Embaixador do Brasil na Espanha declara que ninguém está acima da lei no país

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – António Simões

O embaixador do BrasAntônio Simões, que deu a declaração ao ser perguntado pela resolução do Supremo Tribunal Federal de autorizar um inquérito do presidente por supostamente tentar adquiri o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha, preso na Operação Lava-Jato, assegurou nesta sexta-feira que “não há ninguém acima da lei em seu país, onde as instituições estão trabalhando”. Antônio Simões, que deu a declaração ao ser perguntado pela resolução do Supremo Tribunal Federal de autorizar um inquérito do presidente é michel Temer. Antônio Simões, que deu a declaração ao ser perguntado pela resolução do Supremo Tribunal Federal de autorizar um inquérito do presidente é michel Temer.

– O Fundo Monetário Internacional vai acompanhar a turbulência política em curso no Brasil para decidir se mudará suas perspectivas para a maior economia da América Latina, declarou nesta sexta-feira o chefe do Departamento de Hemisfério Ocidental do FMI, Alejandro Werner. O Supremo Tribunal Federal autorizou abertura de investigação contra o presidente Michel Temer em consequência da acusação de que Temer teria dado aval ao empresário Joesley Batista para conservar pagamentos ao ex-deputado Eduardo Cunha em troca de silêncio sobre acusações contra o governo. Na conversa gravada, Joesley confessou ter pago propina a um procurador da República para ter acesso antecipado a inquéritos que o envolvia, reclamou de designações para posições importantes no governo, defendeu queda mais acentuada da Selic e declarou que “zerou” as pendências com o ex-deputado Eduardo Cunha.

Leer Más