“Vamo ser bastante mais do que 11 em Portimão”

Ciente dos obstáculos que a Académica terá contra a “melhor equipa da II Liga”, sendo que a Briosa não poderá contar com três elementos punidos, o treinador conta com um forte suporte vindo das bancadas para vencer por terras algarvias. Ainda que não contava com a saída de Tozé MarrecoJogo com Portimonense, costinha admitiu : “É um jogo importante contra o primeiro classificado, a melhor equipa da II Liga, não só porque vai à frente, pois tem o seu mérito e tem uma belíssima equipa, bem orientada por um excelente treinador. É verdade que vem de resultados que não está habituada a ter, mas teremos um um jogo bastante complicado, Já o mesmo que a equipa do Portimonense tivesse outro espécie de resultados, seria. É importante pontuar e vamo ir certamente tentar conquistar os três pontos. Desejamo fazer melhor do que na primeira volta e temos conseguido até agora. É um jogo que nos pode deixar numa situação ainda mais confortável.Declarou no último jogo, que a Académica iria jogar com onze e iria tentar ganhar em Portimão: “Refarei. Vamo ser bastante mais do que 11 em Portimão para tentar ganhar, porque isto estende-se à bancada e o asuporteimportantíssimo que os nossos adeptos nos têm dado. Vamo ter uma manhã em que nos iremos aplicar, onde iremos tentar fazer de tudo para conseguir o que queremo, que é vencer, sabendo que vamos defrontar uma equipa fortíssima.Saída de Tozé Marreco: “Lidarei da mesma maneira, como quando saíram outros jogadores, lidei. Não estava à espera que ninguém saísse e ninguém chegasse. Acabou por sair o Tozé, um belíssimo jogador, um grande profissional, do qual não tenho razões de queixa, só que há outros complementos do clube que têm de ser levados em consideração. Trabalharemos da mesma maneira. Se foi uma saída que me custou? As saídas custam sempre a qualquer treinador.Reforço Diogo Ribeiro: “Necessitávamos de um avançado, a partir do momento que saiu um avançado. O Diogo estava disponível, se o analisou, conhece a casa , obviamente que não tivemos muito tempo para o fazer, mas compreendemo que podia ser uma solução para o grupo”.Quando temos jogadores punidos, três jogadores punidos: ” é sempre complicado tentar dirigi, mas abre-se uma janela de chances para outros darem o seu contributo e provarem a sua característica. Agora, fica sempre uma sensação insólita, se exagera o castigo pelo menos a o Marinho . É um jogador que não tem histórico de cartões vermelhos e limitou-se a afastar os companheiros e andou lá, enquanto capitão, a tentar acalmar um pouco as coisas. A paga que tem são dois jogos de castigo. Temo que saber viver com isso”.Com castigos e a saída de Tozé Marreco, semana difícil. Confiante?: “Sim, confio no meu grupo de trabalho a 100%. Há sempre jogadores que têm uma característica acima dos outros, o que é normal, mas para mim prevalece mais a característica coletiva do que a individual. Depois dentro do colectvio quem tiver muita característica individual acaba por sobressair, mas conseguimos superar certos desafios, se o coletivo for forte. Quando saiu o Pedro Nuno, conseguimos, quando saiu o Fernando Alexandre, conseguimos e certamente iremos conseguir com a saída do Tozé”.Chegar ao 2.º lugar: “Há uma tentativa de aproximarmo-nos. A minha equipa técnica e os meus jogadores temos um intuito e acreditamos nisso. Isso é o mais importante. Agora, se vai ocorrer ou não, não temos a bola de cristal para saber o que vai ocorrer. Sabemos que se fizermos uma segunda volta melhor teremos mais pontos e isso implica não perder os pontos que perdemos na primeira volta, nomeadamente nas derrotas”.

Contratação do atacante natural de Coimbra aos açorianos deixa a porta aberta para a saída de Tozé Marreco com destino ao Famalicão.Diogo Ribeiro está de volta a casa. O avançado, 26 anos, anulou, esta terça-feira, com o Santa Clara e vai ser reforço da Académica, também da II Liga. Natural de Coimbra, o atacante fez a formação no Sporting e tem feito quase toda a carreira no segundo escalão.De saída do ataque da equipa de Costinha poderá estar Tozé Marreco, avançado que deverá anular com a Académica e vai ter como destino o Famalicão.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Portimao

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>”Vamo ser bastante mais do que 11 em Portimão”
>>>>>Diogo Ribeiro troca o Santa Clara pela Académica – January 31, 2017 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 390 30 NONE 27 nos: 4, (tacit) nós: 23
2 eu 80 0 NONE 10 (tacit) eu: 8, me: 1, mim: 1
3 jogadores 120 60 NONE 6 outros jogadores: 1, meus jogadores: 1, Três jogadores castigados: 1, jogadores castigados: 1, jogadores: 2
4 avançado 400 0 NONE 5 O avançado: 1, avançado: 2, um avançado: 2
5 qualidade 240 0 NONE 4 uma qualidade: 1, a qualidade coletiva: 1, sua qualidade: 1, muita qualidade individual: 1
6 jogo 140 0 NONE 4 o último jogo: 1, um jogo: 2, um jogo importante: 1
7 volta 100 0 NONE 4 volta: 1, a primeira volta: 2, uma segunda volta melhor: 1
8 Costinha 0 36 PERSON 3 Costinha: 2, (tacit) ele/ela (referent: Costinha): 1
9 treinador 280 0 NONE 3 o treinador: 1, qualquer treinador: 1, um excelente treinador: 1
10 equipa 70 0 NONE 3 minha equipa técnica: 1, uma belíssima equipa: 1, a equipa: 1