Febraban declara que cheque especial pode mudar ainda neste ano

Por: SentiLecto

Os bancos e o Banco Central anunciaram nesta quarta-feira um trabalho conjunto para reformular o cheque especial com o objetivo de diminuir os juros, como aconteceu no ano passado com mudanças no rotativo do cartão de crédito.

Leer Más

BC e Febraban preparam mudanças para diminuir juros do cheque especial

Por: SentiLecto

– Os bancos e o Banco Central anunciaram nesta quarta-feira um trabalho conjunto para reformular o cheque especial com o objetivo de diminuir os juros, como aconteceu no ano passado com mudanças no rotativo do cartão de crédito. Em nota, a Febraban alegou que estuda maneiras de melhorar o ambiente de crédito no País e trabalha para garantir uma diminuição estrutural do spread – diferença entre as taxas cobradas pelos bancos para conceder crédito e as que pagam para tomar recursos. Trecho do comunicado, adicionando que as medidas serão anunciadas “neste ano, quando forem deduzidas”. declara: “O cheque especial faz parte desse conjunto de ações do setor bancário”. Mais cedo, o BC havia alegado que os bancos assumiram o compromisso de reformular o instrumento do cheque especial com objetivo de diminuir os juros aos clientes, como aconteceu no ano passado com mudanças que limitaram o rotativo. Murilo Portugal deve se reunir ainda quarta-feira com o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia. Murilo Portugal é o presidente da Febraban. com o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia. Quando o Banco Central começou debates com bancos sobre imposição de um prazo máximo para a utilização do cheque especial, o movimento confirma reportagem da Reuters publicada em meados do ano passado , dentro da estratégia implementada no fim de 2016 pelIlan Goldfajn para baratear o preço de crédito no país. Ilan Goldfajn é o presidente do BC. Em a ocasião, os bancos eram mostrados receosos em progredir em os estudos sobre limites a o cheque especial, um de seus produtos mais lucrativos, porque ainda precisavam de mais prazo para avaliar as mudanças em o rotativo. As mudanças, que restringiram a utilização do produto a no máximo 30 dias, provocaram queda gradual dos juros do rotativo. Em 10 meses, terem sido de mais de 450 por cento a o ano, em o fim de novembro a taxa anualizada era de 333,8 por cento depois de. Segundo o BC, em novembro a taxa de juros do cheque especial era de 323,7 por cento ao ano. Essas taxas estão entre as mais caras do mercado de crédito no Brasil e são alvos de pressão do BC para restringi a utilização na rede bancária.

Leer Más

Temer decide afastar vice-presidentes da Caixa por 15 dias

Por: SentiLecto

O presidente Michel Temer decidiu afastar por 15 dias quatro vice-presidentes da Caixa, após recomendação do Banco Central e do MPF .

Leer Más

BC propõe afastamento de vices da Caixa por suspeita de corrupção

Por: SentiLecto

O Banco Central propôs que a Caixa Econômica Federal afaste seus vice-presidentes após inquéritos do próprio banco e do MPF assinalarem suspeitas de corrupção e outras anormalidades envolvendo executivos da instituição.

Leer Más

BCE pode acabar com compras de títulos de uma vez após setembro, declara membro do banco

Por: SentiLecto

O Banco Central Europeu poderia concluir seu esquema de compra de títulos de 2,55 trilhões de euros de uma vez após setembro se a economia e a inflação forem desenvolvidas como esperado agora, declarou o membro do banco Ardo Hansson ao jornal alemão Boersen Zeitung.

Leer Más