Casa na Árvore Taringa / Phorm architecture + design

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Ícone de esboço

Do arquiteto. A Casa, que na Árvore traz uma mudança na profissão do terreno, refletindo uma atitude de informalidade inspirada por uma árvore peculiar e pelo território que ela ocupa, na Árvore Taringa é uma extensão da residência no quintal. É, ao mesmo tempo, integrada e independente da casa principal.

A madeira, que é o principal elemento deste projeto é proveniente de fontes locais, e se a deixa em seu estado natural, para envelhecer com o tempo e ganhar coloração acinzentada. Assim, a casa lentamente começa a se mesclar ao ambiente natural, se misturando perfeitamente com as árvores existentes no terreno. A utilização de materiais locais, como madeira reaproveitada de antigas celeiros para a mobília interna e escadaria central, proporcionam conexão direta com os construção locais que são prova de longevidade e durabilidade. Reciclado a partir dos muros que dividem as propriedades rurais, o piso de rochas polidas cobre todo o pavimento térreo e atua como massa térmica. O conforto, simplicidade e aconchego dos materiais selecionados são elementos chave para a atmosfera familiar esperada pelas donas.

Leer Más

Tucano vai sugeri fundo com dinheiro privado para votações de 2018

Por: SentiLecto

Se vai adotar modelo de financiamento de campanhas diante do impasse sobre qual em as votações de 2018, o senador Cássio Cunha Lima vai sugeri a criação de um novo fundo com dinheiro privado.

Leer Más

Secretário da Receita declara que não há definição sobre proposta opção ao Refis

Por: SentiLecto

– Jorge Rachid declarou nesta quinta-feira que a expectativa do governo é fechar um acordo com o Congresso em torno do Programa Especial de Regularização Tributária ainda nesta semana. Jorge Rachid é o secretário da Receita Federal. Segundo ele, não está certo que vai ser enviado à Casa um texto alternativo ao relatório do deputado Newton Cardoso Júnior , que desfigurou a proposta original do Executivo. O relatório aprovado na delegação especial que tratou do assunto concede perdão de 99% sobre o valor de juros e multa da dívida, além de outras mudanças que diminuem drasticamente a receita esperada pela equipe econômica com a medida em 2017. A projeção vai cair de R$ 13 bilhões para menos de R$ 500 milhões, se for aprovado pelos plenários da Câmara e do Senado. Uma das ideias em análise é exibi um emenda aglutinativa durante a eleição da medida no plenário da Câmara. Rachid declarou também que ainda não há nova estimativa de arrecadação em relação à proposta que está sendo renegociada com os parlamentares. Ele evidenciou que o prazo de adesão, pelos termos da medida original , conclui no dia 31 de agosto. — Eu aconselho o contribuinte a aderir até o dia 31 de agosto — declarou o secretário, após participar de audiência na CPI da Previdência. Ao ser indagado sobre a chance de prorrogação do prazo diante de incertezas em relação ao texto final que vai sair do Congresso, respondeu que isso vai depender dos parlamentares.

Leer Más

Presidente da Câmara declara que vai votar projetos para conter insegurança no RJ

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Densidade pop Maia 2011

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia , alegou que a Casa tem que votar projetos para contornar a crise de segurança do Estado do Rio de Janeiro e voltou a criticar o secretário da segurança fluminense, Roberto Sá, nesta terça-feira .

O governo tem que anunciar na segunda-feira novas e maiores metas de deficit primário, que vão passar a R$ 159 bilhões tanto para 2017 quanto para 2018 —mesma cifra obtida em 2016.

Leer Más