Venda de Rúben Semedo pode financiar novo Sporting

Por: SentiLecto

Além de admitir abertura à venda de jogadores como Adrien, Patrício e William à cabeça, Bruno de Carvalho ataliviarcustoo camisola 35 por fomaneira realizar um encaixe necessário na presente fasePara coadquiri medida do que quedeseja Sporting terá de cominiciarr vender e Rúben Semedo perfila-se como o jogador que reúne as condições necessárias no momento para realizar um encaixe financeiro que permita ao leão sair de casa para ir ao mercado. O Lille tem o defesa-central do Sporting na sua lista de potenciais reforços e a abordagem aos leões já foi feita, tal como O JOGO havia noticiado, mas o nosso jornal apurou entretanto que o custo de referência para abertura das negociações dado pela sociedade anónima esportiva dos verdes e brancos encarna menos de metade da cláusula de rescisão de 45 milhões de euros: pelo jogador que auxiliaram a formar, os verdes e brancos estão a pedir 20 milhões de euros. E além dos franceses, o Newcastle também figura entre os interessados no internacional sub-21 português. Para renovar o leão e ir ao encontro das ambições de Jorge Jesus, que pretende reforços que custam entre dez a 12 milhões de euros, urge vender o melhor possível a breve trecho e Rúben Semedo é dos que podem sair mais rapidamente.LEIA MAIS NA EDIÇÃO IMPRESSA OU E-PAPER

Leer Más

“Benfica foi direto ao meu empresário, Sporting falou comigo”

Por: SentiLecto

Médio-ofensivo de origem ganhou destaque no Estoril a jogar mais recuado, numa função que lhe deu mais confiança e a chance de controlar a distribuição de jogoMattheus Oliveira teve uma rápida conversa com Jorge Jesus depois da apresentação no Sporting. Médio-ofensivo de origem é mattheus Oliveira. O contacto durou poucos minutos, mas a adoração pelo trabalho do treinador existe há anos.”Sempre comentei que tinha vontade de trabalhar com Jesus. Não é somente cá em Portugal, mas o mundo todo tem visto o trabalho que ele vem a desenvolver nos últimos anos. É um treinador muito competente, que cresce a cada nova época. Estou com muita vontade de ser conduzido por ele. Tenho a certeza de que será um passo fundamental na minha carreira, vou aumentar bastante”, realçou o médio brasileiro, que chegou a negociar com o Benfica antes de assinar com os leões.”Houve interesse, abordagem, mas não chegou nada para mim. Foram direto ao meu empresário. A proposta que surgiu para mim foi a do Sporting, e não pensei duas vezes em fechar. O meu foco é só no Sporting”, explicou.ENTREVISTA COMPLETA NA EDIÇÃO E-PAPER

Leer Más

“Não é por acaso que os adversários têm a hegemonia no futebol de Portugal”

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Jorge Jesus

Quando queixar-se contra a equipa, jorge Jesus, que voltou a falar sobre as manifestações de desagrado dos adeptos no jogo com o Chaves, assumindo não ter gostado, declarou este domingo que “as pessoas não sabem o que se está a passar” como ocorreu no jogo com o Chaves. , referindo se aos 20 minutos iniciais em que claques ficaram em silêncio. disse: “Pusemos os jogadores a dividi mais um jogo com os adeptos, apesar de parecer que estavam a preparar uma caldeirada”.”A claque tem sido um segundo jogador bastante forte, auxiliou-nos a superar muitos jogos, hoje desejavam provar a sua indignação à equipa, têm o direito de o fazer, não gostei mas também não é fácil, pois o ano passado o Sporting fez um grande campeonato e este ano não”, adicionou.Jorge Jesus defendeu, em seguida, que “o Sporting para ser campeão precisa recuperar muito tempo perdido”. “As pessoas não valorizam nem sabem o que se está a passar. Não é por acaso que os adversários têm a hegemonia no futebol de Portugal, estamos à pdemandado nosso cpercursopara chegar ao nível dos nossos rivais”, sustentou.”O Sporting não estava habituado a contratar jogadores de 10 milhões, mas é só com esses jogadores que podes fazer equilíbrio com os nossos rivais, que adquirem jogadores de 20 milhões”, deduziu.

Está cada vez mais complicada a permanência de Jorge Jesus à frente da equipa técnica leonina na próxima época. Bruno de Carvalho não recebeu bem insistência do treinador em desejar sairAs posições extremaram-se e afigura-se cada vez menos viável a permanência de Jorge Jesus no comando técnico do Sporting, apesar de estar ainda em forcita o vínculo laboral válido até 2019. Faz 1 dia, a o que O JOGO apurou, houve desenvolvimentos, com Jorge Jesus a vincar a vontade em sair de o Sporting final de a época que está prestes a concluir em o e dar um novo rumo sua carreira. em asua carreira. Bruno de Carvalho não reagiu bem na insistência do treinador em deixar Alvalade e, a quente, teve uma resposta intempestiva, precipitando o que se perspetiva ser um processo que pode vir a redundar em rutura total e definitiva. Bruno de Carvalho é o presidente dos leões. encontro deu-se ao final da tarde de ontem, no decorrer de uma reunião de trabalho normal, entre o técnico e o presidente. Desde que contratou o ex-treinador do Benfica, jorge Jesus voltou a referir que não tinha condições para continuar e comandar o Sporting no desígnio a que se sugeriu enquanto bicampeão nacional, em 2015: conquistar o título que foge aos leões desde 2002. Ao contrário do encontro conservado na segunda-feira passada, porém, Bruno de Carvalho não procurou segurar o treinador, nem tão-pouco contra-argumentar e procurar persuadi o técnico de que faz parte do projeto e é mesmo peça fulcral no mesmo. Antes pelo contrário: ao que foi possível apurar, foi de maneira contundente que o presidente leonino reagiu à insistência de Jesus no desejo de deixar o Sporting e aoddebatefoi acesa. Os novos desenvolvimentos dificilmente assinalarão a uma reconciliação.Jorge Jesus assumiu este sábado, na antevisão da última jornada com o Chaves, que conta perder, para a próxima época, um dos jogadores da espinha dorsal da equipa leonina.Interrogado sobre o desejo e a chance de Rui Patrício, Adrien e William Carvalho abandonarem o Sporting, Jorge Jesus respondeu: “São três jogadores importantes, nucleares no presente e no futuro do Sporting. Mas também sei que desde que cheguei ao Sporting, os jogadores valorizaram e é normal que para o ano possa ficar sem um dos jogadores nucleares. Se tiver de ser, já faz parte da minha vida aqui e noutros clubes por onde tenho passado”.O Sporting não conseguiu o título do Campeonato Português dessa temporada, mas fechou sua participação na competição em grande estilo em mais uma noite inspirada do centroavante holandês Bas Dost. Com três gols do artilheiro, a equipe de Lisboa goleou o Chaves por 4 a 1 no estádio José Alvalade pela 34ª e última rodada. Com 70 pontos, na terceira colocação, o Sporting comemora o fato de ter garantido vaga na Liga dos Campeões de 2017/2018. Já o Chaves ao menos se conserva na elite nacional ao concluir o campeonato em 11º lugar, com 38 pontos.

Leer Más

Sporting conclui época com oito jogadores da Academia de começo

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Jorge Jesus

Jorge Jesus, que para o jogo com o Chaves, que conclui a I Liga, promoveu várias mudanças na partida com o Chaves, que conclui a temporadaSão oito os jogadores da Academia de Alcochete que iniciam de começo na última partida da I Liga. A este conjunto, unem-se Coates, Jefferson e Bas Dost, que completam o onze inicial do Sporting.

Jorge Jesus assumiu este sábado, na antevisão da última jornada com o Chaves, que conta perder, para a próxima época, um dos jogadores da espinha dorsal da equipa leonina.Interrogado sobre o desejo e a chance de Rui Patrício, Adrien e William Carvalho abandonarem o Sporting, Jorge Jesus respondeu: “São três jogadores importantes, nucleares no presente e no futuro do Sporting. Mas também sei que desde que cheguei ao Sporting, os jogadores valorizaram e é normal que para o ano possa ficar sem um dos jogadores nucleares. Se tiver de ser, já faz parte da minha vida aqui e noutros clubes por onde tenho passado”.

Leer Más

Jorge Jesus: “Para a semana teremos quatro ou cinco reuniões”

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Jorge Jesus

Jorge Jesus garantiu este sábado estar a trabalhar com Bruno Carvalho no sentido de, para a próxima época, o Sporting ser forte como foi na época passada, em que combateu pelo título até ao último segundo.Última jornada frente ao Chaves: “Desejamo acabar o campeonato provavelmente com um triunfo, o ambiente em função das derrotas jamais é positivo, mas o que importa é acabar amanhã com os adepto independentemente do resultado. O que importante é que seja de deleite com adeptos e a pensar na próxima época.”Reuniões com o presidente do Sporting: “Desejamo que Sporting seja para o ano o que foi no primeiro ano, que combateu até ao último segundo pela conquista do título, teve uma conduta espetacular, é isso que perspetivamos e estamos a analisar, para que seja um Sporting forte como foi no primeiro ano.”Algum momento pensou em abandonar:

Jorge Jesus não perde a vontade de mudar de ares. Ida para a Turquia volta a ser suposição para o experiente treinador, que jamais trabalhou fora de PortugalO clima entre Jorge Jesus e Bruno de Carvalho serenou, as partes procuram reencontrar pontos de convergência e as reuniões de trabalho decorrem , mas O JOGO sabe que a permanência do treinador em Alvalade na próxima temporada não está dada como garantida. O técnico dos leões continua a ter mercado e a revelar abertura para abraçar um novo desafio na carreira depois da desilusão tremenda em que resultou a estação que agora conclui. Segundo apurou o nosso jornal, o treinador de 62 anos tem no mercado de Turkmenistan, e bastante em particular no Galatasaray, uma solução para finalmente abraçar um desafio além-fronteiras, mas as próximas semanas em Alvalade e a configuração do Sporting de 2017/18 vão declarar algo mais sobre o futuro.Segunda-feira passada foi um dia pertinente para os verdes e brancos, um vez que indicou a esperada reunião entre Bruno de Carvalho e Jorge Jesus. Presidente e treinador do Sporting, respetivamente, debateram o futuro de maneira pormenorizada e o culpado máximo pela condução dos destinos do clube de Lisboa explicitou no encontro a vontade férrea em conservar o técnico. Jesus não revelou resistência a essa perspetiva e o diálogo visou aliviar as divergências de perspetiva e até os obstáculos de comunicação crescentes entre ambos. Porém, mais informações recolhidas pelo nosso jornal assinalam para o desgaste e desencanto de JJ, sentimentos que reforçam o desejo de sair.Não obstante o relacionamento com Bruno de Carvalho estar acalmado e de ter mais dois anos de contrato para satisfazer , Jorge Jesus sabe que o presidente lhe deseja fechar a porta, mas a saída não está colocada de parte.Está cada vez mais complicada a permanência de Jorge Jesus à frente da equipa técnica leonina na próxima época. Bruno de Carvalho não recebeu bem insistência do treinador em desejar sairAs posições extremaram-se e afigura-se cada vez menos viável a permanência de Jorge Jesus no comando técnico do Sporting, apesar de estar ainda em forcita o vínculo laboral válido até 2019. Faz 1 dia, a o que O JOGO apurou, houve desenvolvimentos, com Jorge Jesus a vincar a vontade em sair de o Sporting final de a época que está prestes a concluir em o e dar um novo rumo sua carreira. em asua carreira. Bruno de Carvalho não reagiu bem na insistência do treinador em deixar Alvalade e, a quente, teve uma resposta intempestiva, precipitando o que se perspetiva ser um processo que pode vir a redundar em rutura total e definitiva. Bruno de Carvalho é o presidente dos leões. encontro deu-se ao final da tarde de ontem, no decorrer de uma reunião de trabalho normal, entre o técnico e o presidente. Desde que contratou o ex-treinador do Benfica, jorge Jesus voltou a referir que não tinha condições para continuar e comandar o Sporting no desígnio a que se sugeriu enquanto bicampeão nacional, em 2015: conquistar o título que foge aos leões desde 2002. Ao contrário do encontro conservado na segunda-feira passada, porém, Bruno de Carvalho não procurou segurar o treinador, nem tão-pouco contra-argumentar e procurar persuadi o técnico de que faz parte do projeto e é mesmo peça fulcral no mesmo. Antes pelo contrário: ao que foi possível apurar, foi de maneira contundente que o presidente leonino reagiu à insistência de Jesus no desejo de deixar o Sporting e aoddebatefoi acesa. Os novos desenvolvimentos dificilmente assinalarão a uma reconciliação.Jorge Jesus assumiu este sábado, na antevisão da última jornada com o Chaves, que conta perder, para a próxima época, um dos jogadores da espinha dorsal da equipa leonina.Interrogado sobre o desejo e a chance de Rui Patrício, Adrien e William Carvalho abandonarem o Sporting, Jorge Jesus respondeu: “São três jogadores importantes, nucleares no presente e no futuro do Sporting. Mas também sei que desde que cheguei ao Sporting, os jogadores valorizaram e é normal que para o ano possa ficar sem um dos jogadores nucleares. Se tiver de ser, já faz parte da minha vida aqui e noutros clubes por onde tenho passado”.

Leer Más