Joelma participará de gravação de ‘A força do desejar’

Por: SentiLecto

Joelma, ex-integrante do Calypso, vai fazer uma participação especial em “A força do desejar”. O anúncio foi feito nesta quarta-feira pela autora da novela das nove, Gloria Perez. A paraense subirá ao palco da Estudantina para movimentar o núcleo de Parazinho alocado em Niterói e a vizinhança de Jeiza .

Leer Más

Deduzido com Sucesso o primeiro voo direto entre a China e Portugal

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Serra da Estrela I Portugal

Está deduzido o primeiro voo comercial entre as capitais chinas e de Portugal. O voo JD459 descolou de Pequim pelas 01:59 horas locais — cerca de 50 minutos de atraso em relação ao calculado — e aterrou no Terminal 1 do aeroporto Humberto Delgado, na capital de Portugal, pelas 08:33 , pouco mais uma hora além do calculado .

À chegada desde que é um voo histórico entre os dois países houve lugar uma cerimónia especial, com a presença do ministro português do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, e dos secretários de Estado das Infraestruturas e do Turismo de Portugal, respetivamente Guilherme W. d’Oliveira Martins e Ana Mendes Godinho.

Leer Más

Protesto dos polícias é para continuar depois do Vitória-FC Porto

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Brasão de Armas do Corpo de Intervenção da PSP

Associação Sindical dos Profissionais da Polícia, que revelou que continuarão os protestos dos polícias em acontecimentos esportivos e que vai pedir uma reunião ao Ministério da Administração Interna para rever o modelo atual deste policiamento, revelou que continuarão os protestos dos polícias em acontecimentos esportivos e que vai pedir uma reunião ao Ministério da Administração Interna. No final de uma reunião de dirigentes nacionais que decorreu em Lisboa, Paulo Rodrigues revelou que os protestos “continuarão, de várias maneiras”. Paulo Rodrigues é o presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia . O dirigente sindical declarou: “Os protestos podem ser os mesmos que se verificaram no domingo, no estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, ou assumir outras maneiras”.Nesse dia, cerca de 30 elementos do Corpo de Intervenção da PSP do Porto realçados para fazer o policiamento, no jogo de futebol entre Guimarães e o FC Porto, rejeitaram entrar no estádio para fazer policiamento de visibilidade.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Em causa está “o incumprimento da lei no que diz respeito ao policiamento nos acontecimentos esportivos”, declarou o culpado, adiantando que ASPP/PSP pretende pedir também à Inspeção-Geral da Administração Interna para analisar como estão a ser uutilizadosos recursos e as valências da polícia nos eacontecimentosdesportivosA ASPP defende que as companhias que coordenam os acontecimentos sejam culpadas pela sua segurança, pagando, como qualquer outra, o que está estipulado na lei para uso dos serviços da polícia nas suas horas de descanso.Paulo Rodrigues, adicionando que a situação atinge sobretudo as equipas de intervenção rápida e a unidade especial da polícia alegou: “No interior do recinto esportivo, tem que ser o clube a pagar o policiamento e isso não está a ocorrer”.Para o culpado, esta questão, “que se arrasta há mais de três anos, tem de ser resolvida definitivamente”.”Se a segurança no interior do recinto estiver em causa, claro que os polícias intervirão, comportar-se com rigor e profissionalismo. Mas a polícia vai fazer o seu protesto”, declarou.Na segunda-feira, em comunicado, a direção nacional da PSP negou este protesto, elucidando que o jogo de futebol, na disputa pelo Troféu Cidade de Guimarães, decorreu dentro da normalidade e de acordo com o planeamento elaborado pelo Comando Distrital da PSP de Braga.”Os polícias do Corpo de Intervenção, que, ao longo dos anos, têm sabido satisfazer exemplarmente todas as missões que lhe são atribuídas, incluindo em jogos de futebol de risco aumentado, satisfizeram mais uma vez o planeado e o que deles se esperava, garantindo a deslocação em segurança dos adeptos do clube visitante e ficando de reserva nas imediações do estádio, durante todo o decurso do jogo”, adiantava o comunicado.Na sexta-feira da última semana, a ASPP advertiu que o CI e das equipas de intervenção rápida iriam realizar várias ações de protesto no começo do campeonato de futebol, estando em causa o não-pagamento dos gratificados para estes profissionais.A ASPP tem advertido o Governo para a necessidade de rever os modelos de policiamento de futebol profissional, considerando que os clubes têm que pagar este trabalho feito pelos polícias.

Faz 1 dia, Indicações de Sérgio Conceição em o Troféu Cidade de Guimarães foram clarasO norma de o jogo, ente o FC Porto e o V. Guimarães, só permitia fazer 10 substituições e as indicações de o treinador em relação atuais preferências. não podiam ter sido mais claras em as suasatuais preferências.O espaço para João Teixeira, por exemplo, é cada vez mais diminuído. Rafa e Sérgio Oliveira beneficiarão sempre de serem formados no clube. Reyes, aparentemente, está atrás de Martins Indi nas preferências. O mexicano vem de lesão, é certo, mas também Danilo, que até foi titular. A confirmar no Algarve.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.

Leer Más

Incêndios: Cerca de 30 concelhos de Trás-os-Montes e região Centro em risco ‘Máximo’

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Coimbra 03

Cerca de 30 concelhos da região de Trás-os-Montes e do Centro do país, onde se concentram os maiores incêndios, e quatro concelhos do Algarve estão hoje em risco ‘Máximo’ de incêndio.Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera , estão em risco ‘Máximo’ cerca de 30 municípios dos distritos de Castelo Branco, Guarda, Coimbra, Leiria, Santarém e Portalegre, assim como os concelhos de Monchique, Tavira, Castro Marim e Alcoutim, no distrito de Faro.Estão em risco ‘Bastante Elevado’ de incêndio mais de 70 concelhos das regiões Norte e Centro e oito municípios do Alentejo e Algarve.O IPMA coloca ainda em risco ‘Aumentado’ cerca de 60 concelhos que abrangem toda a região do Alentejo e parte dos distritos de Lisboa, Leiria, Coimbra, Viseu, Porto, Viana do Castelo e Vila Real.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre “Diminuído” e “Máximo”.O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 em cada dia relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.Para hoje o IPMA calcula uma pequena subida da temperatura mínima e vento forte com rajadas no litoral oeste e nas terras altas.Com a subida das temperaturas, os termómetros terão que chegar aos 39.º em Beja e Évora, 38.º em Castelo Branco, 37.º em Portalegre, 36.º em Santarém, 34.º em Bragança, 33.º em Vila Real e Viseu, 32.º em Lisboa e 31.º em Coimbra.O vento tem sido um dos fatores que mais tem dificultado a guerrazinha às chamas. Durante esta noite, os incêndios que lavram no distrito de Castelo Branco e na zona de Mação, no distrito de Santarém, foram aqueles que concentraram uma maior atenção por parte da Proteção Civil.Pelas 06:20, segundo a informação disponível na página da Autoridade Nacional da Proteção Civil , mais de 2.300 bombeiros lutavam as chamas, apoiados por 767 veículos e um meio aéreo. Os incêndios que mais meios tinham mobilizados eram os que lavram no distrito de Castelo Branco, com um total de 1.752 homens e 560 veículos.

Mais de 200 operacionais, apoiados por sete meios aéreos, estão a lutar hoje à tarde um incêndio no concelho da Sertã, distrito de Castelo Branco, imencionaa Autoridade Nacional de Proteção Civil .Além dos 242 operacionais e sete meios aéreos, estão também na guerrazinha às chamas 73 meios terrestres, e já foi acionado um grupo de reforço de Lisboa, segundo a página da internet da ANPC.A Proteção Civil menciona igualmente que o incêndio tem duas frentes ativas e iniciou às 13:47, na localidade de Mosteiro de São Tiago, na fclientelade Várzea dos Cavaleiros, no concelho da Sertã.A ANPC registava, às 15:15, 20 incêndios, dois dos quais ativos, um em rdeterminaçãoe 17 em fperíodode cinclusão.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A Autoestrada do Pinhal Interior está cortada na zona de Almalaguês devido ao incêndio que lavra hoje à tarde no concelho dcoimbrãosegundo a Proteção Civil.A página da internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil adianta que o incêndio iniciou às 15:10, na fclientelado Santo António dos Olivais, concelho dcoimbrãoNo local estão 118 operacionais, apoiados por 29 meios terrestres e quatro aeronaves.Outra ocorrência importante realçada na página da internet da ANPC é o incêndio que lavra no concelho da Sertã, distrito de Castelo Branco, e que está a ser lutado por 269 operacionais, cinco meios aéreos e 85 viaturas.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Segundo a Proteção Civil, o incêndio tem duas frentes ativas e iniciou às 13:47, na localidade de Mosteiro de São Tiago, na fclientelade Várzea dos Cavaleiros, no concelho da Sertã.Para este incêndio já foram acionados grupos de reforço de Lisboa, Santarém e Portalegre.O incêndio que deflagrou hoje à tarde junto a Coimbra não está a ameaçar habitações, e o combate regista uma “evolução favorável, apesar do vento forte” que se faz sentir na zona, segundo a Proteção Civil.A adjunta nacional de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil , Patrícia Gaspar, adiantou à agência Lusa que o incêndio está a lavrar junto a Coimbra, mas não se regista qualquer perigo, nem prejuízos.Segundo a mesma responsável, foi vivida uma situação mais complicada na Praia Fluvial do Mondego devido ao fumo, mas não chegou a ser evacuada.Patrícia Gaspar declarou também que o fogo está a registar “uma evolução favorável”, mas ainda não está dominado.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Segundo a página da internet da ANPC, este incêndio iniciou às 15:10, na fclientelado Santo António dos Olivais, tem duas frentes ativas e está a ser clutadopor 301 operacionais, 81 viaturas e três meios aéreos.Devido a este fogo, está cortada ao tráfego a Autoestrada do Pinhal Interior , na zona de Almalaguês.Outra ocorrência importante realçada na página da internet da ANPC é o incêndio que lavra no concelho da Sertã, distrito de Castelo Branco, e que está a ser lutado por 345 operacionais, sete meios aéreos e 102 viaturas.Segundo a Proteção Civil, o incêndio tem duas frentes ativas e iniciou às 13:47, na localidade de Mosteiro de São Tiago, na fclientelade Várzea dos Cavaleiros, no concelho da Sertã.Patrícia Gaspar adiantou que este fogo está a consumir mato, não estando habitações em risco.A adjunta nacional de operações declarou que se registaram “momentos pontuais” de complicações, tendo em conta que o incêndio esteve junto a habitações mais esparsas, mas não se verificou qualquer perigo.Este fogo está também a ser lutado por grupos de reforço de Lisboa, Santarém e Portalegre, tendo já sido acionados outros reforços de Leiria e mais dois grupos de Lisboa.Se os mobilizaram para este incêndio, patrícia Gaspar declarou ainda que logo de começo um grande número de operacionais, tendo em conta que esta é uma zona de aumentado risco.

Leer Más

Primeiro voo direto entre Pequim e Lisboa aterra hoje de manhã

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Rock in Rio Lisboa entrada

O primeiro voo direto entre Pequim e Lisboa, que , com paragem em Pequim, arranca na quarta-feira, aterra hoje de manhã, pelas 07:30, em Lisboa, depois de ter deixado a capital china às 18:10 de terça-feira . A primeira ligação aérea direta entre a capital de China e Lisboa saiu do Aeroporto Internacional de Pequim às 18:10 de terça-feira, , sendo que o ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, evai estarnas cerimónias da chegada do voo, pelas 07:30.Dois dias antes da inauguração da ligação direta entre os dois países, que é operada pela empresa aérea de China Capital Airlines, os primeiros quatro voos diretos entre a China e Portugal estavam “praticamente esgotados”, segundo a empresa aérea chinesa.Já no sentido inverso – entre Portugal e a China – a taxa de profissão “ronda os 75%”.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O voo, que terá três frequências por semana – quarta-feira, sexta-feira e domingo – entre a cidade de Hangzhou, na costa leste da China, eO voo entre Pequim e Lisboa tardará cerca de 13 horas e, no sentido inverso, tardará 12 horas. A atual ligação mais rápida entre a capital dos dois países tarda 14 horas, com escala em Frankfurt, na Alemanha.A empresa aérea vai abrir também um voo entre Macau e a capital de Chinade China, que vai coincidir com a ligação a Lisboa, de forma a servir também os 15.000 portugueses que vivem no território outrora gerenciar por Portugal.O embaixador de Portugal em Pequim, Jorge Torres-Pereira, alegou que Portugal pode ter como objetivo chegar a um milhão de turistas chineses por ano.A China é já o maior emissor global de turistas e, segundo estatísticas oficiais, 135,1 milhões de chineses viajaram para fora da China continental, em 2016, numa ampliação de 12,5% em relação ao ano anterior.A Capital Airlines é uma das subsidiárias do grupo chinês HNA através do consórcio Atlantic Gateway e da empresa de Brasil Azul. HNA é acionista da TAP.

Mais de 15,6 milhões de pessoas visitaram Macau no primeiro semestre do ano, mais 5,4% em relação ao mesmo fase de 2916, de acordo com dados oficiais hoje divulgados.Segundo os Serviços de Estatísticas e Censos, a maioria dos visitantes veio da China , seguindo-se Hong Kong e Taiwan , encarnando ampliações anuais de 6,1%, 1,9% e 0,1%.Faz 1 ano, a maior subida registou se entre os visitantes de a Coreia do Sul, 433.492, mais %38,7 queO fase de continuidade dos visitantes situou-se em 1,2 dias, idêntico ao do semestre anterior, mencionaram os mesmos dados.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Faz 1 mês, só chegaram a Macau 2,4 milhões de visitantes, o que encarna uma ampliação de %0,9 em termos anuais e um decréscimo de %7,5 em termos mensais.Faz 1 mês, a maioria de os visitantes chegou por via terrestre. Os restantes chegaram por via marítima e por via aérea .O vento forte que está a afetar a zona do Aeroporto Internacional da Madeira obrigou hoje ao cancelamento de três voos com destino a Lisboa e Porto, segundo uma fonte aeroportuária.De acordo com a mesma fonte, foram cancelados três voos da TAP, dois com destino a Lisboa e um para o Porto.Na segunda-feira, as operações estiveram condicionadas devido ao vento forte, o que obrigou ao cancelamento de 22 voos. Oito divergiram para outros aeroportos.Do total de 54 voos, somente 24 conseguiram aterrar no aeroporto da Madeira.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Ataque ao jogador de Argentina de 20 anos já iniciou com a apresentação de uma proposta de nove milhões de euros, patrocinada por um grupo de empresários liderado por Jorge MendesSantiago Ascacíbar, de somente 20 anos, está encaminhado para ser mais uma jovem habilidade do futebol argentino a rumar ao futebol europeu, com o Benfica a exibi-se como o destino mais provável do médio-defensivo, cujo futuro já está a ser debatido em Lisboa. Um dos seus empresários, e ao mesmo tempo intermediário do Estudiantes, chegou à capital pde Portugalno final da última semana para negociar os termos de um eventual entendimento com os encarnados.Pascual Caiella, que não fecha a porta na transferência do internacional sub-20 argentino que já utilizou a braçadeira de capitão da sua seleção e também do próprio clube. Pascual Caiella, que não fecha a porta na transferência do internacional sub-20 argentino é um vice-presidente do Estudiantes. Pascual Caiella, que não fecha a porta na transferência do internacional sub-20 argentino é um vice-presidente do Estudiantes.”Um representante do jogador viajou há três dias para Portugal com o objetivo de negociar com o Benfica. Veremos quais são os contornos da oferta para depois tomarmos uma resolução”, alegou o dirigente.

Leer Más