Estado do Rio já perdeu 60 mil empregos com carteira este ano

Por: SentiLecto

E RIO – O Rio de Janeiro foi o segundo estado que mais perdeu postos de trabalho formais em maio, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados , divulgado ontem pelo ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. Atrás somente do Rio Grande do Sul, que cortou mais de 12 mil postos de trabalho, o Estado do Rio perdeu 5.583 vagas. No ano, já são 59.890 vagas a menos. O Brasil tem hoje 14 milhões de pessoas procurando trabalho. Faz 1 mês, em todo o país, foram instituídos 34,2 mil postos de trabalho formais, em o segundo mês seguido de saldo positivo. Mas o resultado foi puxado basicamente pela agropecuária, que responde por somente 4,2% de todas as vagas formais existentes no país. Faz 1 mês, foram 46.049 postos abertos em o setor, praticamente o mesmo soma de vagas que foram instituídas durante este ano em toda a economia : 48.543 vagas. Nos últimos 12 meses, o saldo ainda é negativo. Foram perdidos 856.665 empregos formais no país. — Praticamente todo o emprego veio da agropecuária. Isso não deve se sustentar. É claro que ter um número positivo é bom, depois de tantos dados negativos. Mas, por enquanto, não dá para declarar que o movimento está espalhado pelos vários setores. É um crescimento pontual — alega o economista João Saboia, expert em mercado de trabalho do Instituto de Economia da UFRJ. MADRUGADA NA FILA A demanda por uma vaga levou centenas de pessoas a dormirem na fila ontem, nas proximidades do Maracanã, na Zona Norte do Rio, para se cadastrarem a 600 vagas oferecidas por um projeto social. Mesmo sob a chuva forte que caiu na região, os candidatos tentavam se inscrever para postos de auxiliar de serviços gerais e de loja, operador de telemarketing, vendedor, motorista de ônibus, vigia e porteiro. Daiane de Souza Ferreira, de 21 anos chegou nas 3h da manhã e não conseguiu ser atendida. Daiane de Souza Ferreira, de 21 anos é habitante de Campos Elísios.Ela foi operadora de telemarketing e há dois anos procura emprego: — A situação está difícil. Eu tenho dois filhos e quem tem me auxiliado é minha mãe. Luiz Cláudio Souza, de 54 anos chegou nas 5h da manhã ao Maracanã e também não conseguiu ser atendido. Luiz Cláudio Souza, de 54 anos é habitante de Queimados.Quando perdeu a vaga de vigia, ele está buscando emprego desde julho : — Essa é a segunda vez que venho aqui. Uma pena não ter conseguido. Espero que nas próximas seleções eu consiga uma chance. Maira Teixeira, de 20 anos em Duque de Caxias, chegou nas 5h40m. Maira Teixeira, de 20 anos é habitante de Imbariê.A jovem está buscando uma chance depois de ter participado do programa Jovem Aprendiz. É a segunda vez que ela está nessa espécie de seleção. — Eu coloco currículo nas companhias e jamais sou chamada e isso me desanima bastante. Mas eu não deixo de procurar — alega Maira. Assim como no Brasil, no Rio, a agropecuária, que tem peso irrelevante para a economia do estado, também foi a culpada pela geração de vagas. Foram abertos 1.679 postos no setor, reduzindo um pouco a queda no emprego no estado. O setor de serviços foi o principal culpado pelo resultado negativo no estado, tendo perdido 3.111 postos. Em seguida, veio a indústria de mudanças, com menos 1.501 postos, o comércio, que cortou 1.266 vagas, e a construção civil, que perdeu 1.173 postos de trabalho. No Brasil, o setor de serviços, que concentra 43,9% do emprego formal, instituiu exclusivamente 1.989 postos. A indústria de Transformação também contratou mais . O comércio continuou reduzindo o quadro, cortando 11.254 vagas, e a construção civil fechou 4.021 postos. — O resultado é melhor do que foi em 2015 e 2016, mas não dá para ficar bastante animado e declarar que iniciou uma recuperação. Não tem geração de emprego, ainda mais com o quadro politico — declara Saboia, se não tem crescimento econômico. MEIRELLES VÊ RECUPERAÇÃO Para o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, os números positivos encarnam uma tendência, mas não é possível alegar que esse saldo positivo está estabilizado. — De cinco meses do ano, três foram positivos, pode-se observar que há uma tendência de aprimoramento. Mas eu não posso garantir que essa tendência permanecerá. Falar em números agora é precipitado — disse Nogueira. Já o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, foi otimista e comemorou os resultados divulgados pelo Caged em sua conta no Twitter: “Este número confirma nossas previsões de uma recuperação gradual do emprego” escreveu Meirelles em seu perfil na rede social.

Leer Más

Petrobras: sem acordo em ação coletiva

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Petrobrasbolivia2006

A Petrobras está concentrando esforços nas negociações para fechar acordos com sete investidores que entraram com ações individuais na Justiça de America contra a estatal. Eles recorreram à Justiça aafirmandoque fse os prejudicaram após as dacusaçõesde o esquema de corrupção em a cempresarevelado por a Operação Lava-Jato.Até agora, a estatal já fez acordos em 20 ações individuais. Apesar da disposição para o diálogo, a companhia ainda deverá lidar com uma ação coletiva na Corte Federal de Nova York, que está suspensa desde agosto do ano passado e que pode afliçãozinha sobre as contas da companhia. Segundo fontes ligadas à estatal, não há cpossibilidadede negociação com o escritório que corganizaa ação, o Pomerantz.

Petróleo de Brasil s.a. é uma companhia de capital aberto, cujo acionista majoritário é o governo do brasil, sendo, portanto, uma companhia estatal de economia mista.

Leer Más

Corte de Apelação recusa veto de Trump a estrangeiros

Foto: Wikipedia – Donald and Ivana Trump

A Corte Federal de Apelação dos Estados Unidos recusou nessa quinta-feira , de maneira unânime, o pedido do presidente Donald Trump para restabelecer o veto à entrada em território norte-americano de refugiados e cidadãos

O autor escreve: “Os conflitos econômicos sem precedentes dessa gestão precisam ser expostos ao povo estadunidense”.Se a gestão de Donald Trump, que tomou posse na sexta, conservará a política de respostas adotada por Obama, ainda não está certo.

Leer Más

Contestado sobre imigração, Trump mira Judiciário como novo opositor

Foto: Wikipedia – Donald and Ivana Trump

Após duas derrotas consecutivas em tribunais, que interromperam provisoriamente o veto presidencial à entrada de cidadãos de sete países de maioria muçulmana nos EUA, Donald Trump decidiu tmodificaro Poder Judiciário em seu mais novo iopositorpúblico.

Donald John Trump é um empresário, personalidade televisiva e político estadunidense, sendo atualmente o 45.

Leer Más

Corte dos EUA adia resolução sobre decreto anti-imigração de Trump

Foto: Wikipedia – Ícone de esboço

A Corte de Apelação responsável por debater sobre o decreto que impede a entrada nos EUA de cidadãos de sete países de maioria muçulmana protelou a resolução em pelo menos mais um dia ao marcar, para esta terça-feira , uma audiência sobre o caso.

Havia a expectativa de que os três juízes envolvidos tomassem alguma resolução já nesta segunda , após o governo encaminhar, por meio do Departamento de Justiça, a sua defesa do decreto.

Leer Más