Após vexame e ausência na Copa, técnico dos EUA deixa o comando

Por: SentiLecto

O vexame dos Estados Unidos, ficando fora da Copa do Mundo pela primeira vez desde 1986, não passou sem consequências. Nesta sexta-feira, o técnico Bruce Arena, que conquistou a Copa Ouro de 2017, batendo a Jamaica na final, deixou o comando da equipe. No site oficial da federação norte-americana, o próprio comandante colocou um texto explicando sua resolução de sair após o fracasso na tentativa de classificar o país para o Mundial da Rússia, em 2018.

Leer Más

Ilesa após Irma, Jamaica se solidariza com países afetados

Por: SentiLecto

A temporada de furacões na região do oceano do Caribe tem sido especialmente devastadora em 2017. Os estragos causados por esses fenômenos foram enormes, principalmente em decorrência do categoria cinco Irma, que arruinou estruturas e isolou populações tanto das ilhas caribenhas como de cidades norte-americanas. A Jamaica, no entanto, se a poupou . Em mensagem recente a agentes de viagens, Donnie Dawson atualizou a situação na ilha. Donnie Dawson é o diretor do conselho jamaicano.

Leer Más

Na última prova da carreira, Bolt se lesiona e fica sem pódio em revezamento

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Ícone de esboço

Mega-astro do atletismo 30, despediu-se do esporte neste sábado de forma dramática e sem medalha no revezamento 4 x 100 m no Mundial de Londres. Mega-astro do atletismo é usain Bolt.

Este sábado, 12 de agosto de 2017, vai ser a data da aposentadoria de um dos maiores desportistas olímpicos de todos os tempos. Bolt tem oito medalhas de ouro em Olimpíadas, ficando em primeiro lugar nos 100m e nos 200m rasos e no revezamento 4x100m em duas edições dos Jogos: Londres 2012 e Rio 2016, além de alcançar o lugar mails alto do pódio nos 100m e nos 200m em Pequim 2008.

Leer Más

Brasil conclui revezamento 4x100m na sétima colocação

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Final dos 100 metros feminino JMM (21374479374)

O revezamento feminino, uma das esperanças de medalha do Brasil no Mundial de Atletismo de Londres, na Inglaterra, não conseguiu subir ao pódio. Enquanto Thiago André também concluiu os 800m na sétima posição, Franciela Krasucki, Ana Claudia Lemos e Vitória Rosa, o quarteto composto por Rosângela Santos, que foi a sétima colocada nos 100m livres ficou com a sétima posição na final dos 4x100m feminino. As desportistas dos Estados Unidos da América confirmaram o favoritismo e faturaram a medalha de ouro com uma bonita recuperação no fim da prova. Com Tori Bowie, principal nome das norte-americanas, os EUA concluiu na primeira colocação, com o tempo de 41s82.

No masculino, o Brasil vai disputar o revezamento 4x400m, e a prova eliminatória ocorre às 11h50. A ordem dos desportistas do País vai ser Lucas Carvalho, Alexander Russo, Anderson Henriques e Hugo Balduino.

Leer Más