Por Olimpíada , Olimpíada escala para 7º torneio seguido em o judô

Tem sido prática no judô brasileiro conservar os melhores do País em algumas competições, para priorizar treinos e também para escondê-los do estudo dosadversárioss. Com Rafael Silva é diferente. O peso pesado ficou parado durante todo o segundo semestre do ano passado, David Moura passou ele em o ranking olímpico, e agora precisa correr atrás do perda. No próximo fim de semana, disputará seu sétimo torneio seguido.

Em 22 de janeiro, Rafael Silva só ficou de fora de uma competição para a qual a Confederação Brasileira de Judô mandou equipe: o Aberto de Sofia, na Bulgária, na semana seguinte, desde que voltou às competições no Grand Prix de Havana . Depois, não ficou fora de nenhuma convocação.

Recuperado, ganhou ouro nos Abertos de Lima e Buenos Aires e, no fim de semana passado, faturou o bronze no Grand Prix de Tbilisi, na Geórgia. No domingo que vem, compete no Grand Prix de Samsun, na Turquia. Ali, vai ter como adversária David Moura. O mato-grossense só competiu duas vezes no ano, ganhando o ouro em Sofia e o bronze no Grand Slam de Paris.

Como na Olimpíada cada país só pode ter um judoca por categoria, Rafael Silva e David Moura brigam por uma única vaga no peso pesado. A CBJ, que recebeu os convites destinados ao país-sede, é quem vai selecionar entre eles, levando em consideração o ranking olímpico. Hoje, Moura tem um benefício de apenas 74 pontos.

O Grand Prix de Samsun também é importante por ser a última competição antes do Campeonato Pan-Americano de Judô, que vai ser no fim de abril, em Havana. A CBJ vai levar o melhor do ranking mundial em cada categoria, mais dois judocas “extras” no masculino e dois no feminino. Quem ganhar a oportunidade de competir vai ter ótima chance de pontuar no ranking.

Na categoria até 60kg, Eric Takabatake está pouco atrás de Felipe Kitadai no ranking global e terá a chance de pular na frente. O mesmo vale para Rafael Buzacarini, da até 100kg, que precisa do ouro para passar Luciano Corrêa. Mas um bom resultado pode persuadi a CBJ a levá-lo a Havana numa das duas vagas extras.

A equipe masculina em Samsun também vai ter Charles Chibana , Alex Pombo , Victor Penalber e Tiago Camilo , todos melhores brasileiros em suas respectivas categorias. No feminino vão Sarah Menezes , Mariana Silva , Maria Portela e Rochele Nunes . Só Rochele é a segunda brasileira da sua categoria, mas, em 22.º do ranking, ela tende a receber oportunidade em Havana.

Na até 90kg, Tiago Camilo segue só quatro pontos à frente de Eduardo Bettoni após perder na estreia em Tbilisi – o veterano só foi ao pódio de dois torneios do Circuito Mundial em todo o ciclo olímpico. Na até 73kg, Marcelo Contini passou Alex Pombo após o quinto lugar na Geórgia e agora tem 27 pontos de benefício.

Até o fim do fase de classificação para a Olimpíada serão mais quatro torneios, apenas: os continentais, o Grand Slam de Baku , o Grand Prix de Almaty e o Masters, em Guadalajara . Deste último só podem participar os 16 melhores do ranking global. Com notícias do Estadão Conteúdo.

O ouro na Geórgia valeu 300 pontos para Rafaela no ranking global, que foi atualizado nesta segunda-feira. Ela subiu oito posições na categoria até 57kg e agora aparece em oitavo, posição importante para garantir a ela ser uma das cabeças de chave na Olimpíada.

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Turkey, Georgia, Cuba, Bulgaria, Peru, Mexico, France, Argentina

Cities: Havana, Tbilisi, Sofia, Samsun, Paris, Lima, Guadalajara, Buenos Aires

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Por Olimpíada , Olimpíada escala para 7º torneio seguido em o judô
>>>>>Após ouro, Rafaela Silva sobe oito posições no ranking mundial do judô – March 28, 2016 (noticiasaominuto-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 ranking 0 0 NONE 5 o ranking mundial: 3, o ranking olímpico: 2
2 o ouro 75 0 NONE 4 (tacit) ele/ela (referent: O ouro): 1, (tacit) ele/ela (referent: seu sétimo torneio seguido): 1, (tacit) ele/ela (referent: o veterano): 1, (tacit) ele (referent: O peso pesado): 1
3 Recuperado 0 0 PERSON 4 Recuperado: 1, (tacit) ele/ela (referent: Recuperado): 3
4 ouro 0 0 NONE 4 O ouro: 1, ouro: 1, o ouro: 2
5 competição 0 50 NONE 3 uma competição: 2, a última competição: 1
6 o Grand_Prix_de_Samsun 0 50 PLACE 3 (tacit) ele/ela (referent: O Grand_Prix_de_Samsun): 1, O Grand_Prix_de_Samsun: 1, o Grand_Prix_de_Samsun: 1
7 cbj 80 0 ORGANIZATION 3 a CBJ: 1, a cbj: 2
8 David Moura 75 0 PERSON 3 rival David_Moura: 1, Moura: 1, David_Moura: 1
9 Geórgia 0 0 ORGANIZATION 3 a Geórgia: 3
10 Rafael Silva 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Rafael_Silva): 1, Rafael_Silva: 2