Orienta-se Mugabe a abdicar em o Zimbábue antes de começo de o processo de impeachment no Zimbábue

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Robert Mugabe May 2015 (cropped)

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, vai enfrentar o começo de um processo de impeachment nesta terça-feira e deveria escutar o pedido de seu povo para, que comandou o Zimbábue desde sua independência, em 1980, que abdique, declarou Emmerson Mnangagwa, candidato do partido governista para troquei-lo. A União Nacional Africana do Zimbábue – Frente Patriótica planeja exibi a moção ao Parlamento, depois que o prazo para que o líder de 93 anos se retirasse do posição expirou ao meio-dia de segunda-feira., mas está testemunhando a rápida corrosão de seu poder. Ele venceu várias votações, mas muitos vêem ele em a África e em outros lugares como um líder que prejudicou sua nação a o se conservar em o poder por tempo demais.

O Comitê Central do partido do presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, a União Nacional Africana do Zimbábue-Frente Patriótica , decidiu neste domingo destitui-lo como líder da legenda e lhetrocouu pelo ex-vice-presidente, Emmerson Mnangagwa, segundo informam meios de comunicação locais.Um porta-voz informou que adotou-se a resolução durante uma reunião extraordinária de o Comitê Central da ZANU-PF realizada hoje, após destituir Mugabe como líder do partido, mas Em 1 mês, que sua designação deverá ser confirmada em um congresso.O líder, de 93 anos, para que abdique. declarou: “O congresso [do partido governista] deve ser realizado nas próximas semanas e eu presidirei as discussões”.

Leer Más

‘Gucci’ Grace Mugabe, a polêmica primeira-dama no centro da luta pelo poder no Zimbábue

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Mugabecloseup2008

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela Inicialmente a primeira-dama do Zimbábue, Grace Mugabe, alega que o vice-presidente Emmerson Mnangagwa, que ao poder, é “uma cobra venenosa” que “deve ser golpeada na cabeça”. Um dia depois, o presidente Robert Mugabe destitui Mnangagwa, que é acusado de deslealdade e abandona o país. A partir daí, o casal presidencial se dedica então a reunir suporte em seu grupo político, a União Nacional Africana do Zimbábue-Frente Patriótica , para conseguir que ela ocupe a vice-presidência do país.

Liderou o país desde 1980, primeiro como primeiro-ministro e, desde 1987 até 2017, como Presidente com poderes executivos.

Leer Más

CORREÇÃO-Mugabe resiste à pressão de militares para deixar governo do Zimbábue, ddeclarafonte

Por: SentiLecto

HARARE – O presidente Robert Mugabe insiste que é o único governante lícito do Zimbábue, declarou uma fonte de inteligência nesta quinta-feira, e está resistindo à mediação de um padre católico que visa conceder ao ex-guerrilheiro de 93 anos uma saída honrosa na esteira de um golpe militar. O padre Fidelis Mukonori, que a fonte não pôde dar detalhes das conversas, que parecem buscar uma transição suave e pacífica após a saída de Mugabe, que comanda o Zimbábue desde sua independência em 1980, está atuando como intermediário entre Mugabe e os generais, que tomaram o poder na quarta-feira por meio de uma operação direcionada a “criminosos” ligados ao presidente, declarou uma fonte política de alto escalão à Reuters.

Leer Más

Mugabe resiste à pressão de militares para deixar governo do Zimbábue, ddeclarafonte

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Mugabecloseup2008

O presidente Robert Mugabe, que está resistindo à mediação de um padre católico que visa conceder ao ex-guerrilheiro de 93 anos uma saída honrosa na esteira de um golpe militar, insiste que é o único governante llícitodo Zimbábue, ddeclarouuma fonte de inteligência nesta quinta-feira , e

Liderou o país desde 1980, primeiro como primeiro-ministro e, desde 1987 até 2017, como Presidente com poderes executivos.

Leer Más

Terrorismo atingiu recorde de países em 17 anos em 2016, assinala estudo

Por: SentiLecto

O terrorismo atingiu um número recorde de países em relação aos últimos 17 anos. Segundo o Global Terrorism Index, 77 países tiveram ao menos uma morte relacionada a atentados no ano passado, comparados aos 65 registrados em 2015.

Leer Más