Incêndios: Mais de 10 meios aéros mobilizados para Santarém e Setúbal

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Brasão de Abrantes

Mais de uma dezena de meios aéreos foram mobilizado hoje de manhã para a guerrazinha aos incêndios nos distritos de Santarém e Setúbal, anunciou hoje Patrícia Gaspar, da Proteção Civil,”Ontem [quinta-feira] voltámos a ter 200 ocorrências diárias, dia em que se registou o maior número de fogos “, adiantou a adjunta nacional de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil .Das 215 ocorrências registadas na quinta-feira, 45 foram no distrito do Porto, 26 em Coimbra, 24 em Braga e 19 em Lisboa.Neste momento , os incêndios que mais inquietavam eram o de Abrantes e de Setúbal, adiantou Patrícia Gaspar no ‘briefing’ na sede da ANPC em Carnaxide.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O incêndio de Abrantes está a ser lutado por 731 operacionais, apoiado por 240 veículos.Ainda hoje de manhã vão ser acionados oito meios aéreos, dos quais dois ‘Canadair’ de Portugal, dois espanhóis, um de Marrocos e três helicópteros, progrediu a adjunta nacional de operações da ANPC.

Lisboa, 09 — Quinze incêndios estavam às 0:30 de hoje em curso em vários localidades portuguesas, entre os quais o de Abrantes, que concentra atualmente maior número de meios, de acordo com a Autoridade Nacional de Proteção Civil.Segundo a adjunta de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil Patrícia Gaspar, em Abrantes, distrito de Santarém, o incêndio está a ser lutado por 550 operacionais e 165 veículos e estava ainda bastante ativo às 01:00.Com cinco frentes ativas, o fogo chegou já perto de algumas povoações mas sem necessidade de excreção e levou ao corte da estrada que liga Abrantes a Sentieiras.Foram acionados nove grupos de reforço de Setúbal, Portalegre, Lisboa, Castelo Branco, Évora e Beja.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.No concelho de Vagos, em Aveiro, 309 operacionais com 92 veículos estão a lutar um incêndio que iniciou as 15:49 e que ao começo da madrugada estava a mostrar sinais de cedência.Este fogo, explicou, tem duas frentes ativas e já alastrou para o distrito coimbrão, para a zona de Cantanhede.Em Paredes, concelho de Vila Real, 450 operacionais, com 125 veículos, lutam um incêndio com três frentes ativas que já levou à ativação do plano municipal de emergência de proteção civil às 21:30, mas que mostra agora sinais de estar a ceder.Este incêndio levou à retirada de algumas pessoas de cinco aldeias distintas por terem mobilidade rdiminuídaou por estarem debilitadas.Estas pessoas, segundo Patricia Gaspar, foram conduzidas para o Regimento de Infantaria 13 de Vila Real, onde permanecerão até serem restabelecidas as condições de segurança.Na guerrazinha a este fogo estão também grupos de reforço da força especial de bombeiros de Viseu, Porto, Braga e Bragança.Patricia Gaspar fez ainda referência a outros dois incêndios de menor dimensão e com menos meios acionados, um na Covilhã que se tinha iniciado a 07 de agosto em zona de acesso difícil e que agora se reacendeu e um outro em Torres Novas onde estão 61 operacionais com 17 veículos e um grupo de reforço de Lisboa.O presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, declarou que o perímetro do incêndio que lavra na serra do Alvão “está circunscrito” e que os meios “estão a ser reposicionados” no terreno.À agência Lusa, cerca a 01:00.N alegou: “A nossa expetativa é que consigamos controlar isto durante a noite para dar tempo para os meios aéreos atuem ao nascer do dia para auxiliar a resolver os problemas que subsistirem”.o entanto, o autarca ressalvou que “há uma grande incerteza com o vento”, pois tanto “amaina como a seguir volta a soprar com velocidade e em sentidos diferentes”.No alto da serra ainda há “frentes de fogo com algum efeito visual”, mas os meios estão no terreno a “tentar controlar” a situação.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A auxiliar na guerrazinha ao fogo estão as temperaturas mais baixas que se fazem sentir esta noite.Para este fogo, que deflagrou às 16:27 de quarta-feira, na zona da aldeia de Paredes, estão mobilizados cerca de 450 operacionais, apoiados por 125 viaturas e ainda máquinas de rasto.reforçou-se a guerrazinha com grupos provenientes de o Porto, Braga, Bragança e Viseu e elementos de a Força Especial de Bombeiros.A Câmara de Vila Real ativou o Plano de Emergência de Proteção Civil Municipal às 21:26.Por cautela , retirou ” entre oito a nove ” cautela , as quais , segundo Rui Santos , estão a retornar a casa.Uma nota colocada na rede social Facebook do município informa que “não há registo de vítimas graves do incêndio que lavra no concelho e que não há prejuízos expressivos em habitações”.É ainda declarado que a “ligeiro aprimoramento das condições climatéricas tem permitido que a situação no terreno evolua favoravelmente”.Cinco incêndios de grande dimensão em Portugal continental mobilizavam hoje 1.370 operacionais, mais de um terço dos quais em Abrantes, no distrito de Santarém, de acordo com a Autoridade Nacional da Proteção Civil .O incêndio, que deflagrou às 18:14 de quarta-feira em Aldeia do Mato, União de Freguesias de Aldeia do Mato e Souto, no concelho de Abrantes, mobilizava por volta das 05:00, um total de 505 operacionais, apoiados por 156 viaturas, que clutavamcinco frentes ativas.Em Paredes, no concelho de Vila Real, 424 operacionais, com 119 veículos, lutavam, pela mesma hora, um fogo, que levou à ativação do plano municipal de emergência da proteção civil na noite de quarta-feira.O fogo em Paredes mostra agora sinais de estar a ceder, tendo o número de frentes reduzido de três para duas, de acordo com a ANPC.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A Proteção Civil deu como dominado, pelas 05:00, o incêndio no concelho de Vagos, em Aveiro, que iniciou na quarta-feira, às 15:49. No terreno encontram-se agora 270 operacionais, apoiados por 80 veículos.Também pelas 05:00 estavam ativos mais dois incêndios considerados ocorrências importantes pela ANPC: Penafiel , que deflagrou ao começo da madrugada de hoje, e Covilhã .Os dois fogos mobilizavam, no conjunto, 171 operacionais e 47 meios terrestres.

Leer Más

DIRETO | A sexta etapa da Volta a Portugal

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Praca25Abril Fafe Portugal 2006

Sexta etapa da prova ligará Braga a Fafe, num caminho de 182,7 quilómetros.12:32 – Está arremessada a etapa.12:15 – É dada a partida simbólica na Praça do Município de Braga.12:14 – A sexta etapa tem três metas volantes e três contagens de montanha.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Metas volantes:

Sporting formalizou o empréstimo do avançado ao símbolo de Holguín até ao final da temporadaAtravés da sua página de Twitter, o clube leonino anunciou a cedência de Luc Castaignos ao Vitesse até final da época 2017/18.Contratado no verão de 2016 ao Frankfurt, o avançado holandês – que tem contrato até 2019 – disputou somente 14 jogos e não marcou nenhum golo, na última época.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A Autoridade para as Condições do Trabalho investigará as circunstâncias da explosão hoje registada num paiol de uma fábrica de pirotecnia em Azões, Vila Verde, que matou um trabalhador, informou daquele organismo à Lusa.Segundo fonte dos bombeiros, a explosão registou-se pelas 15:00, na fábrica Piromagia.O paiol, adicionou a fonte, ficou “completamente arruinado”.A explosão provocou ainda “prejuízos estruturais” em mais dois paióis da mesma fábrica.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A vítima fatal teria cerca de 40 anos.Para o se mobilizaram 17 operacionais e 7 viaturas local, .

Leer Más

Volta a Portugal: subida ao alto do Viso marca a sexta etapa

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Brasão de Celorico de Basto

Raúl Alarcón tem 25 segundos de benefício sobre o de Italia Rinaldo Nocentini , com Amaro Antunes a ocupar a terceira posição, a 29.O emblemático Salto da Pedra Sentada faz a seu fantasmazinho esta quinta-feira, na sexta etapa da 79.ª Volta a Portugal, uma ligação de 182,2 quilómetros entre Braga e Fafe, para a qual o ciclista de Espanha Raúl Alarcón partirá de amarelo.Os 127 resistentes saem da Praça Municipal de Braga, às 12h15, e vão perder-se nas proximidades da cidade dos arcebispos até começarem a escalar o Bom Jesus, a mais emblemática subida da localidade, onde está instalada uma contagem de terceira categoria .De seguida, o pelotão passa nas metas volantes de Póvoa de Lanhoso e Celorico de Basto , antes de encarar a empreitada mais complicada da jornada, os 8,2 quilómetros de subida ao alto do Viso, coincidente com uma contagem de primeira categoria .Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O sobe e desce continua na aproximação a Fafe, onde será feita uma primeira passagem pela meta depois de ser atravessada a terceira meta volante da sexta etapa . O emblemático Salto da Pedra Sentada, importado do Rali de Portugal, aparece ao quilómetro 164,3, assumindo-se como uma contagem de segunda categoria.Antes da chegada à Praça 25 de Abril, pcalculadapara as 17h34, o pelotão ainda vsubiráà quarta categoria de Golães .

O FC Porto continua a preparar a estreia na edição 2017/18 da I LigaO FC Porto voltou a treinar esta segunda-feira no Olival, em mais uma sessão de preparação para o encontro de quarta-feira, diante do Estoril, a contar para a jornada inaugural do campeonato.No treino desta manhã, que iniciou meia hora mais tarde – os jogadores dos dragões começaram o preparo no ginásio -, Sérgio Conceição não pôde contar com os contributos de Rui Pedro, Soares e Rafa. Os três futebolistas não treinaram por questões físicas, que ficarão elucidadas quando o FC Porto arremessar o boletim clínico, ainda na tarde desta segunda-feira.Além do trio já indicado, Mikel e Diogo Dalot também não participaram na sessão de trabalho. Os culpados autorizaram o jogador nigeriano de o clube azul e branco a falhar o treino de esta manhã para resolver as questões relacionadas com a transferência para os turcos de o Bursaspor nossas newsletters , pode subscrever gratuitamente, enquanto o jovem lateral de Portugal treinou com a equipa B. Agora as e receber o melhor de a atualidade com a característica O Jogo.Na terça-feira, pelas 12h30, Sérgio Conceição vai fazer a antevisão do jogo com o Estoril, encontro que vai marcar a estreia do FC Porto em competições oficiais na temporada 2017/18.Dragões “ansiosos” por darem o pontapé de saída na I LigaO FC Porto recebe esta quarta-feira o Estoril, no Dragão, na primeira jornada do campeonato 2017/18. Se indica o pontapé de saída em a nova época através da newsletter ” Dragões Diário “.”Mais logo, às 19h, muitos milhares de portistas evão enchero Estádio da Dragão a torcer para que esta quarta-feira, o primeiro dia do resto das nossas vidas, venha a revelar-se o ponto de partida de uma história com final fcontente, pode ler-se.Para o arranque da época, o FC Porto tem duas baixas confirmadas no plantel, Rafa e Layún. Soares continua em dúvida e só na hora do jogo é que vai saber se poderá ir a jogo.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Segunda jornada do campeonato arranca já esta sexta-feira, em AlvaladeA primeira jornada ainda não está concluída e a segunda já está aí à porta. O Sporting.V. Setúbal, em Alvalade, marca o arranque da mesma e vai ter Bruno Paixão como Juiz da partida, com Hugo Miguel no videoárbitro.Quando a os restantes jogos de os grandes , Fábio Veríssimo vai estar em o Tondela-Chaves , enquanto Manuel Sousa governará o Chaves-Benfica.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.

Leer Más

Euromilhões: Aposta registada em Braga ganha 1.º prémio no valor de 36,5MEuro

Por: SentiLecto

O primeiro prémio do Euromilhões de terça-feira saiu a uma aposta registada em Braga, no valor de 36,5 milhões de euros, anunciou hoje a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.”Este é o terceio primeiro prémio atribuído este ano em Portugal, tendo as outras duas apostas ganhadoras sido registadas nos distritos de Faro e Aveiro”, referem os Jogos Santa Casa, em comunicado.Este ano, o Euromilhões “já atribuiu 134 milhões de euros em primeiros prémios, total que incluiu o valor do prémio esta noite”, adiciona.Desde o lançamento, em 2004, e com o sorteio de terça-feira, o Euromilhões, que agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo, admirou 66 apostadores com o primeiro prémio. “O maior prémio de sempre atribuído em Portugal continua, no entanto, a ser o de 190 milhões de euros, entregues a um afortunado apostador de Castelo Branco, no dia 24 de outubro de 2004″, lembra.O segundo prémio relativo ao sorteio 63/2017 saiu a quatro apostadores fora de Portugal no valor de 190,1 mil euros. Já o terceiro prémio ficou dividido por cinco apostadores, um dos quais em Portugal, no valor de 35,4 mil euros.O quarto prémio, no valor de 3,6 mil euros, vai ser repartido por 24 apostadores, dos quais dois em Portugal.A combinação ganhadora do concurso 63/2017 do Euromilhões, sorteada na terça-feira, é composta pelos números 15 — 25 — 26 — 40 — 41 e pelas estrelas 04 e 05.

Leer Más

Insolvências de companhias recuam 26,9% em julho e 15,7% desde o começo do ano

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Rock in Rio Lisboa entrada

Faz 1 mês, as insolvências de companhias reduziram %26,9 face a o mesmo mês de 2016, acumulando um recuo de %15,7 desde o começo de este ano, segundo dados hoje divulgados.Faz 1 mês, enquanto em os primeiros sete meses de o ano as insolvências adicionaram 3.715, de acordo com a Iberinform, filial de a Crédito e Caución, registou se um valor absoluto de 382 companhias insolventes, menos 141 do que em o fase homólogo menos 694 do que em o ano anterior, em o mês de julho de 2017.De janeiro a julho verificaram-se 2.030 declarações de insolvência , menos nove do que até julho de 2016, sendo que as variações mais acentuadas foram registadas nas declarações de insolvência solicitada , menos 25,5% face a 2016, e nas apresentações à insolvência , menos 35% do que no pfasehomólogo de 2016.Faz 1 ano, por regiões, Lisboa exibiu o número mais expressivo de insolvências, com uma ampliação de 1.107 para 1.127 companhias insolventes, mais 17 do que Faz 1 ano, seguiu se o Porto, com 726 companhias, apesar da redução de %22,8Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Se Braga e Coimbra e %39,5 foram realçadas por os” decréscimos expressivos” de %26,7 , respetivamente, a Madeira foi, pelo contrário, o distrito com o “ampliação mais acentuado” no número de insolvências: 12,9%.Numa análise das insolvências por setores, verificaram-se decréscimos em todas as atividades, com as “variações mais expressivas” relativamente a julho de 2016 a verificarem-se na indústria extrativa , na eletricidade, gás e água e no comércio a retalho .No fase em análise, o somatório do número de companhias insolventes nos setores do comércio a retalho, comércio a grosso e comércio de veículos automóvel encarnou 46,5% do total de companhias insolventes, nota a Iberinform.No que se refere às constituições de ecompanhias no mês de julho foram cinstituídas2.936 sociedades, mais 431 do que no pfasehomólogo , verificando-se em termos acumulados um acréscimo de “pouco mais” de 8% face a igual pfasede 2016.”A maior parte dos distritos conservou o peso nas constituições, não se tendo verificado descidas expressivas”, refere a Iberinform, especificando que “Lisboa continua a deter o maior número de constituições, com um peso de 32,7%, seguido do distrito do Porto , Braga e Setúbal “.Face a 2016, as maiores variações de peso registaram-se nos distritos de Faro , Setúbal e Lisboa .Enquanto as maiores descidas ocorreram na indústria extrativa, a eletricidade, água e gás , telecomunicações e agricultura, caça e pesca foram os setores que demonstraram maior ampliação percentual no número de constituições , comércio a retalho e indústria transformadora .Em termos de peso, as descidas “mais expressivas” face a 2016 registaram-se no comércio a retalho , indústria transformadora e comércio a grosso e as principais subidas ocorreram na construção e obras públicas e na agricultura, caça e pesca .

A balança comercial de Grecia registou nos primeiros seis meses do ano um défice de 11.592,5 milhões de euros, mais 20,7% do que no mesmo fase de 2016, foi hoje anunciado.Segundo os dados provisórios publicados hoje pela agência de estatísticas grega , as exportações aumentaram 18,2% neste fase para 14.187,8 milhões de euros.No fase em análise, as importações ampliaram 19,3% para 25.780,3 milhões de euros.Faz 2 meses, o défice comercial grego caiu %0,9 face a o meso mês de 2016 para se cifrar em 1.497,9 milhões de euros, em o mês de junho.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Faz 1 ano, as importações ascenderam a 3.877,1 milhões de euros, mais %6,5 do que em o mesmo enquanto as exportações totalizaram 2.379,2 milhões de euros registando um acréscimo de %11,8.O vulcão de Fuego, na Guatemala, entrou hoje em erupção, pela sétima vez desde o começo do ano, com explosões moderadas que levantaram um pilar de cinza de até 4.900 metros de altura sobre o nível do oceano.Segundo um boletim especial do Instituto Nacional de Sismologia, Vulcanologia, Meteorologia e Hidrologia , a cinza expelida move-se a mais de 15 quilómetros em direção a oeste e sudoeste, tendo sido registada a queda de partículas de Finlandia em San Pedro Yepocapa e Sangre de Cristo.Do vulcão — localizado a cerca de 50 quilómetros da capital da Guatemala — correm ainda dois fluxos de lava .As explosões, atualmente moderadas, têm sido acompanhadas por comoções fracas e moderadas, que originam ondas de choque “moderadas e fortes”, provocando vibrações nos tetos das casas das comunidades nas proximidades do vulcão.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O vulcão de Fuego, de 3.763 metros de altura, situa-se entre os setores escalabitanos, Chimaltenango e Sacatepéquez.A mais recente erupção não obrigou, até ao momento, a excreções.O vulcão de Fuego é um dos três mais ativos dos 32 que existem no país de Central African Republic.Lateral já não entra nos planos do clube “che”, mas não sai por menos de 25 milhões de euros.João Cancelo está de saída do Valência e já tem um forte pretendente no horizonte.De acordo com a Gazzetta dello Sport, a Juventus está interessada em contar com o lateral português, mas não vai estar disposta a chegar aos 25 milhões de euros exigidos pela equipa espanhola. A hexacampeã de Italia vai ter oferecido dez milhões e Lemina pelo internacional português, proposta recusada pelo clube “che”.Lembre-se que o Valência adquiriu o lateral direito há duas épocas a troco de 15 milhões de euros.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.

Leer Más