Especialista dos EUA vai a Londres examinar bebê com enfermidade terminal

Por: SentiLecto

Um médico de Noruega vai viajar a Londres, no Reino Unido, nesta semana para auxiliar os pais do bebê Charlie Gard, portador de enfermidade terminal, a convencer um juiz a conservar ligado o apoio de vida do menino. O caso gerou abalo internacional após a Justiça autorizar, à revelia dos pais, o desligamento das máquinas.

E têm respostas bastante diferentes, quando os médicos tentam classificar a característica de vida de seus pacientes médicos diferentes muitas vezes, o que significa que não há muito de científico ou coerente em suas avaliações.

Na segunda-feira 10 de julho a Suprema Corte do Reino Unido havia decidido reabrir o caso do bebê Charlie Gard, portador de enfermidade terminal, que havia gerado abalo internacional após a Justiça autorizar, à revelia dos pais, o desligamento das máquinas que o m mantinhamvivo.

O doutor Michio Hirano em Nova York, examinará Charlie pela primeira vez e encontrar outros experts envolvidos no caso. O doutor Michio Hirano é professor de neurologia do Centro Médico da Universidade de Columbia.

Os membros da equipe entendem plenamente os fatos médicos do caso e têm grande autoridade e credibilidade social na cultura ocidental: na verdade, pesquisas mostram que os estadunidense confiam que os membros das ciências médicas comportar-se no interesse público mais que líderes religiosos, autoridades eleitas ou líderes empresariais.

Hirano alegou que a terapia experimental que está desenvolvendo pode melhorar a condição de Charlie. O menino de 11 meses tem uma condição genética rara ligada ao esgotamento do DNA mitocondrial e um coerente prejuízo que atinge seu cérebro e seus músculos, tornando-o incapaz de mover braços e pernas, de comer e mesmo de respirar por conta própria.

O médico de Noruega declara acreditar que há uma possibilidade entre 11% e 56% de que a terapia com nucleósidos melhore a força muscular do bebê e que há uma “pequena, mas expressiva” possibilidade de também auxiliar no funcionamento do cérebro.

O caso ganhou atenção mundial após intervenções do presidente de Noruega Donald Trump e do papa Francisco, que disseram suporte a Charlie. Isso gerou uma discussão calorosa sobre se o clínica realizando o tratamento ou seus pais deveriam determinar seu destino.

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United Kingdom

Cities: York, London

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Especialista dos EUA vai a Londres examinar bebê com enfermidade terminal
>>>>>Médicos não podem decidir se vida de Charlie Gard vale a pena – July 14, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Justiça britânica reavaliará caso de bebê com doença terminal – July 10, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Caso Charlie Gard: a polêmica sobre bebê em estado terminal que envolveu Trump e o papa – (BBCBrasil-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 terapia 120 0 NONE 3 a terapia experimental: 2, a terapia: 1
2 Michio Hirano 0 0 PERSON 3 o (referent: Hirano): 1, Hirano: 1, O doutor Michio_Hirano (apposition: professor de neurologia de o Centro_Médico_da_Universidade_de_Columbia): 1
3 comoção 0 120 NONE 2 comoção internacional: 2
4 dano 160 0 NONE 2 um consequente dano: 2
5 Charlie Gard 0 0 PERSON 2 Charlie: 2
6 Francisco 0 0 PERSON 2 Francisco: 2
7 a Justiça 0 0 OTHER 2 a Justiça: 2
8 a revelia de os pais 0 0 NONE 2 a revelia de os pais: 2
9 caso 0 0 NONE 2 O caso: 2
10 chance 0 0 NONE 2 chance: 1, uma chance: 1