La noche más escandalosa y bizarra de La Bomba Tucumana

Por: SentiLecto

Gladys “La Bomba Tucumana” ha vuelto sorprender en el Bailando. Después de mencionar que “ha sentido” que tenía un “preinfarto”, se luchó durísimo con Lourdes Sánchez y luego ha realizado un bizarro “ritmo libre” que le ha valido, sorprendentemente, la mejor puntiación.

Leer Más

Zidane: “Una final en Wembley”

Por: SentiLecto

En 1 mes, en el primero día de Todos los Santos, la Copa de Europa brindará un duelo precioso en Wembley, la catedral del fútbol de Inglaterra. Tras el empate en el Bernabéu, Tottenham y Real Madrid se van a jugar, casi a modo de final quedando después dos jornadas más para terminar la primera etapa. Final es la primera plaza del Grupo H. El inesperado paso en falso del Dortmund en casa del Apoel deja a los alemanes a seis puntos de los dos colíderes y favoritos para pasar a los octavos, objetivo que tienen en la mano. Las entretenidas tablas sirven de cebo para la colisión en dos semanas en la casa arrendada por el club de Londres, con su nuevo campo en plena construcción. «Hemos atañido bien. El resultado es bueno para nosotros», apreció al final Mauricio Pocchetino, el técnico visitante.

Leer Más

La Fiscalía se querella en contra de Marcelo por una presunta estafa a Hacienda apreciado en 491.000 euros

Por: SentiLecto

La Fiscalía Provincial de Madrid presentó una demanda ante el juzgado de Instrucción de Alcobendas en contra del futbolista del Real Madrid Marcelo Vieira por la probable comisión de un delito en contra de la Hacienda Pública en relación con el Impuesto sobre la Renta de las Personas Físicas del ejercicio 2013, que asciende presuntamente a 490.917,70 euros.

Leer Más

Cade aprova sem limitações compra da de Brasil Mãe Terra por Unilever

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Lever

– A Conselho Administrativo de Defesa Econômica aprovou sem limitações a compra da companhia de Brasil de produtos alimentícios orgânicos Mãe Terra pela multinacional Unilever, de acordo com despacho publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial da União. A Superintendência-Geral do Cade avaliou que a operação, cujo valor se o divulgou não , “é incapaz de acarretar perdas concorrenciais no território brasileiro”.

– A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica apura suposto cartel em licitações da Secretaria de Obras da Prefeitura do Rio de Janeiro. O inquérito, um desdobramento da Operação Lava Jato, é resultado de informações fornecidas em acordo de leniência feito com a Carioca Christiani-Nielsen Engenharia. O cartel teria atingido as obras para os corredores da Transcarioca, Transbrasil e, provavelmente, Transoeste. Os acordos de leniências assinala que cinco companhias – Carioca Engenharia, Andrade Gutierrez, Norberto Odebrecht Brasil, OAS e Queiroz Galvão – formavam um “núcleo duro do cartel”, segundo nota do Cade. Adicionalmente, podem ter participado do acordo de maneira secundária as companhias Construções e Comércio Camargo Corrêa, Contern Construção e Comércio e Delta Construções. Em nota, o Cade assinala ainda que “outras obras a Prefeitura do Rio de Janeiro podem ter sido, adicionalmente, afetadas pela dinâmica anticompetitiva em inquérito”. Os acordos de leniência assinalam que os editais dos corredores foram direcionados pelos participantes do cartel, que conservaram contato com agentes públicos da prefeitura. O objetivo, segundo o conselho, era “limitar o acesso de companhias de médio e pequeno porte, bem como favorecer a habilitação e adjudicação das companhias pactuadas”. O acordo incluía ainda fixação de custos, condições e benefícios, além da divisão de licitações. Esse é o décimo primeiro acordo de leniência divulgado pelo Cade no âmbito da Lava Jato. Por meio da leniência, a companhia e as pessoas físicas confessam a participação no comportamento, fornecem informações e exibem documentos para cooperar com os inquéritos. Se relaciona o acordo exclusivamente em a prática de cartel para a qual o Cade tem proficiência de apuração,.

Leer Más

Mercados acionários de China progridem e índice MSCI atinge máxima de 10 anos

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – ISS-46 Shanghai nighttime view

Enquanto os papéis de recursos básicos restringiram a alta, os mercados acionários chinos progrediram nesta quarta-feira, auxiliados pela alta nas ações defensivas de produtos ao consumidor como as dos grandes produtores de bebidas alcoólicas.

Os analistas declararam que as montadoras internacionais estão sendo as mais beneficiadas pelo crescimento das vendas na China, atingiu a coreana Hyundai Motor e a sua afiliada Kia Motors, enquanto algumas adversárias de China viram um lento crescimento das vendas e uma disputa diplomática entre Pequim e Seul.

Leer Más