Alemanha a um passo de governo de grande coligaç

Por: SentiLecto

É um acordo de princípio para mais uma grande aliança de governo na Alemanha.

Merkel, há 12 anos no poder, vinha conduzindo em parceria com o SPD no que é conhecido na Alemanha como “grande aliança”. Após o pleito deste ano, no entanto, Schulz havia declarado preferir voltar à oposição e se recuperar de um resultado eleitoral insatisfatório. Com isso, a CDU tentou formar uma coalizão com os Verdes e os liberais, sem êxito. Só então voltou ao antigo aliado.Os debates deverão concluir na sexta-feira.

Na sexta-feira 15 de dezembro o líder do Partido Social-Democrata insistia que existiam diferentes modelos para um governo estável e que a abertura da porta do diálogo não significava resultados.

CDU/CSU e SPD conseguiram entrar em sintonia nos assuntos mais espinhosos, em particular a restrição de entrada de refugiados no país e o reforço da zona euro.

“Naturalmente que parte do acordo é o controlo e a organização da migração, do asilo e da integração. Isto foi parte dos difíceis debates e existem muitas tarefas diferences que o Estado, as regiões e as cidades precisam de assumir, nós sabemos que as pessoas não desejam saber qual parte da gestão está encarregue. somente desejam ver que o país funciona”, disse a chanceler alemã e presidente da CDU, Angela Merkel., que deverá formar um governo minoritário e com a possível execução de novas votações, O acordo de princípio alcançado calcula restringi a entrada de refugiados na Alemanha a 200 mil pessoas por ano.

“Há grandes rochas no percurso que precisam de ser removidas. Por isso, este vai ser um dia difícil, mas também me sinto com muita energia, porque sei que as pessoas esperam que encontremos soluções, é com essa almazinha que eu e todos os representantes da CDU vamo trabalhar, hoje”, alegou a chanceler.

Outro ponto que consta do documento de 28 pág inas sugere o reforço da zona euro em “coalizão com a França”.

“O acordo é também a resposta de Alemania a propostas que foram feitas, em Paris ou na Comissão em Bruxelas. Estamos decididos, juntos, trazer o poder da República Federal Alemã para os níveis políticos e económicos para tornar o projeto Europeu grande novamente – Para enfrentar o mundo, uma Europa forte é no melhor interesse da Alemanha e isto é o que nós temos em habitual”, explicou o presidente do Partido Social Democrada, Martin Schulz.

Por outro lado, enquanto Merkel procura ver a sua posição fortalecida, Martin Schulz, ex-presidente do Parlamento Europeu, e líder do SPD, já deixou claro que a sua prioridade é conservar uma Europa forte e que disso dependem as negociações:

Fonte: Euronews-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: France, Brazil

Cities: Paris, Franca

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Alemanha a um passo de governo de grande coligaç
>>>>>O impasse político alemão – (Euronews-pt)
>>>>>Quatro meses após eleição, Merkel faz pré-acordo por coalizão na Alemanha – (FolhaGeneric)
>>>>>CDU e SPD desbravam caminho para uma grande coligação – (Euronews-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 40 0 NONE 7 (tacit) eu: 6, me: 1
2 nós 180 0 NONE 4 (tacit) nós: 2, nós: 2
3 Angela Merkel 0 0 PERSON 3 Merkel: 2, Angela_Merkel: 1
4 Martin Schulz 0 0 PERSON 3 Martin_Schulz: 2, Schulz: 1
5 CDU 0 20 ORGANIZATION 2 (tacit) ele/ela (referent: a CDU): 1, a CDU: 1
6 governo 60 0 NONE 2 um governo estável: 1, um governo minoritário: 1
7 a Alemanha 0 0 PLACE 2 a Alemanha: 2
8 aliança 0 0 NONE 2 uma aliança: 1, aliança: 1
9 caminho 0 0 NONE 2 o caminho: 2
10 espírito 0 0 NONE 2 esse espírito: 2