LuizEdsonFachin18dez2015.jpg

Supremo, suspeitos e suspeições

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Edson Fachin

As suspeitas tomaram o plenário do Supremo Tribunal Federal. Para o presidente da República, Michel Temer Rodrigo Janot, é suspeito para investigá-o. Michel Temer é o procurador-geral da República.. Para Janot, o ministro Gilmar Mendes, do STF, é suspeito e não poderia julgar Eike Batista e Jacob Barata Filho. As gravações recentes do proprietário da JBS, Joesley Batista, e do executivo Ricardo Saud, que e o acordo de delação premiada da JBS, homologado pelo ministro Edson Fachin, está agora eivado de suspeitas pela possível atuação dupla do ex-procurador Marcelo Miller —como investigador e como advogado, ao mesmo tempo, alimentaram as suspeitas no tribunal de que ministros podem ter sido gravados ou mencionados em conversas comprometedoras.

Os juízes também podem decidir sobre a anulação da delação da JBS e a invalidação das provas entregues pelos delatores.

Na quinta-feira 07 de setembro a defesa do presidente Michel Temer havia pedido nesta quarta para que o ministro Edson Fachin determine a suspensão da nova acusação e de outras investigações contra ele. O ministro Edson Fachin é relator da Lava Jato no STF .

Foi advogado, professor titular de direito civil da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná e desde 16 de junho de 2015 é ministro do Supremo Tribunal Federal .

Rodrigo Janot Monteiro de Barros Orb é um jurista de Brasil.

Faz 1 mês, a defesa de o presidente de a República, de maneira inédita, arguiu a suspeição de o procurador-geral de a República para investigá-o.. Faz 16 dias, Fachin negou o pedido. Na semana passada, a defesa de Temer agravou a resolução. No mesmo dia, Fachin liberou o caso para julgamento em plenário. E, três dias depois, a presidente do Supremo, Cármen Lúcia, incluiu o processo para julgamento em plenário.

Mais uma semana para julgar o processo, o faria em outras circunstâncias: 1) Janot estaria fora do posição, se Fachin houvesse esperado; 2) Raquel Dodge, designada por Temer, seria a nova procuradora-geral da República; 3) a segunda acusação contra Temer já teria chegado ao Supremo. Mas a resolução do ministro de enfrentar o julgamento, dando ao caso a rapidez que se espera, levava em consideração que o caso seria objetivo —ou Janot era suspeito ou não. E contava que teria votos suficientes para recusar os argumentos de Temer de que o PGR seria um “opositor pessoal” e que, portanto, não poderia oferecer uma nova acusação contra ele. Fachin desejava concluir este debate antes de Janot deixar a posição.

O STF tem entendimento pacífico sobre a obrigatoriedade do adiamento dos pedidos de arquivamento feitos pela PGR, independentemente da análise das razões exibidas, à exceção dos casos fundamentados na atipicidade daoccomportamentoou da extinção da punibilidade.Também estão presentes os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia , e do Senado, Eunicio Oliveira e o deputado Heráclito Fortes .

Mas o ministro também tinha suas suspeitas. E colegas compartilhavam elas. Como votaria Gilmar Mendes? O ministro foi alvo de Janot e vem criticando, nos últimos dias, a condução dos inquéritos da Operação Lava Jato pelo Ministério Público. O ministro em entrevista à Rádio Gaúcha ddeclarou “É uma gadministraçãode bêbado, desorientada, sem nenhuma qcaracterística.Mendes teria isenção para julgar Janot ou também seria suspeito? O ministro não se disse suspeito. Não apareceu para participar do julgamento.

Na sua vez, em conversas reservadas, ministros realçam que sustar a prerrogativa do Ministério Público de oferecer uma acusação até que resolvam-se questões preliminares equivaleria a uma “cautelar universal de imunidade” concedida a investigados.

Ou seja, o Supremo leva a julgamento o pedido de suspeição contra o procurador-geral da República, a quem não cabe ser imparcial exatamente pelas funções que exerce. Por unanimidade, o Supremo suprimiu todas as suspeitas. Já em relação aos próprios integrantes —sejam aqueles que antecipam votos em entrevistas, sejam aqueles que se demonstram sobre questões políticas fora dos autos— sobre estes, algumas das suspeitas permanecem no ar.

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: NEUTRAL

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Supremo, suspeitos e suspeições
>>>>>Supremo julga nesta quarta pedido de suspeição contra Janot – (FolhaGeneric)
>>>>>Arquivado inquérito contra Dilma, Cardozo, Falcão e Navarro – September 09, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Dilma Rousseff e Lula da Silva acusados de organização criminosa – September 06, 2017 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>Fisiologia pode brecar fetichismo da Lava Jato – September 02, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Pré-estreia de filme da Lava Jato tem tapete vermelho para Moro – August 29, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Filme sobre a Lava Jato quer ‘manter o debate ativo’, diz diretor – August 28, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Responsáveis por Lava Jato são ‘canalhas’, diz Lula na Paraíba – August 27, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Moro diz que acusação de advogado é ‘absolutamente falsa’ – August 27, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Quando acabar ou for acabada, Lava Jato pode gerar novos atores políticos – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Fachin nega pedido de Temer para impedir Janot de atuar contra ele – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>PF encontra ‘bunker’ com malas de dinheiro em imóvel ligado a Geddel – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Governo golpista vai ser derrubado no voto, diz Lula no Nordeste – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>’Quero os nomes’, diz Marco Aurélio após Janot indicar suspeita em delação – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Gravação de JBS foi entregue como material referente a Ciro Nogueira – September 05, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Fachin concede prazo para JBS entregar novos anexos de delação – September 01, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Rosa Weber autoriza investigar Serra por suposto caixa dois da JBS – August 29, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Janot envia ao Supremo delação do corretor Lúcio Funaro – August 29, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Ministro do STF autoriza investigação de esquema de corrupção em MT – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Supremo passa a exibir detalhes dos pagamentos de ministros e servidores – August 26, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Temer critica Janot e diz que não tem temor sobre Funaro – August 25, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Fachin devolve delação de Lúcio Funaro para a Procuradoria – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Janot determina apuração de omissão em delação da JBS – September 04, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Defesa da JBS diz ser precipitada a conclusão da Procuradoria – September 05, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Janot diz em despacho que Miller pode ter oferecido facilidades à J&F – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Para advogado de Temer, revelação de Janot deveria adiar nova denúncia – (FolhaGeneric)
>>>>>Temer reúne aliados no Jaburu em meio à expectativa de prisão de Joesley – (FolhaGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Edson Fachin 0 0 PERSON 6 o ministro Edson_Fachin: 1, Fachin: 4, o ministro Edson_Fachin (apposition: relator de a Lava_Jato): 1
2 Rodrigo Janot 0 80 PERSON 5 Rodrigo_Janot: 1, Rodrigo_Maia: 1, Janot_Monteiro_de_Barros_Orb: 1, Janot: 2
3 eu 0 15 NONE 5 (tacit) eu: 5
4 suspeitas 0 0 NONE 5 As suspeitas: 1, suspeitas: 3, as suspeitas: 1
5 Stf 60 80 ORGANIZATION 4 O STF: 1, o STF: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Stf): 2
6 ministro 0 60 NONE 4 o ministro: 2, O ministro: 2
7 aqueles 0 0 NONE 4 aqueles: 4
8 Gilmar Mendes 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Gilmar_Mendes): 1, Gilmar_Mendes: 1, o ministro Gilmar_Mendes de o Stf: 1
9 Michel Temer 0 0 PERSON 3 Temer: 2, Michel_Temer (apposition: o procurador-geral de a República): 1
10 Supremo 0 0 ORGANIZATION 3 o Supremo: 3