Três espécies de aplicativas que você tem que evitar diminuir no celular

Por: SentiLecto

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela

Há de toda espécie e para todo gosto. Tem app para aprender idiomas, retocar fotos, pedir comida e dirigi senhas. Mas nem todos são igualmente confiáveis.

Há apps que inquietam usuários e companhias não somente por ocuparem muito espaço. Eles podem ser fontes de vírus e malwares , e muitos são capazes de encher o celular de anúncio.

Este ano, o Google anunciou que suprimiu mais de 700 mil aplicativos para Android considerados “maliciosos”. Esse número é 70% maior que o registrado em 2016.

Na sua vez, na maioria dos iPhones, basta clicar duas vezes no botão home, até que as janelas dos aplicativos apareçam empilhadas, e depois deslizar com o dedo para cima para fechar cada app. No Android, você clica no botão “multitarefas”, geralmente o terceiro dos botões virtuais no pé da tela, em forma de quadradinho – e também pode deslizar em cada um para os lados para fechar.

Muitos desses programas que oferecem soluções milagrosas para problemas frequentes podem até ser prejudiciais ao aparelho.

Há pelo menos três espécies de apps que devem ser evitados:

Ficar sem bateria é um problema que ocorre com certa frequência e nem todo mundo tem à mão um carregador.

Como muitas vezes a bateria falece num momento imprevisto ou urgente, é tentador diminuir um aplicativo que promete estender o tempo de funcionamento do aparelho.

“Os aplicativos para poupar bateria são, em sua maioria, mentirosos. Esses apps não oferecem uma solução para um dos problemas mais odiados em todo o mundo. Prometem milagres”, escreveu o jornalista especializado em tecnologia Eric Ferrari-Herrmann.

“Há bastante pouca exceção”, completou.

A melhor coisa para economizar bateria é administrar o próprio consumo e suprimi aplicativos que utilizam muitos dados, em especial aqueles que o usuário quase jamais acessa. Colocar o telefone no modo noturno também auxilia a estender a “vida” da bateria.

Experts declaram que diminuir a luminosidade da tela ou desativar os sinais de wi-fi e o bluethooth são formas mais eficientes de poupar bateria e otimizar a utilização do aparelho.

3) Inativo

Outra estratégia é desativar a utilização de dados ou utilizar o modo de pouca energia. Desativar a geolocalização de aplicativos também assistência – este último também contribui para conservar a privacidade.

Há aplicativos que prometem melhorar o rendimento do celular por meio de de uma “limpeza”. O mais famoso deles é o Clean Master.

De acordo com o expert José Garcia-Nieto, o Clean Master “retarda o telefone, troca a tela de bloqueio e nos leva a diminuir mais aplicativos do desenvolvedor Chetaah Mobile.”

“Não funciona para absolutamente nada”, adiciona.

Ferrari-Herrmann recorda que aplicativos suprimidos podem até deixar alguns dados na memória cache , mas declara não ser necessário diminuir um app para limpá-la.

Para suprimi dados ocultos, basta acessar o item armazenamento nas configurações do aparelho e limpar os dados cache.

Não confiar em aplicativos que prometem limpar a memória RAM, se o recomenda também.

O superaquecimento de celulares pode ser considerado um problema frequente. Pode ocorrer por exibição ao sol problemas com a bateria ou pela utilização contínua por longos fases. O sol é vírus.

Não importa a razão do superaquecimento: experts recomendam não utilizar apps para resfriar o aparelho.

Uma vez que o processador do celular leva horas para esfriar, segundo eles, um aplicativo com essa finalidade só servirá para sobrecarregar ainda mais o telefone.

Para “refrescar” o telefone é melhor deixá-lo desligado por um tempo.

– Diminuir apps nas lojas oficiais da Apple e da Google

– Evitar arquivos com extensão “.apk”

– Não diminuir apps que prometem soluções milagrosas

– Não confiar somente no antivírus

Fonte: BBCBrasil-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States

Cities: Mobile

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Três espécies de aplicativas que você tem que evitar diminuir no celular
>>>>>Por que fechar os apps que usamos não ajuda a economizar bateria do celular – October 12, 2018 (BBCBrasil-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 problema 0 240 NONE 3 um problema frequente: 1, um problema: 2
2 Clean Master 160 0 ORGANIZATION 3 (tacit) ele/ela (referent: o Clean_Master): 1, o Clean_Master: 2
3 bateria 0 0 NONE 3 bateria: 1, a bateria: 2
4 muitos de esses programas 0 160 NONE 2 Muitos de esses programas: 2
5 problemas 0 160 NONE 2 problemas: 1, problemas frequentes: 1
6 Google 0 80 ORGANIZATION 2 o Google: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Google): 1
7 especialistas 180 0 NONE 2 especialistas: 1, Especialistas: 1
8 soluções 160 0 NONE 2 soluções milagrosas: 2
9 telefone 100 0 NONE 2 o telefone: 2
10 três tipos de apps 60 0 NONE 2 três tipos de apps: 2