Procuradora revela cerco militar ao Ministério Público na Venezuela

Por: SentiLecto

A procuradora-geral da Venezuela, Luisa Ortega, que , para quem a Assembleia Constituinte reflete uma “pretensão ditatorial”, é uma veterana chavista que se distanciou do governo ao delatar um rompimento da ordem constitucional na Venezuela, delatou neste sábado o assédio de militares que cercam a sede do Ministério Público, um dia depois da posse da Assembleia Constituinte e de receber medidas de proteção da CIDH . “Rejeito o cerco ao Ministério Público. Delato essa arbitrariedade à comunidade nacional e internacional”, escreveu a procuradora em sua conta no Twitter.

Leer Más