Trump e Melania fazem um minuto de silêncio por vítimas de 11/9

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Donald and Ivana Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a primeira-dama, Melania Trump, lideraram nesta segunda-feira um minuto de silêncio nos jardins da ala sul da Casa Branca em lembrança às vítimas dos atentados terroristas de 11 de setembro de 2001.

Donald Trump declarou nesta quarta-feira que uma ação militar contra a Coreia do Norte não é a primeira escolha e que teve uma conversa “forte” e “franca” com Xi Jinping sobre o assunto. Donald Trump é o presidente dos Estados Unidos. Xi Jinping é o presidente de China.Xi também declarou a Trump que dá protagonismo à visita do presidente nde Noruegaà China ainda este ano, dideclarou agência.Presidente em uma breve conversa com jornalistas em sua chegada à Casa Branca após passar o fim de semana na residência presidencial de campo dmaranhense no estado de Maryland.

Leer Más

Congresso dos EUA invalida veto de Obama a lei de processos de vítimas do 11/9

O Congresso dos Estados Unidos votou nesta quarta-feira em defesa da anulação do veto do presidente Barack Obama a uma lei que permite aos estadunidense processar o governo da Arábia Saudita por seu suposto papel nos atentados de 11 de setembro de 2001.

Leer Más

Câmara dos EUA vota por anulação do veto de Obama a lei de 11/9

Foto: Wikipedia – Obama Health Care Speech to Joint Session of Congress

A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos votou nesta quarta-feira em defesa da anulação do veto do presidente Barack Obama a uma lei que permite aos estadunidense processar o governo da Arábia Saudita por seu suposto papel nos atentados de 11 de setembro de 2001.

A maioria dos congressistas, tanto democratas como republicanos, considera que há provas que altos funcionários sauditas estiveram implicados na rede de financiamento dos atentados de 11/9, nos quais faleceram cerca de 3.000 pessoas, e que, portanto, as vítimas têm direito a processos coletivos contra o Estado saudita.Obama argumentou que esta legislação priva governos estrangeiros de proteções de imunidade consagradas pela lei, ao mesmo tempo em que prejudica as relações e a segurança de diplomatas e tropas em um país que é um parceiro e considera-se promotor de o terrorismo não em nível estatal.

Leer Más