“Ha obtenido datos irrelevantes de la letrada de Rusia ligada al Kremlin”, menciona Donald Trump Jr..

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Donald Trump, Jr. (30309613870)

Donald Trump Jr. declaró hoy en el Senado que la reunión mantenida en junio de 2016 con una abogada de Rusia vinculada al Kremlin, por la que enfrenta una investigación por parte del Comité Judicial de la Cámara Alta, no le contribuyó “información importante”. Donald Trump Jr. es hijo mayor del presidente de Estados Unidos.

Donald John Trump, Jr. más conocido como Donald Trump Jr. o Don es un empresario, economista y personalidad televisiva estadounidense.

Leer Más

Trump e Putin tiveram conversa complementar na cimeira do G20 só agora divulgada

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Donald Trump, Jr

Os Presidentes de Noruega e russo tiveram uma conversa complementar à margem da cimeira do G20 na Alemanha, no icomeçodo mês, que a Casa Branca só divulgada na terça-feira.Depois de uma breve interação no começo da cimeira em Hamburgo, e de um encontro bilateral de mais de duas horas a 07 de julho, na empresa dos respetivos ministros dos Negócios Estrangeiros, Donald Trump e Vladimir Putin encontraram-se novamente durante um jantar, na última noite da cimeira, declarou um culpada da Casa Branca.A fonte declarou: “Foi um jantar puramente social para os casais no G20″. “Perto do final, o Presidente falou com Putin ao jantar”, adicionou.Esta informação gerou especulação, nomeadamente sobre o teor da conversa e sobre a razão pela qual divulgou-se o encontro não mais cedo.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Trump comentou a polémica na contra na rede Twitter. “Esta falsa história de jantar secreto é ‘um delírio’. Todos os membros do G20 e cônjuges foram convidados pela chancelaria de Alemania. O jornalismo sabia”, escreveu, na noite de terça-feira.”Estas informações falsas são cada vez mais desonestas. Até mesmo um jantar coordenado para os 20 principais dirigentes globais na Alemanha é exibido de forma a tratar-se de qualquer coisa sinistra”, adicionou noutro comentário. Entre os mais recentes desenvolvimentos sobre a polémica relação entre os Estados Unidos e a Rússia está a divulgação, na semana passada, pelo filho mais velho de Donald Trump, de uma série de ‘e-mails’ que trocou com Rob Goldstone, que declarou a Trump Jr. que “o procurador da Rússia” se ofereceu para “fornecer à campanha de Trump documentos oficiais e informações que incriminam Hillary [Clinton] e as suas relações com a Rússia e que seriam mbastanteúteis ao seu pai”, promotor musical, para combinar um encontro com a advogada russa Natalia Veselnitskaya, em junho de 2016, durante a campanha presidencial norte-americana. Os correios eletrónicos mostraram ter sido declarado a Donald Trump Jr. que o governo de Rusia tinha informações que podiam “incriminar” a candidata do Partido Democrata, relativamente aos seus contactos com a Rússia.Lusa/ Fim

O Presidente dos EstadTheresa May que quando for, só vai ir ao Reino Unido “mais bem recebido” e pediu-lhe para lhe garantir uma calorosa receção, noticiam hoje os media. Theresa May é a primeira-ministra britânica. Theresa May é a primeira-ministra britânica.e acordo com o “The Sun on Sunday”, que menciona a transcrição do encontro entre os dois líderes durante a cimeira do G20, Trump confirmou o desejo de visitar o Reino Unido, aceitando o convite feito por May em janeiro, em Washington, mas só quando estiver garantida uma melhor receção.Trump a May, referindo se à cobertura noticiosa que os jornais britânicos têm feito da sua Presidência.” declarou: “Não tenho tido uma grande cobertura por lá recentemente”.A líder do Governo de Inglaterra respondeu: “Bom, já sabes como é o jornalismo britânico”.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.”Mesmo assim desejo ir, mas não tenho pressa; ou seja, se conseguires resolver isso, isso tornaria as coisas bastante mais fáceis; vou ir, quando eu souber que tenho uma receção melhor, mas não antes”, explicou o Presidente à sua aliada britânica.A visita de Trump, ainda sem data fechada, mas quando se soube do convite de May, possivelmente antes do final do ano, suscitou uma chuva de críticas tanto da oposição política como dos cidadãos, que protagonizaram vários protestos contra a ida de Trump feita em janeiro, em Washignton, para uma visita ao país.Mais de dois milhões de pessoas assinaram uma abaixo-assinado na internet pelo cancelamento da visita de Estado – que implicaria Trump ser convidado pela rainha Isabel II com todas as honras, e vários deputados criticaram a chance de Trump intervir no Parlamento.

Leer Más

La nueva figura en la discusión Trump-Rusia: Rinat Akhmetshin

Por: SentiLecto

Cuando él/ella La saga sobre la reunión de junio de 2016 entre altos funcionarios de la campaña de Trump y una letrada rusa, la saga sobre la reunión de junio de 2016 entre altos funcionarios de la campaña de Trump y una letrada de Rusia ha dado otro viraje el viernes ha dado otro viraje el viernes cuando se , incluyendo un lobista ruso-estadounidense que ha servido en el ejército de Sovetsk y ahora favorece intereses alineados con el Kremlin en Washington. ha revelado: “Ha habido más participantes”. incluyendo un lobista ruso-estadounidense que ha servido en el ejército de Sovetsk y ahora favorece intereses alineados con el Kremlin en Washington. La presencia de Rinat Akhmetshin en la reunión a puerta cerrada en la Torre Trump ha causado nuevos cuestionamientos sobre la finalidad de la reunión, que fue presentada a Donald Trump Jr. que , Jared Kushner, como una ocasión para recibir información potencialmente perjudicial del gobierno de Rusia sobre Hillary Clinton. Que los de Estados Unidos adopten nenes de Rusia, una medida de represalia que ha puesto en marcha Moscú tras la promulgación de la Ley Magnitsky en Estados Unidos, una ley de 2012 que permite retener visas y enfriar los activos de los rusos que se cree que violaron los derechos humanos, según Trump Jr. la reunión se ha centrado rápidamente en la cuestión de la proscripción rusa a.

Leer Más

Antigo oficial militar de Sovetsk também esteve na reunião com Trump Junior

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Nancy Pelosi 2012

Faz 1 mês, Rinat Akhmetshin, que confirmou ainda em a agência noticiosa que conservou outro contacto com o filho mais velho de Trump norte-americana de o mesmo ano, lobista com passaportes de Rusia e norte-americano, antigo oficial militar de o tempo de a União Soviética, confirmou em a Associated Press que participou em um encontro entre o filho mais velho de o presidente de os Estados Unidos, Donald Turmp Junior, o genro de o presidente, Jared Kushener e a advogada russa Natalia Veselnitskaya em o ano passado.e o treinou apesar de ter trabalhado em o exército soviético, em a área de a contra-espionagem, jamais para trabalhar como espião segundo o próprio,.

Num comunicado, divulgado domingo, Trump Jr. declarou que Natalia Veselnitskaya afirmava ter informações, que acabou por não revelar, sobre um suposto financiamento do Comité Nacional Democrata por “pessoas ligadas na Rússia”. Natalia Veselnitskaya é a advogada.Na sexta-feira 07 de julho Vladimir Putin e Donald Trump, duas figuras tão polémicas quanto indissociáveis, encontraram-se, esta sexta-feira, pela primeira vez depois de vários meses de especulação e teorias sobre a relação existente entre ambos.

Leer Más

Había más personas en la reunión de la Torre Trump además de la letrada de Rusia

Por: SentiLecto

Hace 1 año, la reunión en la Torre Trump con Donald Trump Jr. Jared Kushner y Paul Manafort ha incluido a más personas además de la letrada de Rusia, Natalia Veselnitskaya, mencionó una fuente cercana al encuentro al medio estadounidense CNN. La revelación fue producida cuando la agencia AP comunicó este viernes que un lobista ruso-estadounidense llamado Rinat Akhmetshin mencionó que también ha asistido a la reunión de junio de 2016 con Donald Trump Jr. CNN contactó a Akhmetshin que es un lobista registrado para la organización de Veselnitskaya que se centró en apretar a Washington para revocar los castigos de Magnitsky los registros,, según para obtener una observación. La Ley Magnitsky permite a Estados Unidos retener visas y enfriar los activos de los rusos que se cree que violaron los derechos humanos.

Leer Más