Carnaval no Rio: prazo de matricula para ambulantes no entorno do Sambódromo conclui nesta sexta

Por: SentiLecto

A Coordenadoria de Gestão do Espaço Urbano conclui, nesta sexta-feira, as matricula para o sorteio público que autoriza o exercício de comércio ambulante na Sapucaí durante o Carnaval 2018. Os interessados têm até as 16 horas para se cadastrarem. Vão ser 150 pontos fixos localizados no entorno do Sambódromo, no Centro do Rio. Para participar, é necessário ter a partir de 18 anos de idade e morar no município do Rio de Janeiro.

Leer Más

Petrobras aumentará novamente custo da gasolina nas refinarias a partir de quinta-feira

Por: SentiLecto

Em 1 dia, a Petrobras aumentará os custos de a gasolina em 1,4 por cento em as refinarias, em a sua segunda alta consecutiva após diversas quedas seguidas em este ano, informou em esta quarta-feira a petroleira estatal em seu site.

Leer Más

Bovespa mostra fraqueza e dá sequência a ajuste após altas recentes

Por: SentiLecto

– O principal índice da bolsa paulista mostrava fraqueza nesta quarta-feira, dando permanência ao movimento de ajuste começado na véspera, depois de registrar recordes de alta neste começo de ano. Às 11:51, o Ibovespa caía 0,5 por cento, a 78.470 pontos. O giro financeiro era de 1,5 bilhão de reais. A ausência de um noticiário mais positivo dava respaldo ao ajuste neste pregão depois do recente rali, que levou o índice a renovar máximas recordes ao longo de 11 altas seguidas, rompendo inclusive o platô dos 79 mil pontos. Entretanto, agentes de mercado conserva um viés positivo para o mercado acionário, avaliando o ajuste somente como provisória, diante da manutenção das perspectivas otimistas para o exterior, assim como para o cenário interno. No front local, a perspectiva segue de recuperação da economia e de juros baixos, cenário favorável para o mercado de renda mutável. Faz 1 mês, mais cedo, os números de a inflação oficial de o país mostraram ampliação de custos acima do esperado, embora não suficientes para modificar as perspectivas de médio prazo. Faz 1 mês, o Índice Nacional de Preços a o Consumidor Amplo subiu 0,44 por cento e fechou o ano com inflação acumulada de 2,95 por cento. Os números vieram um pouco acima do esperado em pesquisa Reuters, de alta de 0,30 por cento no mês e de 2,80 por cento em 12 meses. “Internamente, tivemos IPCA mais forte que esperado e o noticiário político-econômico não traz novidade fiscal nem de reformas. O que se fala é de corrida presidencial envolvendo figuras que teriam que estar só pensando na reforma”, escreveram os analistas da corretora Lerosa Investimentos em relatório a clientes. DESTAQUES – RUMO ON caía 1,13 por cento, após analistas do UBS cortarem a recomendação dos papéis para “neutra” ante compra e diminuírem o preço-alvo para 14,40 reais ante 14,60 reais. – PETROBRAS PN recuava 0,29 por cento e PETROBRAS ON perdia 0,5 por cento, em movimento de ajuste após ganhos recentes e a despeito da alta nos custos do petróleo no mercado internacional. – VALE ON caía 0,67 por cento, em dia de pouca oscilação para os contratos futuros do minério de ferro na China. – JBS ON caía 0,52 por cento, dando sequência ao movimento da véspera, tendo no radar o corte na recomendação para as ações da companhia feito pelo Citigroup para “neutra”, devido à recente alta e com a expectativa de desaceleração das receitas. – BRADESCO PN recuava 0,80 por cento ITAÚ UNIBANCO PN perdia 0,65 por cento, auxiliando a tirar força do Ibovespa devido ao peso desses papéis em sua composição.

Leer Más

Rio recebe matricula de pontos de comércio no entorno do Sambódromo no Carnaval

Por: SentiLecto

A Coordenadoria de Gestão do Espaço Urbano abre, a nesta quarta-feira, as matricula para o sorteio público que autoriza o exercício de comércio ambulante na Sapucaí durante o Carnaval 2018. Vão ser 150 pontos fixos localizados no entorno do Sambódromo, no Centro do Rio. Para participar, é necessário ter a partir de 18 anos de idade e morar no município do Rio de Janeiro.

Leer Más

Roubos na Zona Sul do Rio têm duas vezes mais chances de serem investigados do que na Zona Norte

Por: SentiLecto

Roubos contra pedestres cometidos nas áreas mais pobres do Rio têm 2,6 vezes menos chances de serem investigados pela Polícia Civil do que aqueles registrados em delegacias da região mais rica. Um levantamento do EXTRA feito com base em dados da Polícia Civil revela que, na Zona Sul, área com maior poder aquisitivo da cidade, 45% dos registros de ocorrência do crime têm inquéritos em andamento. Já na Zona Norte, exclusivamente 17% dos casos estão sendo apurados. O restante das investigações está suspenso, ou seja, os inquéritos estão paradas.

Leer Más