Judiciário? Bancos? Quais podem ser os próximos alvos da Lava Jato

Por: SentiLecto

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela

Depois de chegar àoiinquéritode oito ministros, 24 senadores e 39 deputados após delações de executivos e ex-executivos do grupo Odebrecht, a expectativa é de que a Lava Jato siga analisando dtestemunhosde empreiteiras – pprovavelmenteinchando ainda mais a lista de políticos acusados de corrupção e outras atividades ilegais.

Leer Más

Palocci faz 1ª reunião com a Lava Jato para fechar acordo de delação

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Marcelo Bahia Odebrecht

O ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci deu o primeiro passo para sua delação premiada. Há cerca de duas semanas ele teve uma reunião com a força-tarefa de Curitiba na Polícia Federal em Curitiba, onde está preso desde setembro de 2016.

Pessoas ligadas a Palocci declaram que os principais assuntos que o político pretende tratar envolvem corrupção de companhias do sistema financeiro, como bancos, além de conglomerados que não integram grupos de empreiteiras.

Leer Más

Tramitação de investigações e processos no Supremo tem que ser longa

Por: SentiLecto

A abertura de investigações autorizada pelo ministro Edson fachin, do STF , no último dia 4, é o primeiro passo de um longo percurso até a penalização dos incertos culpados.

Leer Más

Delator declara que Odebrecht fez repasse de R$ 1 milhão para governador do ES

Por: SentiLecto

Faz 5 anos, um ex-executivo de a empreiteira Odebrecht alegou que a construtora fez repasses injustificados para campanhas eleitorais de o governador de o Espírito Santo, Paulo Hartung e 2014 que totalizaram cerca de R, $ 1 milhão.

Leer Más