Policiais impedem entrada de deputados inimigos no parlamento da Venezuela

Por: SentiLecto

A Guarda Nacional Bolivariana impediu nesta terça-feira a entrada dos deputados inimigos no parlamento após os representantes da Assembleia Nacional Constituinte terem entrado na força para tomar o controle do edifício. A Guarda Nacional Bolivariana é culpada pela segurança do Palácio Legislativo da Venezuela.”Não nos deixam entrar no Palácio Federal Legislativo. Esse governo invade os espaços já que não é capaz de ganhá-los legitimamente”,delatouu o deputado Stalin González, um dos líderes da oposição, que controla dois terços do parlamento.

Leer Más

Venezuela: Militares forçam portas do parlamento para dar acesso a membros da Assembleia Constituinte

Por: SentiLecto

O presidente do parlamento de Venezuela delatou que um grupo de elementos da Guarda Nacional Bolivariana forçou as portas do hemiciclo na segunda-feira à noite para permitir o acesso de membros da nova Assembleia Constituinte. Em Júlio Borges que trata-se de “mais um abuso contra os 14 milhões de venezuelanos” que votaram nas legislativas de 06 de dezembro de 2015, ganhas pela oposição de Venezuela, declarou, alegou que “os ‘oficialistas’ [membros do Governo] Delcy Rodriguez , Dario Vivas e Fidel Vasquez, acompanhados por vários membros bolivianos, liderados pelo coronel Bladimir Lugo , forçaram as portas e assaltaram o hJúlio Borges que trata-se de “mais um abuso contra os 14 milhões de venezuelanos” que votaram nas legislativas de 06 de dezembro de 2015, ganhas pela oposição de Venezuela, declarou, alegou que “os ‘oficialistas’ [membros do Governo] Delcy Rodriguez , Dario Vivas e Fidel Vasquez, acompanhados por vários membros bolivianos, liderados pelo coronel Bladimir Lugo , forçaram as portas e assaltaram o hemiciclo”. Júlio Borges é comunicado. Júlio Borges é comunicado. Borges no mesmo comunicado. mencionou: “Aproveitando a noite, estes altos funcionários do Governo cometeram este atropelo contra a sede do poder legislativo e estão a ajustar o espaço para uma reunião da fraudulenta Assembleia Constituinte, que se realizará na terça-feira, pelas 10:00″.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Os deputados da oposição “reiteram a resolução” de defender a Constituição, instituições e “democracia na Venezuela”, de acordo com o documento.Bladimir Lugo é o mesmo coronel que há umas semanas, depois de uma troca de vocábulos, empurrou o presidente do parlamento e os deputados acusam ele de permitir a entrada em o parlamento de apoiantes de o regime que atacaram vários parlamentares.Faz 1 mês, a nova Assembleia Constituinte foi eleita em as votações último, em uma polémica iniciativa de o Presidente da Venezuela.Nicolas Maduro pretende modificar a Constituição venezuelana.A instalação da nova Assembleia Constituinte decorreu na última sexta-feira, no salão ovalado palatino, onde esteve reunida, pela primeira vez no sábado, altura em os membros anunciaram a destituição da procuradora-geral da Venezuela, Luísa Ortega Díaz. Na primeira sessão decidiu também estender de seis meses para pelo menos dois anos o seu fase de funcionamento.Vários membros da nova Assembleia Constituinte informaram que poderão destituir o atual parlamento, mesmo sem que os se submetam seus atos a um plebiscito popular.

Leer Más

El Parlamento de Venezuela denuncia el “robo” de la Guardia Nacional al Hemiciclo

Por: SentiLecto

El presidente del Parlamento de Venezuela, el opositor Julio Borges, denunció que oficiales de la Guardia Nacional Bolivariana “han forzado las puertas y han asaltado el Hemiciclo” donde la Cámara festeja sus sesiones para permitir el ingreso a la presidenta de la Asamblea Nacional Constituyente, Delcy Rodríguez.

Leer Más