Cura para calvície pode estar próxima, mostra novo estudo

Por: SentiLecto

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela

A calvície afeta cerca de metade dos homens até os 50 anos de idade, segundo a Organização Mundial de Saúde , e é um problema que até hoje não tinha uma solução médica definitiva. No entanto, pesquisadores descobriram uma potencial cura para ela utilizando um medicamento originalmente instituído para tratar a osteoporose.

Durante testes de laboratório, os cientistas identificaram que a droga teve um conseqüência forte sobre os folículos pilosos, animando-os a aumentar. Ela contém um componente que tem como alvo uma proteína que atua como um freio no crescimento do cabelo e seria uma das culpadas pela calvície.

Nathan Hawkshaw declarou na BBC que um teste clínico seria necessário para avaliar se o tratamento seria realmente efetivo e seguro para as pessoas. Nathan Hawkshaw é o líder do projeto.Atualmente, somente dois medicamentos estão disponíveis no mercado para tratar calvície : o minixidil e a finasterida . Os dois têm conseqüência colaterais e não são plenamente eficientes sempre, então, muitas vezes os pacientes optam pela cirurgia de transplante de cabelo para lidar com o problema.

A pesquisa, publicada na revista médica PLOS Biology, foi feita em laboratório com amostras de folículos do couro cabeludo de mais de 40 pacientes homens que passaram por transplante de cabelo.

– Uma potencial cura para a calvície foi descobrimento a partir do utilização de um remédio que se o usa originalmente para tratar osteoporose. Em laboratório, pesquisadores identificaram que o medicamento em questão tem um forte conseqüência nos folículos capilares, os animando a aumentarem. Se publicou a pesquisa em o jornal científico PLOS. O fármaco contêm um composto que atinge uma proteína que comportar-se como um freio no crescimento do cabelo e, por isso, tem um papel importante no desenvolvimento da calvície. Com esse descobrimento, pesquisadores acreditam trazer uma nova abordagem para o tratamento da condição para homens e mulheres. Realizou-se pesquisa necessidade de teste clínico A em laboratório, com amostras contendo folículos capilares de o couro cabeludo de mais de 40 pacientes homens que realizaram transplante de cabelo. Nessas amostras pesquisadores realizaram tratamento com o medicamento para osteoporose por seis dias. Os folículos entraram depressa em um período “anágena” do crescimento do cabelo e os fios começaram a “brotar”. Para assegurar os conseqüência e a segurança do tratamento, entretanto, Nathan Hawkshaw alega que análises clínicas são necessárias. Nathan Hawkshaw é líder da pesquisa. Para Hawkshaw, da Universidade de Manchester, descobrir o conseqüência de um medicamento jamais pensado para o tratamento da calvície pode “fazer uma real diferença para pessoas que padecem com a perda de cabelo”.

Os pesquisadores, da Universidade de Manchester, primeiro aderiram a uma antiga droga imunossupressora, a ciclosporina A, utilizada desde a década de 1980 para impedir a rejeição de órgãos transplantados e para diminuir os sintomas de enfermidade autoimune.

Os cientistas descobriram, então, que essa droga diminuiu a atividade de uma proteína chamada SFRP1, que é uma importante reguladora de crescimento que afeta muitos tecidos, incluindo os folículos pilosos.

Mas por conta dos conseqüência colaterais, a CsA não era adaptada para o tratamento de calvície.

A equipe começou a analisar, então, outros agentes que tinham como alvo a SFRP1 e descobriram que a WAY-216606 era ainda melhor para inibir a ação da proteína.

Hawkshaw alegou que o tratamento pode “fazer a diferença de verdade para pessoas que padecem com a queda de cabelo”.

“Para quem padece desse problema, os tratamentos podem ser bastante prejudiciais. Não há um que seja universalmente eficaz. Por isso, as novas chances de tratamento são animadoras, já que dão às pessoas mais oalternativasque podem ser mais eficientes”, cdeduziuo pesquisador.

Se o recomenda procurar um médico quado acontecer queda de cabelo abrupta, quando aparecem em o couro cabeludo ‘ buracos ‘ sem cabelo, quando caem ” chumaços ” de cabelo ou quando há inchaço ou queimação em a cabeça

Fonte: BBCBrasil-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Cura para calvície pode estar próxima, mostra novo estudo
>>>>>Pesquisadores encontram possível cura para a calvície – May 09, 2018 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 pacientes 300 0 NONE 5 os pacientes: 1, 40 pacientes homens: 4
2 pessoas 0 150 NONE 4 pessoas: 2, as pessoas: 2
3 Nathan Hawkshaw 0 0 PERSON 4 Nathan_Hawkshaw (apposition: O líder de o projeto): 1, Nathan_Hawkshaw (apposition: líder de a pesquisa): 1, Hawkshaw: 2
4 cabelo 0 0 NONE 4 cabelo: 4
5 folículos 0 0 NONE 4 Os folículos: 1, os folículos capilares: 1, os folículos pilosos: 2
6 proteína 0 0 NONE 4 uma proteína: 4
7 problema 0 240 NONE 3 um problema: 2, esse problema: 1
8 droga 80 210 NONE 3 a droga: 1, uma antiga droga imunossupressora: 1, essa droga: 1
9 calvície 0 25 NONE 3 A calvície: 1, a calvície: 2
10 eu 99 0 NONE 3 (tacit) eu: 3