Coreia do Sul assina acordo para pagar mais por tropas estadunidense, após pré-requisito de Trump

Por: SentiLecto

Oficiais assinaram um acordo de curto prazo, neste domingo, para reforçar a contribuição da Coreia do Sul na manutenção de tropas estadunidense na península, depois de um acordo anterior ter caducado, entre pré-requisito do presidente Donald Trump por pagamentos maiores dos sul-coreanos.

Por volta de 28.500 tropas de America estão na Coreia do Sul, onde os Estados Unidos conservam presença militar desde a Guerra da Coreia, entre 1950 e 1953.

O novo acordo ainda precisa ser aprovado pelo Parlamento da Coreia do Sul, mas ampliaria sua contribuição de 960 bilhões de wons, em 2018, para 1.03 trilhão .

Ao contrário de acordos anteriores, que duraram cinco anos, este deve concluir em um ano, potencialmente forçando os dois lados a regressarem à mesa de negociações em meses.

“Tem sido um processo bastante longo, mas , no fim, um processo bastante bem sucedido”, declarou a ministra de Relações Exteriores da Coreia do Sul, Kang Kyung-wha, que declarou que a resposta tem “sido positiva até agora”, em uma reunião antes de outro oficial do ministério de Relações Exteriores rubricar o acordo. Embora reconheça a consistente crítica interna ao novo acordo, e

O conselheiro sênior de negociações de segurança e acordos do Departamento de Estado dos Estados Unidos, Timothy Betts, encontrou-se com Kang antes de assinar o acordo, em defesa dos Estados Unidos, e lhe declarou que o dinheiro encarnava uma parte pequena, mas importante, do suporte da Coreia do Sul à acoalizão

Declarou: “O governo dos Estados Unidos reconhece que a Coreia do Sul faz bastante pela nossa coalizão e pela paz e estabilidade desta região”.

Os aliados têm tido obstáculos para chegar a um acordo, apesar de 10 rodadas de discussões desde março, entre exigências constantes de Trump por um acréscimo significativo da contribuição sul-coreana. Oficiais da Coreia do Sul declararam que buscaram restringi o gasto em $1 trilhão de wons e fazer o acordo válido por pelo menos três anos.

Mas os dois lados trabalharam para chegar a um acordo para diminuir o efeito nos trabalhos sul-coreanos em bases militares estadunidense e para se concentrarem em debates nucleares, antes de uma segunda reunião entre EUA e Coreia do Norte, declararam oficiais de Seul.

Seul espera que a reunião conclua com conquistas tangíveis em torno da desnuclearização do regime que permitam implementar os projetos de colaboração econômica entre os dois países vizinhos, algo que as sanções internacionais que pesam sobre Pyongyang por causa dos seus testes de armas atualmente impedem ele .A declaração foi feita pelo porta-voz do Ministério de Unificação de Sullanade Sullana que adicionou que a desnuclearização e os laços entre Washington e o regime O Ministério de Unificação sul-coreano é baik Tae-hyun., e entre Seul e Pyongyang estão bastante ligados.

Na depois que os EUA haviam exigido uma ampliação de 50 por cento na contribuição sul-coreana, terça-feira 22 de janeiro os Estados Unidos e a Coreia do Sul estavam enfrentando obstáculos para chegar a um acordo sobre a divisão do preço de conservar tropas norte-americanas no país , havia declarado um parlamentar de Sullana nesta terça-feira.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Coreia do Sul assina acordo para pagar mais por tropas estadunidense, após pré-requisito de Trump
>>>>>Seul espera “avanços concretos e substanciais” em reunião entre Kim e Trump – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Seul 0 0 PERSON 4 (tacit) ele (referent: Seul): 1, Seul: 3
2 a Coreia_do_Sul 0 0 PLACE 3 a Coreia_do_Sul: 3
3 reunião 80 0 NONE 2 uma reunião: 1, a reunião: 1
4 acordo 60 0 NONE 2 o novo acordo: 1, O novo acordo: 1
5 Kang Kyung-wha 0 0 PERSON 2 Kang: 1, Kang_Kyung-wha: 1
6 Pyongyang 0 0 PLACE 2 Pyongyang: 2
7 Timothy Betts 0 0 PERSON 2 Timothy_Betts: 1, (tacit) ele/ela (referent: Timothy_Betts): 1
8 aliança 0 0 NONE 2 a aliança: 1, nossa aliança: 1
9 lados 0 0 NONE 2 os dois lados: 2
10 os EUA 0 0 PLACE 2 os EUA: 1, EUA: 1