Ataques aéreos deixam mais de 60 mortos em cidade síria

Por: SentiLecto

O número de mortos em ataques aéreos numa cidade síria em uma “zona de desescalada” aumentou para 61, informou nesta terça-feira um grupo de monitoramento do combate, em uma demonstração do frágil estado de áreas estabelecidas em tentativa de reduzi a violência.

Rebeldes jihadistas culparam aeronaves de combate de Rusia pelo ataque de segunda-feira e declararam que irão combater de volta contra forças do presidente sírio, Bashar al-Assad, e seus apoiadores de Rusia e iranianos no conflito de seis anos.

Dom Bashar Matti Warda é um padre redentorista e bispo católico iraquiano.

O Observatório Sírio para Direitos Humanos, acolhido no Reino Unido, informou que três ataques aéreos atingiram o mercado de Atareb, oeste de Aleppo, e mataram ao menos 61 pessoas.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, se ouvem explosões e as guerrazinhas das milícias iraquianas Multidão Popular, os Guardiões da Revolução Islâmica e o grupo xiita Hezbollah contra o EI no entorno da cidade, situada no extremo leste da província de Deir ez-Zor, junto à fronteira ide IranO Observatório informou que o número de vítimas pode ampliar nas próximas horas porque há dezenas de feridos, entre eles alguns em estado grave, assim como sumidos no local que foi alvo do ataque.O OSDH adicionou que as guerrazinhas continuam entre as milícias de Iran Multidão Popular, os Guardiões da Revolução Islâmica e o grupo xiita Hezbollah, que combatem ao lado de Assad, e os terroristas do EI.

Na sexta-feira 20 de outubro o grupo terrorista Estado Islâmico se havia retirado do campo de petróleo Al Omar, o maior da Síria e alvo de uma ofensiva das forças governamentais apoiadas pela aviação da Rússia, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Atareb fica dentro do que se o conhece como uma zona de desescalada sob um acordo entre Turquia, Rússia e Irã para diminuir mortes. Mas, apesar de esforços diplomáticos, lutas continuam em muitas áreas, incluindo Aleppo, Idlib, Raqqa, Deir al-Zor e Hama.

Na sua vez, a província de Deir ez-Zor é desde setembro palco de duas ofensivas que transcorrem separadamente, uma das forças governamentais sírias, respaldadas pela aviação da Rússia, e outra das Forças da Síria Democrática , que contam com o suporte da aliança internacional liderada pelos Estados Unidos.

À Reuters o assessor humanitário da Organização das Nações Unidas Jan Egeland declarou: “ reduziram confrontos”.Mas recentemente “tem havido uma ampliação de confrontos também”.

Faz 2 meses, os países consentiram em mandar observadores para a fronteira de uma zona de desescalada em a província síria de Idlib que está amplamente sob controle de insurgentes muçulmanos,.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: Russian Federation, United Kingdom, Turkey

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Ataques aéreos deixam mais de 60 mortos em cidade síria
>>>>>Estado Islâmico lança contraofensiva na cidade síria de Albukamal – November 10, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Conselheira de Assad diz na TV que Síria vai tratar Turquia e EUA como ‘invasores’ – November 07, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>EUA retomam emissão parcial de vistos na Turquia para amenizar crise diplomática – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Turquia se diz ‘profundamente preocupada’ com processos de seus cidadãos nos EUA – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Síria declara vitória sobre o Estado Islâmico em Deir al-Zor – November 03, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Exército sírio assume controle total de Deir al-Zor do Estado Islâmico, diz observatório de direitos humanos – November 02, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Estado Islâmico ameaça Neymar e Messi em novo cartaz – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Mais de 5 mil foram mortas pelo EI nos últimos 3 anos na Síria, diz OSDH – October 30, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Mais de 5 mil pessoas foram mortas pelo EI nos últimos 3 anos na Síria, diz OSDH – October 30, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Exército sírio e aliados tomam último reduto do Estado Islâmico na Síria, diz comandante – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Exército da Síria cercou último bastião do Estado Islâmico, diz TV Al-Manar – November 08, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Bombardeios a mercado na Síria deixam pelo menos 16 mortos – November 13, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>Estado Islâmico recupera controle total de seu último reduto na Síria – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Multidão_Popular os Guardiões_da_Revolução_Islâmica e o grupo xiita 0 0 PERSON 4 eles alguns (referent: Multidão_Popular os Guardiões_da_Revolução_Islâmica e o grupo xiita): 1, Multidão_Popular os Guardiões_da_Revolução_Islâmica e o grupo xiita: 2, (tacit) eles/elas (referent: Multidão_Popular os Guardiões_da_Revolução_Islâmica e o grupo xiita): 1
2 Hezbollah 0 0 ORGANIZATION 3 Hezbollah: 3
3 Atareb 0 0 PERSON 2 Atareb: 1, (tacit) ele (referent: Atareb): 1
4 a aviação de a rússia 0 0 NONE 2 a aviação de a Rússia: 2
5 local 0 0 NONE 2 local: 2
6 o Observatório_Sírio_de_Direitos_Humanos 0 0 PLACE 2 o Observatório_Sírio_de_Direitos_Humanos: 2
7 outra de as forças_da_síria_democrática 0 0 NONE 2 outra de as Forças_da_Síria_Democrática: 2
8 palco de duas ofensivas 0 0 NONE 2 palco de duas ofensivas: 2
9 o número de mortos em ataques aéreos em uma cidade síria em uma zona de desescalada 0 150 NONE 1 O número de mortos em ataques aéreos em uma cidade síria em uma zona de desescalada: 1
10 reduzir mortes 0 110 NONE 1 reduzir mortes: 1