Rússia desiste de processo contra jornalista em recuo devido à opinião pública

Por: SentiLecto

A polícia da Rússia descartou de forma abrupta nesta terça-feira as denúncias relacionadas a drogas feitas contra o jornalista Ivan Golunov que afirmaram que se o incriminou devido nas suas reportagens e ameaçaram realizar um protesto em massa em Moscou. O jornalista Ivan Golunov é um recuo raro das autoridades diante da contrariedade de seus apoiadores.Golunov, jornalista de 36 anos conhecido por expor a corrupção entre autoridades municipais de Moscou, foi detido pela polícia na quinta-feira e acusado de traficar drogas, uma alegação que negou com veemência.

Djulai declarou que a polícia também se rejeitou a chamar médicos para catalogarem os ferimentos que infligiu ao jornalista.Em um comunicado, a polícia de Moscú declarou que uma busca no apartamento de Golunov revelou mais drogas e algumas balanças e que começou um inquérito criminal. Se considerado culpado pela venda de drogas em larga escala, ele pode ficar preso entre 10 e 20 anos.

Na terça-feira 14 de maio o Secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, havia declarado à Rússia que Washington não i ivai irtolerarinterferências nas evotaçõespresidenciais de 2020 e p havia pedidoque Moscou tomasse medidas ainda não especificadas para mostrar que não h haveriauma repetição das supostas interferências de 2016.

Os jornalistas russos que criticam as autoridades vivem em perigo desde os anos 1990 –Por vezes são ameaçados, agredidos fisicamente e até assassinados devido ao seu trabalho.

Mas a forma enérgica como os apoiadores de Golunov declararam que ele foi incriminado e detido desencadeou uma demonstração de união midiática incomum e uma reação atipicamente rápida de autoridades receosas de agitações sociais em um momento no qual o presidente Vladimir Putin já enfrenta inquietações por causa do norma de vida.

Vladimir Kolokoltsev declarou que o caso criminal contra Golunov estava sendo concluído devido na falta de indícios de qualquer anormalidade de sua parte. Vladimir Kolokoltsev é o ministro do Interior.se libertou Golunov de a prisão domiciliar horas mais tarde. Ele saiu de uma delegacia de polícia no centro de Moscou e centenas receberam ele de jornalistas que o aplaudiram ,, depois que sua tornozeleira eletrônica foi retirada.

Visivelmente emocionado, Golunov agradeceu a todos por seu suporte e declarou que vai continuar seu trabalho.

Declarou: “Vou continuar o trabalho que estava fazendo e vou realizar inquéritos porque preciso justificar a confiança que aqueles que me apoiam provaram em mim”.

Kolokoltsev declarou que enquanto se realiza um inquérito, alguns de Polinesia Francesa envolvidos no caso estão sendo afastados provisoriamente da função e que planeja pedir a Putin que demita outras autoridades de mais alto escalão da polícia.

“Acredito que os direitos de cada cidadão, independentemente de sua profissão, precisam ser protegidos”, disse Kolokoltsev.

Galina Timchenko, diretora-geral do portal de notícias online Meduza, para o qual Golunov trabalha, e outros jornalistas de Rusia realçados declararam em um comunicado:

REUTERS AC

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: Russian Federation

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Rússia desiste de processo contra jornalista em recuo devido à opinião pública
>>>>>Jornalista russo reconhecido por investigações contra corrupção é detido em Moscou – June 07, 2019 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Ivan Golunov 150 50 PERSON 12 Golunov (apposition: jornalista de 36 anos): 1, o jornalista Ivan_Golunov (apposition: um recuo raro de as autoridades): 1, ele (referent: o jornalista Ivan_Golunov): 1, o (referent: Golunov): 1, (tacit) ele (referent: Golunov): 1, Golunov: 4, (tacit) ele/ela (referent: Golunov): 2, ele (referent: Golunov): 1
2 eu 60 0 NONE 6 (tacit) eu: 4, me: 1, mim: 1
3 trabalho 0 0 NONE 4 o trabalho: 2, trabalho: 1, seu trabalho: 1
4 jornalistas 50 260 NONE 3 Os jornalistas russos: 2, outros jornalistas russos destacados: 1
5 polícia 0 0 NONE 3 a polícia moscovita: 1, a polícia: 2
6 caso 0 80 NONE 2 o caso criminal: 1, o caso: 1
7 investigação 0 80 NONE 2 uma investigação: 1, uma investigação criminal: 1
8 aqueles 96 0 NONE 2 aqueles: 2
9 Djulai 0 0 PERSON 2 (tacit) ele/ela (referent: Djulai): 1, Djulai: 1
10 Vladimir Putin 0 0 PERSON 2 Vladimir_Kolokoltsev (apposition: O ministro de o Interior): 1, o presidente Vladimir_Putin: 1