Policiais de UPP encontram granadas de fabricação caseira no Jacarezinho

Por: SentiLecto

Faz 12 dias, Policiais da Unidade de Polícia Pacificadora Jacarezinho encontraram terça-feira, duas granadas de fabricação caseira após troca de tiros com criminosos, seguida de buscas em a comunidade, em a Zona Norte do Rio. Se recebeu os de Polinesia Francesa segundo a assessoria de jornalismo de as UPPs, a tiros durante patrulhamento em a localidade conhecida como CRJ, houve confronto, mas ainda não há informações sobre feridos.

Leer Más

Cheque as fotografias do treinamento da Hard Rock All Inclusive em Cuiabá

Por: SentiLecto

A equipe de vendas dos hotéis Hard Rock All Inclusive continua divulgando os diferenciais dos estabelecimentos ao trade, em encontros com agentes de viagens de todas as regiões do País. Faz 14 dias, foi a vez de Cuiabá, em o último dia 5. Na capital do Mato Grosso, a rede participou do acontecimento Treina Trend, realizado pela Trend Operadora, com algumas das principais agências locais.

Leer Más

INTER : Para acabar com “maldição” em casa

Por: SentiLecto

Com apenas uma vitória em seis partidas no Beira-Rio, o Internacional tem mais uma oportunidade para acabar com essa “maldição”, que resulta em protesto e violência após cada fracasso. O ambiente segue tenso – até porque, a equipe foi mal na rodada passada, perdendo por 2 a 0 para o CRB, em Maceió, permanecendo fora do G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

Leer Más

STF fixa limite para indenização por extravio de bagagem e atraso em voo internacional

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Luís Roberto Barroso

– O Supremo Tribunal Federal decidiu que a norma para indenização de passageiros de voos internacionais que tiveram bagagens extraviadas ou perdidas, e também para quem teve o voo atrasado, é a fixada pelas convenções internacionais das quais o Brasil participa, e não a pelo Código de Defesa do Consumidor. Na prática, isso significa perda aos passageiros. Pelo código de Brasil, a empresa deve reembolsar o cliente no valor dos objetos que estavam na mala, mediante comprovação. Os atrasos só são indenizados mediante a comprovação da perda. Já as normas internacionais têm limites pré-fixados. As Convenções de Varsóvia e de Montreal estabelecem um limite para a indenização por mala perdida ou extraviada. Esse valor hoje é de, no máximo, 1.200 euros por mala. As convenções também estabelecem a indenização máxima de 5 mil euros para passageiros que tiveram o voo atrasado. A resolução tem repercussão geral – se obriga os juízes e tribunais de todo o país ou seja, a aplicar entendimento em processos sobre o tema. Se exibiu o recurso julgado em o plenário em o STF pela Air France contra resolução de o Tribunal de Justiça do Rio que determinou a indenização de o passageiro por o extravio de bagagem nos termos do Código de Defesa do Consumidor de Janeiro. Se julgou um recurso de a Air Canada também em esta quinta-feira contra resolução de a justiça paulista que aplicou, o mesmo código para condenar a companhia a o pagamento de indenização em o valor de R 6 mil prejuízos morais a uma passageira, por atraso de 12 horas em voo internacional . $ 6 mil prejuízos morais a uma passageira, por atraso de 12 horas em voo internacional. A Air Canadá argumentou que a indenização não teria que ser paga, porque a passageira teria entrado com a ação na justiça fora do prazo calculado em lei. Pelas convenções internacionais, esse prazo é de dois anos. Pelo Código de Defesa do Consumidor, é de cinco anos. Como o tribunal estabeleceu as convenções como norma, a passageira perdeu o direito à indenização. Esse prazo deverá ser adotado a todos os processos que tramitam sobre o tema no país. Ou seja , se atraso prejudicou alguém em voo , vai ter somente dois anos para entrar com a ação em a Justiça. Em seu voto, o ministro Gilmar Mendes a Constituição Federal calcula a observância aos acordos internacionais. O ministro Gilmar Mendes é relator de um dos processos. O ministro Luís Roberto Barroso consentiu. O ministro Luís Roberto Barroso é relator do outro caso. A maioria dos ministros do STF consentiu com os relatores. Somente Marco Aurélio e Celso de Mello discordaram. Para ele, como as empresas aéreas realizam atividades qualificadas como prestação de serviços, a relação era de consumo – e, portanto, deveria ser aplicado o Código de Defesa do Consumidor.

A Heinz Brasil informou que havia fragmentos de pelo de roedor acima do limite de tolerância em Molho de Tomate com Pedaços Tradicional, embalagem stand up pouch , de 340g, para a qual foi convidado o recall no dia 12 de maio. Produzidas em 25 de janeiro de 2016, com numeração de o lote é L25 20:54 M3-1, se os colocaram segundo a fabricante em o mercado 22 mil unidades que têm vencimento em 25 de julho de este ano,.Anvisa tolera até 20 insetos em orégano; veja limites de ‘matérias insólitas’ em alimentos

Leer Más

Ex-BBB Vivian pede paz aos fãs de Emilly após vaias em acontecimento: ‘Sem xingamentos’

Por: SentiLecto

Quem assistiu ao “BBB 17″ certamente recorda do combate declarado entre Vivian Amorin e Emilly Araújo. As duas não se bicavam no reality show e, pelo visto, do lado de fora da casa os fãs das ex-sisters estão levando adiante essa rivalidade.

Leer Más