Maracanã “segue” Corinthians e pede conscientização no Carnaval

Por: SentiLecto

O Maracanã promete ferver durante o feriado de Carnaval no Rio de Janeiro. Entre sábado e quarta-feira , o estádio vai receber duas finais, ambas envolvendo o Flamengo. A expectativa é de que mais de 100 mil pessoas adicionadas lotem o templo sagrado do futebol global nas duas partidas.

A junção entre futebol e folia inspirou a Feng Brasil a arremessar uma campanha de conscientização. A Feng Brasil é companhia que faz a administração das redes sociais da Maracanã. A ideia foi batizada de #Maracanã100, mas com o “100” sendo imaginado com a letra “s”, e não com a letra “c”.

A parceria ainda vai aproveitar a chance para tocar em outros temas importantes para a sociedade, como a ligação arriscada entre álcool e direção. A frase “Não beba e conduza” vai fazer parte das postagens voltadas à conscientização.

No domingo 26 de janeiro os torcedores do Lyon comemoraram o triunfo por 3 a 0 sobre o Toulouse, neste domingo, mas um evento ainda aos 21 minutos de partida deu um susto em todos os presentes no estádio. O jovem atacante Martin Terrier, de 22 anos, teve um mal abrupto e caiu desacordado em campo.

Isso porque a campanha prega uma mistura de futebol e Carnaval sem assédio, sem violência, sem preconceito e sem sujeira. O objetivo principal é colocar na cabeça do público que, não é pelo fato de que é futebol e/ou Carnaval, que as pessoas podem ter condutas que não teriam na sociedade no dia a dia.

Seja qual for a forma como ela se manifesta, é sempre uma derrota com gol contra. Cartão vermelho. #Maracanã100 violência! pic.twitter.com/gLVSlPfEz8

Esta não é a primeira vez que a Feng Brasil cria uma ação para mexer com os fãs de futebol. A companhia, que assumiu as redes sociais do Maracanã em novembro de 2019, é especializada em projetos de engajamento de torcedores e atua na administração de alguns dos principais programas de sócio-torcedor do país, como Flamengo, Vasco e Santos, além do Allianz Parque e das redes sociais do Campeonato Brasileiro.

Por outro lado, frases como “Não é Não!” e “Respeita as Minas” serão divulgadas nas redes sociais do clube e também do Meu Corinthians BMG. Para se ter uma ideia, dados das companhias de transporte público de São Paulo mostram que uma mulher é vítima de importunação sexual na Grande São Paulo a cada 20 horas.

Vale recordar que, nesta quinta-feira , o Corinthians, em parceria com seu patrocinador máster, o banco BMG, também arremessou uma campanha em prol do respeito nos dias de folia. O objetivo é transmiti mensagens contra o assédio e a violência sexual, cujos números costumam ampliar em 20% no Carnaval, segundo o governo federal.

Dá pra torcer, cantar, vibrar… Se coordenar direitinho, todo mundo se diverte em um #Maracanã100 sujeira! pic.twitter.com/lUVDxapniq

Fonte: maquinadoesporte-pt

Sentiment score: NEUTRAL

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Maracanã “segue” Corinthians e pede conscientização no Carnaval
>>>>>Corinthians e BMG se unem por conscientização no Carnaval – February 20, 2020 (maquinadoesporte-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 violência 0 240 NONE 3 a violência sexual: 1, violência: 1, Maracanã100 violência: 1
2 Carnaval 0 0 OTHER 3 o Carnaval: 1, Carnaval: 2
3 objetivo 130 120 NONE 2 O objetivo principal: 1, O objetivo: 1
4 expectativa 100 0 NONE 2 A expectativa: 2
5 campanha 95 0 NONE 2 uma campanha: 1, a campanha: 1
6 Não 80 0 PERSON 2 Não: 1, (tacit) ele/ela (referent: Não): 1
7 Feng Brasil 0 0 ORGANIZATION 2 a Feng_Brasil: 1, a Feng_Brasil (apposition: empresa): 1
8 Toulouse 0 0 ORGANIZATION 2 (tacit) ele/ela (referent: o Toulouse): 1, o Toulouse: 1
9 comportamentos 0 0 NONE 2 comportamentos: 2
10 empresa 0 0 NONE 2 A empresa: 2