Enquanto Trump critica Porto Rico, câmara dos EUA aprova fundo para calamidades

Por: SentiLecto

A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos aprovou nesta quinta-feira uma assistência emergencial de 36,5 bilhões de dólares para Porto Rico, recentemente atingido por furacão, e outras áreas que padeceram com calamidades recentes.

Além da assistência para o território de Noruega de Porto Rico, que se recupera da destruição do furacão Maria, o projeto também destina fundos para áreas atingidas por borrascas na Flórida, Texas, nas Ilhas Virgens Americanas e para região califórnia, atingida por incêndios florestais. O projeto bipartidário passou pela Câmara, controlada pelos republicanos, por 353 contra 69 votos, poucas horas depois de o presidente Donald Trump declarar que as equipes de emergência do governo não poderiam ficar em Porto Rico, que tem quase 72 bilhões de dólares em dívidas pré-furacão, monitoradas por um conselho instituído pela federação, “para sempre”. Depois dos observações de Trump, postados no Twitter na manhã de quinta-feira, a Casa Branca reassegurou que o governo está “comprometido” com a ação de assistência a Porto Rico.

A FEMA organiza os trabalhos de assistência de agências federais dos EUA em Porto Rico, onde mais de 10 mil membros de diferentes setores do país colaboram sobre o terreno.

Na quinta-feira 05 de outubro o governo Trump havia pedido para parlamentares dos Estados Unidos aprovarem 29 bilhões de dólares em recursos para alívio de calamidades para auxiliar vítimas de recentes furacões que haviam atingido o Texas, a Flórida e Porto Rico.

Trump criticou Porto Rico por “uma total falta de responsabilidade”, declarando que rede de eletricidade e toda a infraestrutura locais “eram uma calamidade antes dos furacões”.

Ao mesmo tempo, ele declarou que cabia ao “Congresso decidir quanto gastar”. Trump escreveu: “Não podemos conservar a FEMA, os militares e a equipe de emergência, que têm sido inacreditáveis em P. R. para sempre!”.

Na sua vez, essa medida não encarna uma saída do acordo, mas abre um prazo de 60 dias para que o Congresso revise o pacto e avalie os próximos passos a serem tomados, incluindo possíveis sanções ao Irã.Quanto ao fomento de uma imigração baseada no mérito, a proposta de Trump admira, sem dar números, pôr limites às plicençasde residência ou “green cards” para cônjuges e filhos menores de idade daqueles que já vivem nos EUA, bem como cinstituirum sistema de pontos para obter essas cartões.

FEMA é a agência federal de gerenciamento de emergência, que supervisiona a resposta a calamidades nos EUA. Boa parte da ilha permanece sem eletricidade e sem água três semanas depois de o furacão Maria atingir o local.

Por outro lado, Estado Livre Associado dos EUA ficou devastada após a passagem de dois furacões que deixaram quase 50 mortos e prejuízos que podem superar os US$ 80 bilhões, segundo as primeiras estimativas. Estado Livre Associado dos EUA é a ilha.

Questionada sobre as observações de Trump, a Casa Branca declarou mais tarde que estava “comprometida em auxiliar Porto Rico” e a trabalhar com líderes locais e o Congresso “para identificar o melhor percurso fiscalmente responsável”.

“Recuperações exitosas não duram para sempre. Elas têm que ser tão ágeis quanto possível para auxiliar que as pessoas recomecem as suas vidas normais”, declarou Sarah Sanders, porta-voz da Casa Branca, em comunicado.

O chefe de salinha da Casa Branca, John Kelly, reiterou em entrevista àoijornalismoque o governo “avai apoiaros cidadãos norte-americanos em Porto Rico até o trabalho tconcluir.

Legisladores democratas Os observações de Trump condenaram eles.

A deputada democrata Nydia Velazquez, de Nova York, que tem uma grande comunidade portorriquenha, declarou na Câmara que a ilha está enfrentando uma “crise humanitária”.

“O presidente dos Estados Unidos está tuitando amaeças de retirar a assistência. Isso é um ultraje declarou. Um ultraje é uma injúria”.

O senador republicano Marco Rubio, da Flórida, declarou à Reuters que pediu ao presidente para cinstituiruma força-tarefa para prestar consultoria na reconstrução da ilha, e que o presidente havia sido receptivo à ideia.

O Senado, também controlado pelos republicanos, tem que votar o pacote de assistência neste mês.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States, Portugal

Cities: Porto

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Enquanto Trump critica Porto Rico, câmara dos EUA aprova fundo para calamidades
>>>>>Trump adverte que apoio federal a Porto Rico após furacões não será eterno – (EfeGeneric)
>>>>>Trump anunciará amanhã decisão sobre pacto nuclear com o Irã – October 12, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Trump se reúne com principais autoridades de Defesa para discutir opções contra Coreia do Norte – October 10, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump afirma que o Irã não age no espírito de acordo nuclear – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Trump desafia a compararem seu QI ao de Tillerson – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Moscou espera que Trump repense sua decisão sobre acordo nuclear iraniano – October 06, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Secretário de Defesa Mattis sugere que EUA permaneçam em acordo nuclear com Irã – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump critica comitê do Senado que investiga interferência russa nas eleições – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Presidente iraniano diz que saída de acordo nuclear será “fracasso” para EUA – October 11, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Trump critica Nafta e abre porta para acordos bilaterais com México e Canadá – (EfeGeneric)
>>>>>Trump envia ao Congresso plano de princípios para futura reforma migratória – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Trump 0 0 PERSON 8 o governo Trump: 1, (tacit) ele/ela (referent: o governo Trump): 2, Trump: 4, ele (referent: o governo Trump): 1
2 Porto_Rico 0 60 PLACE 7 Porto_Rico: 7
3 Estado_Livre_Associado_dos_EUA 50 115 OTHER 3 (tacit) ele/ela (referent: Estado_Livre_Associado_dos_EUA): 2, Estado_Livre_Associado_dos_EUA (apposition: a ilha): 1
4 a Casa_Branca 0 0 PLACE 3 a Casa_Branca: 3
5 áreas 0 0 NONE 3 outras áreas: 2, áreas atingidas: 1
6 desastres 0 80 NONE 2 desastres recentes: 1, desastres: 1
7 governo 0 40 NONE 2 o governo: 2
8 Nydia Velazquez 100 0 PERSON 2 Nydia_Velazquez de Nova_York: 2
9 eu 80 0 NONE 2 (tacit) eu: 2
10 Congresso 0 0 ORGANIZATION 2 Congresso: 2