Jordânia recusa pedido da ONU de abrir fronteira síria e pede fim de ataques

Por: SentiLecto

A Jordânia recusou nesta quinta-feira o pedido das Nações Unidas de abrir a fronteira com a Síria para os deslocados e pediu à comunidade internacional que redobre seus esforços para pressionar as partes em conflito para que cessem as hanimosidades

Jumana Ghanimat mencionada pela agência de notícias oficial, “Petra” disse: “O pedido da ONU na Jordânia para garantir refúgio para os deslocados sírios se contrasta aos interesses jordanianos”. Jumana Ghanimat é a ministra de Estado da Informação Pública.”A Jordânia decidiu fechar sua fronteira para resguardar seus interesses de segurança e abortar qualquer perigo que ameace sua segurança”, adicionou a ministra.

Tal declaração surge após Filippo Grandi ter pedido hoje em Genebra na Jordânia que ofereça “refúgio provisória naqueles que precisam de segurança”, em referência aos sírios que escapam das guerrazinhas na província meridional de Deraa. Filippo Grandi é o alto comissário da ONU para os Refugiados.m referência aos sírios que escapam das guerrazinhas na província meridional de Deraa.

Grandi, que “o papel principal” de ambas é “acabar com a violência e as carnificinas declarou: “A comunidade internacional e as Nações Unidas teriam que atuar aumentando a assistência humanitária aos deslocados sírios”, e trabalhar para que se chegue a uma solução política que dê fim à crise no sul da Síria”, enquanto Jumana imencionouque as autoridades jordanianas continuam com “ssuadobrigaçãohhumanitária.

Cerca de 320 mil pessoas deveram abandonar a região de Deraa, alvo de uma intensa ofensiva governamental para recomeçar seu controle dos rebeldes, segundo a Agência das Nações Unidas para os Refugiados, e, entre os deslocados, pelo menos 60 mil estão acampados na fronteira com a Jordânia.

– O número de habitantes do sudoeste da Síria forçados a escapar de casa devido à escalada de duas semanas nos cguerrazinhassubiu para 270 mil, ddeclarouo porta-voz de refugiados da Organização das Nações Unidas na Jordânia. Na semana passada a ONU informou que 160 mil pessoas foram deslocadas ao escapar dos bombardeios pesados e que a maioria se abrigou em vilarejos e áreas próximas das fronteiras israelense e jordaniana. Mohammad Hawari na Reuters declarou: “Nossa atualização mais recente mostra que a cifra de deslocados no sul da Síria ultrapassou 270 mil pessoas”. Mohammad Hawari é porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados na Jordânia.A ONU advertiu para um desastre humanitário no sudoeste provocada pelos confrontos que irromperam depois de uma ofensiva do Exército apoiada pela Rússia para recapturar o sul sírio controlado pelos rebeldes. A Jordânia, que recebeu mais de meio milhão de sírios deslocados desde o começo do combate, e Israel declararam que não vão abrir suas fronteiras a refugiados. Depois de uma reunião com autoridades da ONU, o ministro de Relações Exteriores jordaniano, Ayman Safadi, disse aos repórteres nesta segunda-feira que as remessas de ajuda estão esperando autorizações para serem enviadas à Síria pela divisa de seu país.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Syria, Jordan

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Jordânia recusa pedido da ONU de abrir fronteira síria e pede fim de ataques
>>>>>Número de deslocados no sul da Síria sobe para 270 mil, diz ONU – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 A Jordânia 0 0 PLACE 9 A Jordânia: 4, a Jordânia: 5
2 eu 0 80 NONE 4 (tacit) eu: 4
3 Jumana 0 3 PERSON 4 Jumana: 1, (tacit) ele/ela (referent: Jumana_Ghanimat): 2, Jumana_Ghanimat (apposition: a ministra de Estado_da_Informação_Pública): 1
4 sírios 12 0 NONE 3 os sírios: 1, os deslocados sírios: 1, sírios deslocados: 1
5 Filippo Grandi 0 0 PERSON 3 Filippo_Grandi (apposition: o alto comissário de a ONU_para_os_Refugiados): 1, Grandi: 2
6 pessoas 0 0 NONE 3 270_mil pessoas: 1, 160_mil pessoas: 1, 320_mil pessoas: 1
7 confrontos 120 70 NONE 2 os confrontos: 2
8 segurança 80 0 NONE 2 sua segurança: 1, segurança: 1
9 ONU 0 0 ORGANIZATION 2 A ONU: 1, ONU: 1
10 as autoridades jordanianas 0 0 NONE 2 (tacit) eles/elas (referent: as autoridades jordanianas): 2