uma vez que a ampliação de casos confirmados causa temor de que o vírus possa se disseminar para outros países, sua vez, a China vai intensificar os esforços para conter o surto de coronavírus em Wuhan antes do feriado do Ano Novo Lunar.

Autoridades de todo o mundo, inclusive nos Estados Unidos e em muitos países asiáticos, intensificaram a triagem de viajantes de Wuhan, a cidade central onde o vírus foi descoberto.

“Wuhan é um centro importante e, com as viagens sendo uma parte pertinente do ano novo chinês que se aproxima, o nível de preocupação tem que permanecer alto. Há mais por vir desse surto”, declarou Jeremy Farrar, expert em epidemias e diretor de enfermidades infecciosas da instituição de saúde mundial Wellcome Trust.

Autoridades de China confirmaram um total de 217 novos casos do vírus na China até o começo da noite desta segunda-feira , informou a TV estatal, 198 dos quais em Wuhan.

Cinco novos casos foram confirmados em Pequim e mais 14 na Província de Guangdong, segundo o relatório. Outro comunicado confirmou um novo caso em Xangai, elevando o número de casos conhecidos em todo o mundo para 222.

“A vida e a saúde das pessoas têm que receber a maior prioridade e a disseminação do surto tem que ser resolutamente controlada”, alegou o presidente Xi segundo a TV estatal.

O vírus pertence à mesma família de coronavírus da síndrome respiratória aguda grave , que matou quase 800 pessoas em todo o mundo durante um surto em 2002/03 que também começou na China.

Os sintomas incluem febre e obstáculo respiratório, que são semelhantes a muitas outras enfermidades respiratórias e acabam trazendo complicações para os esforços de diagnóstico.

Zhong Nanshan, expert em problemas respiratórios e chefe do time da delegação de saúde investigando o surto, confirmou que os dois casos de infecção na província de Guangdong foram resultado de transmissão entre humanos, declarou a Xinhua. Infectou-se alguns funcionários de a área médica , adicionou o veículo, mas sem fornecer um número.

ALÉM DAS FRONTEIRAS

A Coreia do Sul confirmou na segunda-feira o primeiro caso, um chinês de 35 anos que viajou de Wuhan, o quarto paciente registrado fora da China.

Na semana passada, foram relatados dois casos na Tailândia e um no Japão. Todos os três envolveram pessoas de Wuhan ou que visitaram a cidade recentemente.

Um relatório do MRC Center para Análise Global de Doenças Infecciosas do London Imperial College estimou que, em 12 de janeiro, houve 1.723 casos na cidade de Wuhan com o aparecimento de sintomas relacionados. As autoridades de saúde chinesas não comentaram diretamente o relatório.

“Esse surto é altamente angustiante. Incertezas e lacunas permanecem, mas agora está claro que há transmissão de pessoa para pessoa”, declarou Farrar.

A Organização Mundial da Saúde informou na segunda-feira que “uma fonte animal” parece ser a principal fonte do surto e que alguma “transmissão restringida de humanos para humanos” aconteceu entre contatos próximos.

O Conselho de Estado da China reiterou que o governo vai intensificar os esforços de prevenção e para encontrar a fonte dos canais de infecção e transmissão o mais rápido possível, declarou a TV estatal na segunda-feira.

Ações de companhias farmacêuticas e fabricantes de máscaras dispararam na China por conta do surto.

Uma pessoa em observação na rede social de China Weibo declarou: “Quem sabe quantas pessoas que estiveram em Wuhan podem não saber que se as contagiaram já ?”.

O jornal estatal Global Times declarou em um editorial que o governo precisa divulgar todas as informações e não repetir os erros cometidos com a Sars. As autoridades de China esconderam o surto de Sars por semanas.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: China, Thailand

Cities: Wuhan

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Vírus se espalha por mais cidades de China; delegação confirma contaminação entre humanos
>>>>>China intensifica medidas contra surto de vírus – January 19, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>China relata novos casos de vírus e causa preocupação mundial antes de feriado – January 18, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>OMS diz que novo coronavírus da China pode se espalhar e alerta hospitais pelo mundo – January 14, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Morre homem infectado em surto de vírus misterioso na China – January 11, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>China confirma transmissão entre humanos de novo coronavírus, segundo Xinhua – January 20, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Acordo EUA-China fornece modelo para principais países em política cambial, diz BC da China – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 a China 0 50 PLACE 7 (tacit) ele/ela (referent: A China): 2, a China: 4, A China: 1
2 surto 0 70 NONE 5 surto: 1, o surto: 3, Esse surto: 1
3 pessoa 0 0 NONE 5 uma pessoa: 1, pessoa: 3, uma terceira pessoa: 1
4 Organização Mundial da Saúde 0 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: A Organização_Mundial_da_Saúde): 3, A Organização_Mundial_da_Saúde: 1
5 Wuhan 0 0 PLACE 4 Wuhan: 4
6 eu 0 0 NONE 4 (tacit) eu: 4
7 vírus 0 0 NONE 4 um novo vírus: 1, o vírus: 3
8 Xi Jinping 0 70 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Xi_Jinping): 2, Xi_Jinping (apposition: O presidente chinês): 1
9 especialista 270 0 NONE 3 especialista: 3
10 Zhong Nanshan 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Zhong_Nanshan): 1, Zhong_Nanshan: 2