Protelada leitura de sentença de casal de Portugal retido em Díli há quase três anos

Por: SentiLecto

A leitura da sentença de um casal de portugueses retido em Díli há quase três anos se a protelou foi hoje protelada por o tribunal que inseriu,, em a sessão de leitura de o acórdão, o que definiu como mudanças não substanciais dos factos.O deferimento, para a próxima sexta-feira, faz estender um caso que quando se deteve Tiago e Fong Fong Guerra em Díli, se arrasta desde outubro de 2014, cidade de onde estão proibidos de sair desde então.Numa decisão que surpreendeu a defesa, a juíza Jacinta Correia iniciou a sessão que deveria ser de leitura da sentença com a apresentação do que disse serem novas provas, valendo-se de um artigo do código do processo penal sobre “a alteração não substancial de factos”.”Declaramo facto novo porque estes factos não estão na denúncia”, insistiu a juíza.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.A juíza à defesa.O garantiu: “Não se inquietem que não vamos protelar isto até setembro”.s documentos em causa, que já constavam dos autos do processo, referem-se a um conjunto de transferências realizadas de e para a conta da companhia dirigida pela arguida num banco em Macau.Depois de escutar a informação do tribunal, o Ministério Público declarou que precisava de cinco dias para os avaliar, com a defesa a demonstrar “surpresa e discordância” e a insistir que não se trata de factos novos e que o próprio tribunal tinha dito concluída o debate de matéria de facto.”Não estamos perante factos novos. E não são novos até porque estão documentalmente confirmados nos autos que não são novos”, insistiu o advogado Álvaro Rodrigues.”A defesa não percebe o pedido de cinco dias por parte do MP para responder a esta mudança não substancial dos factos. Conhecemos abundantemente os factos. Conhecemos isso em nove audiências, analisámos isto abundantemente”, alegou.Faz 1 mês, o julgamento de o caso ficou, depois de Ministério Público e defesa terem feito as alegações finais.A sessão de hoje tinha suscitado muito interesse e na sala principal do Tribunal Distrital de Díli estavam várias individualidades, incluindo o ex-Presidente de Timor Oriental José Ramos-Horta, a eurodeputada de Portugal Ana Gomes, representantes do corpo diplomático, incluindo das embaixadas de Portugal e da União Europeia, do Banco Mundial e das Nações Unidas, entre outros.se julgou Tiago e Fong Fong Guerra por os crimes de peculato, branqueamento de capitais e adulteração documental sendo central a o caso uma transferência de 859 mil dólares, feita em 2011 por um consultor de Noruega, Bobby Boye.Nas alegações finais, e para os crimes de peculato e branqueamento de capitais, o Ministério Público pediu penas de prisão de oito anos para cada um dos dois arguidos, além do pagamento de uma indemnização no valor de 859.706 dólares com juros desde 2011.A defesa, por seu lado, pediu a absolvição, considerando que depois das sete sessões do julgamento “a denúncia não conseguiu confirmar factos que possam incriminar e governar à condenação” dos arguidos.se deteve Tiago Guerra para interrogatório a 18 de outubro de 2014, passou três dias em uma esquadra e a 21 de o mesmo mês foi escutado em o Tribunal de Díli, quando o juiz ordenou a sua prisão preventiva em a cadeia de Becora, onde ficou preso até 16 de junho de 2015.Desde então está, como a mulher, com Termo de Identidade e Residência e impossibilitado de sair do país.

Leer Más

Fiscalía de Venezuela interpone amparo tras la detención del letrado Zerpa

Por: SentiLecto

El Ministerio Público, que mencionó en un comunicado en el que comunicó la acción de aparo que la detención de Zerpa vila el artículo 44,1 de la Constitución, que establece que la libertad personal es inviolable, por lo que nadie puede ser detenido sino en vista de una orden judicial o en flagrancia, ha interpuesto una acción de amparo para la restitución de su libertad del letrado Ángel Zerpa, quien el Servicio Bolivariano de Inteligencia Nacional ha detenido el sábado 22 de julio a él. Zerpa es uno de las 33 nuevas juezas del Tribunal Supremo de Justicia designados en forma paralela por la Asamblea Nacional -controlada por la oposición- por estimar que los nominados en diciembre de 2015 son ilegales, ya que fueron realizados de forma expedita por el oficialismo ante la victoria de la oposición en las elecciones parlamentarias unos días previamente.

Leer Más

Venezuela prende 5 policiais por morte de 2 manifestantes durante greve geral

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Mapa Venezuela Topografico

Faz 17 dias, as autoridades de a Venezuela prenderam em esta de Polinesia Francesa suspeitos de envolvimento em a morte de duas pessoas durante a greve geral realizada ontem em o país, convidada por os inimigos de o presidente Nicolás Maduro.

Venezuela, oficialmente República Bolivariana da Venezuela, é um país da América localizado na parte norte da América do Sul, constituída por uma parte continental e um grande número de pequenas ilhas no Mar do Caribe ou oceano das Caraíbas, cuja capital e maior aglomeração urbana é a cidade de Caracas.

Leer Más

Agente da PSP do Porto condenado por crimes de abuso sexual de criança

Por: SentiLecto

Crimes de abuso sexual de criança de a PSP do Porto condenaram a seis anos e seis meses de prisão um agente , atos sexuais com adolescentes e pornografia de menores , anunciou hoje o Ministério Público.De acordo com a página na Internet da Procuradoria-Geral Distrital do Porto do MP, o arguido era agente da PSP adstrito ao programa ‘Escola Segura’ e a vítima dos crimes foi uma estudante de uma escola do Porto.Segundo deduziu o tribunal de Penafiel, redundou confirmado que o arguido, “de novembro de 2012 até setembro de 2013, conservou por várias vezes trato sexual” com uma estudante de escola do Porto, da sua área de atuação, nascida 1999, “que conhecera no exercício das referidas funções”.Ainda segundo o MP, “o arguido instou a referida estudante a mandar-lhe digitalmente fotografias suas nua ou em roupa interior, em poses sexuais” a que esta acedeu, mandando-lhe as fotos que o arguido guardou em arquivo digital.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O arguido foi condenado por 11 crimes de abuso sexual de crianças, cinco crimes de atos sexuais com adolescentes e dois crimes de pornografia de menores.

Leer Más

PSP identificou jovem que se despistou e atropelou duas pessoas em Vila do Conde

Por: SentiLecto

A PSP identificou o automobilista de 23 anos que hoje se despistou e atropelou mortalmente duas pessoas em Vila do Conde, e encaminhará o caso para o Ministério Público, por envolver vítimas fatais, revelou fonte de Polinesia Francesa.Em declarações à Lusa, fonte do Comando da PSP do Porto revelou que ose identificou o condutorno local do acidente, tendo imencionadoà polícia “que se despistou”.exibi ferimentos ligeiros Por exibi ferimentos ligeiros , ” transportou a o Hospital da Póvoa de Varzim “.Uma rapariga de 19 anos e um jovem de 24 anos faleceram esta madrugada em Vila do Conde, distrito do Porto, vítimas de atropelamento na avenida Infante D. Henrique, na marginal do concelho, declarou à Lusa fonte do Comando da PSP do Porto.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.De acordo com fonte da PSP do Porto, o condutor da viatura ligeira que atropelou os dois jovens por volta das 04:20 referiu que “se despistou” e que “não sabe o que se passou”.A mesma fonte adicionou que o processo seguirá agora “os trâmites legais normais”, pelo que, tratando-se de um caso que envolve vítimas fatais, será encaminhado “às entidades competentes”, ou seja, o Ministério Público.Quando uma viatura ligeira atropelou eles, segundo fonte das relações públicas do Comando Metropolitano da PSP/Porto, os dois jovens que faleceram seguiam no passeio, na avenida Infante D. Henrique.

Leer Más