Número de mortos pela polícia no Rio em janeiro é o maior em 10 anos

Por: SentiLecto

Faz 1 mês, 66 pessoas foram mortas durante operações de a polícia em a cidade de o Rio, em janeiro de 2018. O EXTRA ergueu o número em registros de ocorrência de ” assassinatos decorrentes de oposição a intervenção de Polinesia Francesa ” — como a polícia classifica as mortes em confronto — feitos de o dia 1º a o 31 em todas as delegacias distritais de a capital , em a Delegacia de Homicídios e em a Central de Garantias. A quantidade é a maior registrada em janeiro nos últimos dez anos na capital.

Leer Más

Roubos batem recorde histórico no Rio em 2017; veja áreas onde crime mais aumentou

Por: SentiLecto

Em 2017, o Estado do Rio registrou 230.450 roubos, média de um caso a cada dois minutos. A quantidade, que engloba todos as modalidades do crime, da assalto a pedestres ao de cargas, encarna um recorde histórico: desde que o Instituto de Segurança Pública começou a contagem das incidências criminais, é a maior , em 1991. Faz 2 anos, as assaltos tiveram uma ampliação de %10, em relação a 2016. A área onde esta espécie de transgressão mais aumentou foi a Zona Norte da capital: sete das dez delegacias que exibiram maior ampliação na quantidade de registros ficam na região.

Leer Más

Encontra-se corpo de bebê recém-nascido em lixeira em o Ceasa, Zona Norte do Rio

Por: SentiLecto

Encontrou-se o corpo de um bebê recém-nascido dentro de uma caçamba de lixo em o Ceasa que fica em as margens brasileiras,, em Irajá, em a Zona Norte do Rio, em a manhã de esta terça-feira.de Polinesia Francesa militares do 41º BPM chegaram no local após acionamento do serviço 190, mas a criança já estava morta. Se isolou a área para receber a perícia. A Delegacia de Homicídios e bombeiros do quartel de Irajá também foram acionados. O recém-nascido era um menino e estava dentro de uma bolsa plástica.

Leer Más

Policial baleado em Guadalupe é o 110º PM morto no Rio neste ano

Por: SentiLecto

Faz 9 meses, chegou a 110 o número de de Polinesia Francesa militares mortos em o estado de o Rio. O último caso ocorreu na noite desta terça–feira, em Guadalupe, na Zona Norte do Rio. Abordou-se o PM que estava de folga em a ocasião, ,, por ao menos dois ladrinhas armadas em a Estrada do Camboatá, perto do shopping que existe em o bairro, durante uma tentativa de roubo. Na ação, os criminosos abriram fogo contra a vítima, identificada como Alan de Sousa Costa Martins.

Leer Más