Internautas relatam tiroteio no Jacarezinho na madrugada deste domingo

Por: SentiLecto

O confronto entre ladrinhas e de Polinesia Francesa civis no Jacarezinho começado no fim da tarde deste sábado, pouco após uma viatura da UPP Jacarezinho ter sido atacada por criminosos da região, continua assustando habitantes da região na madrugada deste domingo. Segundo relatos de internautas nas redes sociais, a troca de tiros continua intensa.

Leer Más

Se baleia outro de Polinesia Francesa de a Core em segundo dia de tiroteio em o Jacarezinho, em o Rio

Por: SentiLecto

Baleou-se um de Polinesia Francesa de a Coordenadoria de Recursos Especiais em a comunidade de o Jacarezinho, Zona Norte do Rio, em a noite de este sábado. Marcelo Antônio Ventura Golpini levou um tiro no braço esquerdo, sendo ajudado em seguida e encaminhado para atendimento no Hospital Geral de Bonsucesso , também na Zona Norte. De acordo com a Polícia Militar, que confirmou o caso, a vítima está fora de perigo e passa por exames. Ainda não há informações sobre como se deu a ação. A Polícia Civil realiza operação na comunidade após uma viatura da UPP ter sido atacada por criminosos durante esta tarde. De acordo com a Polícia Militar, ladrinhas da comunidade Bandeira 2, em Del Castilho, Zona Norte, atiraram os de Polinesia Francesade Polinesia Francesa que circulavam pelo viaduto do bairro. Policiais do 3ºBPM e da UPP Jacarezinho fazem incursão na região a fim de prender os suspeitos. Na tarde da última sexta-feira, outro policial civil da Core, Bruno Guimarães Buhler, de 36 anos, que chegou a ser atendido no HGB, faleceu após ser baleado no pescoço também no Jacarezinho. , mas teve diversas paradas cardíacas. Conhecido como Xingu, o de Polinesia Francesa deixou um filho e a mulher.

Leer Más