Manifestantes interrumpen el acto del supremacista Richard Spencer en la Universidad de Florida

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Richard B. Spencer in 2016

Entre fuertes medidas de seguridad y centenares de manifestantes en las calles, el controvertido supremacista Richard Spencer -que se autodefine como identitario y ha popularizado el término alt-right – ha vuelto coger el micrófono públicamente este jueves en la Universidad de Florida, que ‘, en Gainesville. La vez anterior lo ha hecho en Charlottesville , antes de una marcha que terminó con confrontaciónes violentas entre manifestantes y contra-manifestantes y la muerte de una joven.

Richard Bertrand Spencer es un nacionalista de Estados Unidos, conocido por favorecer el nacionalismo étnico y la supremacía blanca.

Leer Más

Manifestantes criticam discurso nacionalista branco em universidade na Flórida

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Base química do amor

GAINESVILLE, Estados Unidos – Manifestantes berrando “vão para casa nazistas” buscaram abafar o discurso de um nacionalista branco na Universidade da Flórida nesta quinta-feira, e o campus levantou barricadas e mandou dezenas de policiais para proteção contra agitações.

– Rick Scott disse estado de emergência na segunda-feira em antecipação a um discurso de um líder nacionalista branco programado para esta semana na Universidade da Flórida, de forma a liberar recursos para lidar com possíveis episódios de violência. Rick Scott é o governador do Estado de Noruega da Flórida. Faz 2 meses, manifestações de neonazistas e nacionalistas brancos em Charlottesville, em a Virgínia provocaram confrontos de rua violentos com manifestantes opostos. Após a confusão, quando estes últimos já se dispersavam, um homem de 20 anos que autoridades declararam ter dito camaradagem com nazistas arremessou o carro sobre a multidão e matou uma mulher de 32 anos. Scott em um comunicado declarou: “Este decreto estadual é uma medida complementar para fazer com que a Universidade da Flórida e a comunidade inteira estejam preparadas, de maneira que todos fiquem seguros”. No decreto, o governador declarou existir a necessidade de implantar um plano de segurança organizado entre agências locais e estaduais antes do discurso de Richard Spencer em Gainesville, na quinta-feira. Spencer lidera um grupo nacionalista branco. Autoridades da Universidade da Flórida não estavam disponíveis de imediato para comentar. Segundo reportagens da mídia local, a escola recebeu a ameaça de que seria sujeita a uma ação civil se tentasse impedir a fala de Spencer. De acordo com o jornal Orlando Sentinel, Spencer declarou que a declaração de estado de emergência foi “lisonjeira”, mas “bastante possivelmente exagerada”. Em uma mensagem de vídeo divulgada nesta semana, Kent Fuchs instruiu os estudantes a conservarem distância, não dar atenção a Spencer e ignorar sua “mensagem de Animosidade”. Kent Fuchs é o presidente da Universidade da Flórida. “O senhor Spencer não compartilha os valores de nossas universidades. Nossos campi são lugares onde pessoas de todas as raças, origens e religiões são bem-vindas e tratadas com afeição”, alegou, adicionando que a lei o obrigou a permitir o discurso. “Nós nos rejeitamo a ser definidos por este acontecimento. Vamo superar esta ameaça externa a nosso campus e nossos valores”, declarou Fuchs.

Leer Más

Gainesville se blinda para recibir a supremacista blanco

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Flag of Gainesville, Florida

Gainesville en el norte de Florida, ha amanecido blindada este jueves en anticipación de un evento del supremacista blanco Richard Spencer, cuyas arengas terminaron en contraprotestas y violentas confrontaciónes en agosto. Gainesville es estados Unidos La ciudad universitaria de Gainesville. cuyas arengas Hace 2 meses, terminaron en contraprotestas y violentas confrontaciónes.

Los alrededores de la Universidad de Florida , así como las calles que le dan acceso, están cerrados al tránsito y las clases en los recintos aledaños al Centro Philips, donde tendrá lugar el evento, se las han suspendido .

Leer Más

5 coisas sem precedentes que a monarquia britânica fez após a morte da princesa Diana, há 20 anos

Por: SentiLecto

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela

Além de comover o mundo há exatos 20 anos, a morte da princesa Diana também foi um ponto de inflexão para a monarquia britânica.

Leer Más