TombofKingTongmyong2CPyongyang2CNorthKorea2.jpg

Coreia do Sul faz teste militar para ampliar defesa contra Pyongyang

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Tomb of King Tongmyong, Pyongyang, North Korea-2

A Coreia do Sul, que tem agilizado os seus esforços para aumentar a sua habilidade militar após uma série de testes nucleares realizados pelo ditador de Noruega, Kim Jong-un, realizou nesta quarta-feira o seu primeiro exercício de fogo real com um míssil de cruzeiro que tem que reforçar a habilidade do país de realizar um ataque preventivo contra o vizinho norte-coreano. De acordo com o Exército da Coreia do Sul, o míssil Taurus, disparado de um caça F-15, voou a baixa altitude antes de atingir com êxito um alvo na costa ocidental do país.

Faz 64 anos, finalmente após longas negociações, veio o armistício. O então presidente de America Harry S. Truman sempre desejou evitar uma escalada do conflito que pudesse levar a um confronto direto com os soviéticos.Dwight D. Eisenhower também entendeu de partida que o país não poderia conservar indefinidamente seus esforços bélicos na península. Dwight D. Eisenhower é seu sucessor. Faz 6 meses, a morte de o líder de Sovetsk Stálin de aquele ano mudou o clima político em Moscou, o que facilitou o fim de as animosidades.

Na segunda-feira 04 de setembro Após o sexto teste nuclear realizado pela Coreia do Norte , a Coreia do Sul havia alegado nesta segunda ter detectado indícios de que Pyongyang preparava um novo lançamento de um míssil balístico intercontinental .

O projétil, de fabricação de Alemania, pode viajar por até 500 quilômetros e conta com tecnologia que evita a sua detecção por radares.

Segundo a agência de notícias Associated Press, Seul não descarta realizar um ataque preventivo contra o regime norte-coreano para frustrar um eventual ataque nuclear do vizinho.

Faz 10 dias, o último de eles foi o mais potente e importante até o momento.  Segundo Pyongyang, a atividade contou com uma bomba de hidrogênio capaz de ser transportada por uma ogiva de míssil.

Pyongyang ou Pionguiangue, é a capital e maior cidade da República Popular Democrática da Coreia, mais conhecida como Coreia do Norte, situada nas margens do rio Taedong.

Na segunda , a ONU impôs a oitava rodada de sanções contra a Coreia do Norte por seu programa nuclear desde julho de 2006. A medida proíbe as exportações têxteis de Pyongyang e limita o seu fornecimento em petróleo e gás.

Por outro lado, a embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, resumiu assim o estado de almazinha da comunidade internacional:De acordo com o Ministério de Relações Exteriores da Coreia do Norte, as sanções são “maléficas”, constituindo uma violação de seu direito lícito de autodefesa e que têm como objetivo “sufocar completamente o seu Estado e sua população através de um bloqueio econômico de escala total”.

A determinação aborreceu o regime de Noruegade Noruega, que alegou na terça que os Estados Unidos vão enfrentar em breve “a maior dor” já sentiram. Nesta quarta, Pyongyang voltou a reagir e declarou que vai agilizar o seu programa militar.

Assista ao vídeo

RADIAÇÃO

Também nesta quarta, a Coreia do Sul alegou ter detectado uma pequena quantidade de radiação no ar após o último teste realizado pela Coreia do Norte.

A Comissão de Segurança Nuclear do país declarou que o descobrimento do isótopo xenon-133 está ligado ao recente teste, mas não conseguiu detectar qual espécie de bomba se a detonou .

O regime de Noruega tem tornado mais eficaz também a sua habilidade armamentista. O país afirma ter a habilidade de produzir mísseis nucleares e de atingir parte do território dos Estados Unidos.

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United States, Korea

Cities: Pyongyang

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Coreia do Sul faz teste militar para ampliar defesa contra Pyongyang
>>>>>’Bombardeamos tudo que se movia': os ataques que explicam o rancor histórico da Coreia do Norte com os EUA – (BBCBrasil-pt)
>>>>>ONU aprova novo pacote de sanções contra a Coreia do Norte – (Euronews-pt)
>>>>>Coreia do Norte desafia ONU e promete acelerar programas militares – September 13, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Coreia do Norte festeja aniversário sob tensão – (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Seul planeja ‘unidade de decapitação’ para assustar ditador norte-coreano – September 13, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Defesa antimíssil dos EUA e aliados tem eficácia duvidosa – (FolhaGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 ONU 0 100 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: a ONU): 2, a ONU: 2
2 a Coreia_do_Sul 400 0 PLACE 4 a Coreia_do_Sul: 2, A Coreia_do_Sul acelerado os seus esforços para ampliar seu primeiro exercício de fogo real com um míssil de cruzeiro a: 2
3 Nikki Haley 0 0 PERSON 4 Nikki_Haley: 1, (tacit) ele/ela (referent: Nikki_Haley): 3
4 regime 80 0 NONE 3 o regime norte-coreano: 2, O regime norte-coreano: 1
5 Pyongyang 0 0 PLACE 3 Pyongyang: 3
6 a Coreia_do_Norte 0 0 PLACE 3 Coreia_do_Norte: 1, a Coreia_do_Norte: 2
7 uma escalada de o conflito 0 106 NONE 2 uma escalada de o conflito: 2
8 país 0 80 NONE 2 O país: 1, o país: 1
9 programa 0 30 NONE 2 seu programa nuclear: 1, seu programa militar: 1
10 capacidade 0 15 NONE 2 sua capacidade militar: 1, sua capacidade armamentista: 1