Porta dos Fundos não é de esquerda, e humor tem que ser de oposição, declara fundador

Por: SentiLecto

Antonio Tabet, do Kibe Loco, um dos cinco fundadores e sócios do Porta dos Fundos, alegou que há muita heterogeneidade política dentro do grupo e que eles não são de esquerda. Para ele, o humor tem que ser oposição ao status quo.

“No Porta nós somos heterogêneos. Nós chegamos à cfinalizaçãode que esse fla-flu político é uma itolice, quando falamos sobre políticaque não serve para ninguém. Nós todos desejamo a mesma coisa, que político assaltante seja preso, que corrupto vá para cadeia. Só que alguns acreditam mais em um percurso e alguns em outros. Só que a gente se respeita, se adora e se ama, e a gente consente em discordar”, declarou Tabet, ao ser questionando, durante painel na Comic Con, se a posição política de Gregorio Duvivier, um dos integrantes do grupo, poderia influir as esquetes do Porta.

Ainda que é fã de Duvivier, tabet alegou, e que o considera uma pessoa bastante inteligente. “Ele tem as preferências dele, como cada integrante do grupo tem a sua.”

Fábio Porchat também consente com Tabet e recorda que foram feitos vários vídeos satirizando a esquerda. “Porta bate em todo mundo. Não dá para declarar que ele é de esquerda. A gente tem vários vídeos sacaneando Lula e Dilma.”

Na sua vez, fábio Porchat, que está no elenco principal fazendo o papel de Jesus, assina o roteiro com Gregório Duvivier, que interpreta Judas, junto a Antonio Tabet e Rafael Portugal. O “Especial de Natal – Se Beber Não Ceie” estreia em 21 de dezembro na Netflix.

“Humor é oposição ao status quo. A gente passou muito tempo zoando Lula e Dilma porque eles estavam há quatro mandatos no poder. A partir de agora, vamo fazer vídeos sacaneando Bolsonaro”, completou Tabet.

A dupla também comentou sobre os novos projetos de expansão do Porta Dos Fundos, que desde o ano passado pertence à Viacom, talento da MTV. Fábio Porchat recorda que o negócio com a companhia trouxe aporte financeiro para que o Porta começasse seu processo de internacionalização.

“Continuamos como sócios, mas com um parceiro gigante, que não só vai nos internacionalizar, mas também conseguimos contratar mais roteiristas, porque a sensação é que Porta havia batido no telhado e que com as nossas pernas não íamos conseguir”, declarou Porchat.

O humorista alegou que a Viacom firmou uma parceria com a Amazon, como fez com a Netflix para arremessar produtos do Porta dos Fundos.

A produção vai ser uma versão com humor da Santa Ceia e o vídeo é o mais aguardado do ano entre os fãs do Porta dos Fundos.

Ian Raul Samarão Brandão Fernandes recorda que já há esquetes sendo dubladas para a língua de Espanha, como também, a seleção de atores para que atores de Mexico reproduzam os textos. Ian Raul Samarão Brandão Fernandes é o produtor do Porta. Tabet alegou também que está em processo a produção para o inglês.

Além da internacionalização, Fábio Porchat alega que o Porta tem investido cada vez mais na produção de novos conteúdos, que não estão relacionados diretamente com as esquetes, como o canal de games de Totoro ou seu programa sobre viagens, Porta Afora.

Entre os principais destaques no primeiro semestre de 2019 estão “Homens?”, série de humor que vai abordar o universo masculino com olhar mais crítico, “Guiana”, “Surfe de Titãs”, com Afonso Vendramini, além da quinta temporada de Porta Afora.

No Porta dos Fundos, declara Tabet, sempre se procurou falar das minorias, mas também fazer humor com o opressor mostrando o opressor. “Você luta o machismo também, quando você expõe o machista dessa forma. E conseguimos trilhar isso em nosso percurso.”

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Porta dos Fundos não é de esquerda, e humor tem que ser de oposição, declara fundador
>>>>>Netflix e Porta dos Fundos anunciam especial de Natal ‘Se beber não ceie’ – December 07, 2018 (FolhaGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 0 15 NONE 10 Nós: 1, (tacit) nós: 7, nós: 2
2 Antonio Tabet 0 0 PERSON 8 (tacit) ele/ela (referent: Tabet): 1, o (referent: Tabet): 1, Tabet: 6
3 Fábio Porchat 80 0 PERSON 4 Porchat: 1, Fábio_Porchat: 3
4 gente 80 0 NONE 4 a gente: 2, A gente: 2
5 eu 0 0 NONE 3 (tacit) eu: 3
6 grupo 0 0 NONE 3 grupo: 2, o grupo: 1
7 o Porta 0 0 PLACE 3 o Porta: 3
8 você 0 0 NONE 3 (tacit) você: 1, você: 2
9 idiotice 0 180 NONE 2 uma idiotice: 2
10 preso 0 160 NONE 2 preso: 2