El Salvador: expresidente Antonio Saca va a seguir en cárcel por otro delito

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Antonio Saca

El expresidente de El Salvador Elías Antonio Saca va a seguir en cárcel, por determinación del Tribunal Noveno de Paz de San Salvador, por el delito de cohecho activo, por lo tanto, la entrega de coima.

Elías Antonio Saca González es un político y empresario salvadoreño de ascendencia palestina.

Leer Más

Si acepta la Ley de la votación, la Mesa del Parlament acordará el miércoles

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Junts pel Si teal

Carme Forcadell convocó para el próximo miércoles a la Mesa de la cámara que, si acepta a diligencia la Ley del Referéndum que avala la votación independentista del 1 de octubre, en su primera sesión de trabajo tras el parón estival, acordará. Carme Forcadell es la presidenta del Parlament. Se trata de la primera de las denominadas ‘leyes de desconexión’ que llega al Parlament y también la primera cuyo diligencia está suspendido cautelarmente por el Tribunal Constitucional .

Carme Forcadell Lluís [1]​ es una política, filóloga, profesora y activista política española, presidenta del Parlamento de Cataluña desde el 26 de octubre de 2015.

Leer Más

La CUP preve aprobar la ley de la votación sola modificando el orden del día del pleno

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Los tribunales de justicia, frente a la Plaza de armas

La diputada de la CUP en el Parlament Eulàlia Reguant ve que la ley de la votación pueda gestionarse y aprobarse cambiando el orden del día de un pleno del Parlament, después de que el TC suspendiese cautelarmente la reforma del estatuto de la cámara.

Rull asegura que, para esta maniobra, a la Generalitat le asisten dos derechos reconocidos internacionalmente: el comienzo democrático, que reconoce la votación como una operación democrática, y el derecho de excepción, que les permite sortear al TC, a su proceso.

Leer Más

ONG de Moçambique desejam que se as intime instituições de o Estado a prestar informações de interesse público

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Tribunal de Sátão ( Portugal )

Organizações da sociedade civil moçambicana submeteram ao Tribunal Administrativo uma abaixo-assinado para que o órgão intime sete instituições do Estado que, por razões desconhecidas, não prestaram informações requeridas, como exige a Lei do Direito à Informação.À Lusa Tomás Viera Mário, diretor-executivo da Sekelekani, organização que organiza a iniciativa.E declarou: “Não é uma ação criminal, é uma ação administrativa para que o Tribunal Administrativo intime as instituições interpeladas a fornecerem a informação requerida nos termos da lei”.Faz 2 meses, dez organizações de a sociedade civil submeteram dez pedidos a instituições de o Estado para o abastecimento de informações ligadas a os direitos fundamentais, administração transparente de recursos públicos e prestação de contas, m junho, mas deste grupo somente três instituições do Estado responderam, tendo exclusivamente uma satisfeito o prazo de 21 dias estabelecido na lei.Entre as instituições do Estado que não observaram a lei no âmbito dos pedidos das organizações da sociedade civil, realça-se a Assembleia da República.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Tomás Viera Mário, que é também presidente do Conselho de Administração do Conselho Superior da Comunicação Social observou: “Desejamo que esta iniciativa seja uma espécie de pré-aviso para as outras instituições sobre o que pode ocorrer ao rejeitar de fornecer informações públicas”.Para Tomás Viera Mário, este dados revelam que as instituições do Estado de Moçambique não estão prontas para a lei do acesso à informação, considerando que estes resultados revelam desconhecimento da lei, fraca preparação técnico institucional ou ndescuido”Os cidadãos devem ser informados quando pedem informações às instituições públicas ou privadas”, acrescentou aquele responsável, lembrando que o direito à informação não é um fim em si mesmo, mas sim um meio para o exercício de outros direitos.

Lateral brasileiro assinou pelo Paris Saint-Germain este verão.Dani Alves admite que não era contente na Juventus.O lateral brasileiro, que trocou a hexacampeã de Italia pelo Paris Saint-Germain este verão, alega que Massimilliano Allegri não compreendia o seu estilo de jogo.”Juventus? Sou um jogador que gosta bastante de ter bola. Acho que jamais compreenderam o meu estilo de jogo, é por isso que não era contente lá e decidi procurar um novo clube. No entanto, estou bastante grato à Juventus”, referiu, em declarações à Sky Sports Italia.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Manila, Filipinas 06 ago – O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, pediu ao Congresso para aprovar o recrutamento de mais 20.000 soldados para lidar com as ameaças à segurança, após confrontos no sul do arquipélago, anunciou hoje o seu porta-voz.De acordo com dados oficiais, cerca de 700 pessoas foram mortas em dois meses e meio, no sul da cidade maranhense, na luta contra elementos leais ao grupo Estado Islâmico .Rnesto Abella, em comunicado, mencionado pela agência de notícias de Francia AFP.A ustificou: “O pedido presidencial para mais 20.000 soldados faz parte da nossa política de segurança para proteger partes do país, onde as ameaças à segurança são persistentes”,. nota adiciona que “o envio de tropas” para as cidades maranhenses e Mindanao, assim como para outras zonas, “deve ser reequilibrado para garantir a máxima eficiência”.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.O exército Filipino tem cerca de 165.000 militares e enfrenta múltiplas ameaças: além dos jihadistas em Mindanao, há os rebeldes comunistas disseminados por todo o arquipélago, bem como disputas territoriais com Pequim, no Mar do Sul da China.Barça tem os olhos postos no francês, que vê com bons olhos uma mudança para Espanha.Ousmane Dembélé está bastante perto de se tornar na primeira contratação do Barcelona desde a saída de Neymar.Segundo progride o jornal L’Équipe, Barcelona e Dortmund já negoceiam a transferência do avançado de Franciade Francia, que vê com bons olhos uma mudança para Espanha. A publicação de Francia garante que o Barça já chegou a acordo com o jogador, faltando somente alcançar um acordo com o clube de Alemania, que pede 100 milhões de euros pela saída do avançado.Lembre-se que o Barcelona esteve a um passo de contratar Dembélé no passado verão por cerca de 15 milhões de euros, uma cifra bastante longe do valor agora exigido pelo Dortmund. “100 milhões de euros é bastante pouco por Dembélé”, considera o diretor geral do Dortmund, Watzke.Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.

Leer Más

Médicos contestam resolução do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Ak Saray – Presidential Palace Ankara 2014 002

A Ordem Profissional de Médicos de Ancara criticou o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos por ter recusado um pedido de dois professores, que querem ser libertados da prisão por razões de saúde, depois de cinco meses de greve de fome. Ambos têm tomado suplementos líquidos para sobreviver.

Nuriye Gulmen, professora, e Semih Ozakca pediram ao Tribunal com sede em Estrasburgo que ordenasse na Justiça de Turquia deixá-os em liberdade. Semih Ozakca é professor da escola primária. No entanto, o TEDH decidiu na quarta-feira que a detenção dos professores não implicava um risco para a saúde dos mesmos.

Leer Más