Índices dos EUA fecham em alta puxados por ações da Verizon e de fabricantes de microchip

Por: SentiLecto

Enquanto um acordo na indústria de semicondutores gerou alta nas ações de tecnologia, as ações norte-americanas fecharam em alta nesta segunda-feira com os papéis da Verizon puxando o setor de telecomunicações.

Leer Más

Ibovespa sobe 0,1% de olho no exterior e na política local, tem pior semana desde maio

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Wallnewamsterdam

– O principal índice da bolsa paulista fechou a sexta-feira quase estável, após alternar alta e queda, com investidores avaliando dados norte-americanos e conservando precaução diante da cena política local. Faz 6 meses, que fechou em alta de 0,12 por cento acumulando queda de 2,71 por cento em a semana, quando o índice teve perda de mais de 8 por cento em a semana que movimentou os mercados após a delação de executivos de a JBS, teve a maior queda acumulada desde meados de maio, em a semana o Ibovespa a 73.915 pontos a pior performance semanal desde meados de maio. O giro financeiro deste pregão adicionou 11,34 bilhões de reais. Em Wall Street, o S&P 500 subindo 0,31 por cento, o que auxiliou a trazer de volta o tom positivo ao mercado brasileiro à tarde, após o Ibovespa ter chegado a cair 1 por cento na mínima. As encomendas à indústria nos EUA subiram pelo segundo mês seguido em setembro, com alta de 1,4 por cento, acima da expectativa de economistas, de aprogressãode 1,3 por cento. O dado visto como indicação de força econômica disparou dispositivos de alerta quanto ao ritmo de alta de juros nos EUA, que mais cedo mostravam um cenário mais tranquilo, após a confirmação da indicação de Jerome Powell para ficar à frente do Federal Reserve e após dados do mercado de trabalho nos EUA, com criação de vagas abaixo do esperado. O sócio analista da Eleven Financial Raphael Figueredo, adicionando que o movimento vendedor perdeu força no final do pregão, após o Ibovespa ter caído nas três sessões anteriores. declarou: “Esse dado fez o dólar ganhar força e prejudicou os emergentes como um todo”. DESTAQUES – LOJAS estadunidense PN caiu 7,2 por cento, após a companhia reportar seus dados do terceiro trimestre. Analistas consideraram fracos os números, embora a companhia tenha tido lucro líquido de 23 milhões de reais , ante perda de 70,6 milhões de reais um ano antes . Para o Credit Suisse, o lucro ficou 27 por cento abaixo da estimativa. As vendas na concepção mesmas lojas da negociante subiram 2,5 por cento, mas houve recuo de 3 por cento na receita líquida. – Apesar de ter mostrado diminuição de quase 40 por cento na perda líquida do terceiro trimestre ante mesmo fase de 2016, b2W ON caiu 6,7 por cento. [ – VALE ON teve alta de 2,19 por cento, em sessão positiva para os contratos futuros do minério de ferro na China, que fecharam no azul pelo terceiro dia seguido. – CIELO ON progrediu 3,82 por cento, engatando o terceiro pregão de alta, ainda refleitndo o resultado acima do esperado no terceiro trimestre. – EMBRAER ON subiu 5,81 por cento, liderando a ponta positiva do Ibovespa, em sessão de alta do dólar. – ELETROBRAS ON caiu 5,16 por cento e ELETROBRAS PNB perdeu 4,33 por cento, na esteira da informação de que o governo federal tem que optar por um projeto de lei para viabilizar a privatização da companhia, e não por medida provisória, o que pode atrasar o processo e levar os debates sobre a proposta mais perto do fase eleitoral. – PETROBRAS PN teve alta de 0,24 por cento e PETROBRAS ON subiu 0,97 por cento, em sessão de alta dos custos do petróleo no mercado internacional.

– O principal índice acionário da B3 caiu nesta segunda-feira, fechando abaixo dos 75 mil pontos, com investidores preferindo a precaução ante incertezas em relação aa progressão das reformas do governo e antes de dados econômicos ao longo da semana. As ações da Braskem foram na contramão e dispararam quase 12 por cento após notícia de que a de Holguín Lyondellbasell teria feito uma aproximação para aquisição da petroquímica brasileira. Faz 1 mês, o Ibovespa fechou em queda de 1,55 por cento, a 74.800 pontos em a frente exclusivamente de 2 de outubro.O volume financeiro do pregão adicionou 10,32 bilhões de reais. Localmente, as atenções seguem voltadas para política, à espera de novidades sobre a articulação do governo para aprogredirsua agenda econômica e passar a reforma da Previdência ainda que mais enxuta do que o esperado inicialmente. O diretor de operações da corretora Mirae, Pablo Spyer declarou: “Se a reforma não ocorrer ou se ficar bastante aquém do esperado, nós andamo para novos rebaixamentos “. A pressão sobre os negócios veio também da espera por uma agenda econômica mais intensa nos próximos dias, que inclui a reunião do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, além dos números sobre o mercado de trabalho de Noruega. DESTAQUES – BRASKEM PNA disparou 11,96 por cento, após o jornal Wall Street Journal publicar que o grupo holandês Lyondellbasell fez uma aproximação para adquiri a petroquímica brasileira e que uma oferta poderia avaliar a Braskem em bem mais que 10 bilhões de dólares. Com a alta do pregão, o valor de mercado da petroquímica subiu em cerca de 4,5 bilhões de reais ante o encerramento de sexta-feira. – VALE ON caiu 0,61 por cento, em sessão de perdas dos contratos futuros do minério de ferro na China, que caíram 3,3 por cento na Bolsa de Dalian. – CSN teve queda de 5,63 por cento e USIMINAS PNA perdeu 4,49 por cento, ambas engatando o quarto pregão seguido no vermelho após perdas dos contratos futuros do minério de ferro e do aço na China. Também pesou a divulgação de números não auditados referentes aos três primeiros trimestres do ano. Para analistas do BTG Pactual, o Ebitda do fase ficou abaixo da estimativa do banco, com pressão de preços. GERDAU PN cedeu 2,85 por cento. – HYPERMARCAS ON recuou 0,65 por cento, após reportar dados do terceiro trimestre com lucro líquido de operações continuadas de 219,4 milhões de reais e receita líquida de 954,6 milhões de reais, alta de 17,7 ante igual fase do ano passado. Analistas do UBS realçaram o forte crescimento da receita, mas veem precaução com a pressão de margem. – BANCO DO BRASIL ON caiu 3,53 por cento. BRADESCO PN caiu 1,79 por cento, ITAÚ UNIBANCO PN teve baixa de 1,28 por cento e SANTANDER UNIT perdeu 1,83 por cento. – PETROBRAS PN recuou 1,47 por cento e PETROBRAS ON perdeu 0,29 por cento, cedendo ao viés negativo do mercado e indo na contramão dos custos do petróleo no mercado internacional, que fecharam com ganhos.- O principal índice da bolsa paulista mostrava fraqueza nesta terça-feira, após uma abertura mais positiva, com investidores ainda cuidadosos diante do cenário político local e atenciosos ao noticiário corporativo. As ações da Cielo disparavam e lideravam a ponta positiva após resultado trimestral, enquanto Braskem e Itaú Unibanco eram destaque de queda. Às 12:24, o Ibovespa caía 0,54 por cento, a 74.395 pontos. O giro financeiro era de 2,8 bilhões de reais. Quando chegou a subir 0,46 por cento, depois de fechar abaixo dos 75 mil pontos na véspera, o índice ensaiou uma recuperação mais cedo e voltar ao platô dos 75 mil pontos. O encerramento de mês, segundo operadores, também favorece alguma volatilidade aos negócios, conforme investidores adaptam suas carteiras. Após renovar recordes algumas vezes ao longo deste mês, o Ibovespa passou a encontrar resistência para conservar o otimismo, diante de incertezas no cenário político. Com o arquivamento da segunda acusação contra o presidente Michel Temer, os investidores avaliam se o governo vai ter força para aprovar suas reformas, principalmente a da Previdência, ainda que uma versão mais simples. DESTAQUES – CIELO ON subia 7,58 por cento, liderando a ponta positiva do índice após reportar números melhores que o esperado por analistas para o terceiro trimestre. No fase, o lucro líquido foi de 1,017 bilhão de reais, alta de 0,8 por cento ante igual fase de 2016. – Quando chegou a progredir 1 por cento na máxima até o momento, iTAÚ UNIBANCO PN recuava 2,46 por cento, revertendo os ganhos vistos mais cedo. No radar estavam os números reportados para o terceiro trimestre que, segundo analistas do BTG Pactual, foram amplamente em linha com o esperado. Faz 2 meses, o lucro recorrente de o Itaú foi de 6,254 bilhões de reais, alta de 11,8 por cento sobre um ano antes, em o fase de julho a setembro. – BRASKEM PNA caía 2,08 por cento, depois de ter recuado mais de 5 por cento na mínima do dia, devolvendo parte dos ganhos de quase 12 por cento registrados na véspera, após a divulgação de reportagem informando que a de Holguín Lyondellbasel estaria interessada em adquiri o controle da petroquímia. A Braskem declarou nesta terça-feira que a companhia de Holguín não abordou ela com qualquer proposta de aquisição. – EMBRAER ON tinha baixa de 1,04 por cento. No radar estava o corte na recomendação do JP Morgan para os ADRs da fabricante de Brasil de aeronaves para “neutra”, ante “overweight”. – PETROBRAS PN tinha variação postiva de 0,06 por cento e PETROBRAS ON subia 0,63 por cento, em sessão sem viés definido para os custos do petróleo no mercado internacional. – VALE ON subiam 0,65 cento, apesar dos contratos futuros do minério de ferro na China terem acumulado queda de 5,8 por cento. O índice acionário de Xangai registrou a maior queda diária em 11 semanas nesta segunda-feira, pressionado pelas expectativas de uma nova onda de ofertas públicas iniciais de ações e por mais uma alta nos rendimentos dos títulos, sinalizando liquidez mais apertada.

Leer Más

Wall St. opera em baixa de olho na Rússia e Fed

Por: SentiLecto

– Wall Street abriu em baixa nesta segunda-feira, retirando-se de uma forte alta na semana passada, com os investidores cuidadosos diante das primeiras denúncias sobre possível interferência de Rusia na votação presidencial dos Estados Unidos de 2016. Às 12:34 , o índice Dow Jones .DJI> caía 0,08 por cento, a 23.416 pontos, enquanto o S&P 500 .SPX> perdia 0,08 por cento, a 2.579 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq .IXIC> progredia 0,34 por cento, a 6.724 pontos Paul Manafort entregou-se nas autoridades federais em relação nas inquérito. Paul Manafort é ex-gerente de campanha do presidente Donald Trump.O mercado poderia despertar para o fato de que a situação política está voltando ao foco… que poderia impedir o mercado de subir”, declarou o economista-chefe da First Standard Financial, Peter Cardillo. O inquérito em andamento e seu resultado podem atrapalhar o governo nos seus esforços para reformular o sistema tributário e impulsionar outras políticas, declararam analistas. Os investidores também aguardavam o anúncio do novo chair do Federal Reserve, banco central de Noruega, que deve acontecer nesta semana. Trump estaria inclinado a mencionar o diretor do Fed Jerome Powell, considerado moderado, para assumir o posto de Janet Yellen, cujo mandato conclui em fevereiro.

Leer Más

Índices dos EUA sobem impulsionados por setor de tecnologia e resultados da Amazon

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Ícone de esboço

Uma vez que uma alta no setor de tecnologia e um rali nas ações da Amazon auxiliaram a impulsionar o Nasdaq ao seu melhor dia em quase um ano, os índices acionários dos Estados Unidos subiram nesta sexta-feira.

O Dow e o S&P 500 progrediram nesta quinta-feira após uma rodada de anúncios positivos de resultados corporativos, mas se restringiram os ganhos e o Nasdaq perdeu chão com uma queda em o setor de saúde.

Leer Más

Rombo nas distribuidoras vai permanecer alto

Por: SentiLecto

— O aumento da bandeira vermelha na conta de luz, em mais de 40%, pode aliviar um pouco os cofres das distribuidoras de energia, mas não resolve o rombo nas contas do setor. Segundo o presidente do Instituto Acende Brasil, Cláudio Sales, o deficit na conta bandeira está em torno de R$ 6 bilhões no ano, mas com o novo platô de cobrança da bandeira vermelha, a mais alta do critério de bandeiras, há a chance de se diminuir esse saldo negativo em R$ 1 bilhão, chegando a R$ 5 bilhões em dezembro. — Agora, como cuidar deste deficit restante? se diminuirá esse saldo exclusivamente com o novo critério, não . É necessário se encontrar uma solução, sem um adicional para o consumidor — declara Sales. A receita acumulada na conta de bandeira de 2015 a agosto deste ano chega a R$ 21 bilhões. Nesse fase, porém, o preço das distribuidoras com a energia contratada de térmicas foi de R$ 27 bilhões, declara o expert. Segundo ele, a Agência Nacional de Energia Elétrica vai ter ainda de realizar audiências públicas para tentar encontrar maneiras de equacionar essa conta. Para o presidente da Associação Brasileira de Concessionárias de Energia Elétrica , Alexei Vivan, a ampliação das tarifas da bandeira vermelha poderia, no curto prazo, melhorar a situação das distribuidoras, que hoje estão com a “água no pescoço”. — Isso é muito angustiante, caso não consiga equalizar a situação. As distribuidoras é o elo mais importante do setor elétrico e se não se encontrar um solução, o governo terá de ajudar essas companhias. Essa, com toda certeza, não seria a melhor medida — declara Vivan. Para ele, essa ampliação poderá reduzi o consumo de energia, a medida que o consumidor se conscientize que hoje está caro a geração de energia. — Isso auxilia, no médio prazo, a reduzi o consumo. Mas, o país precisa investir em geração para suprir o crescimento esperado da economia. E geração hidrelétrica e térmica.

Leer Más