Presidente Michel Temer pode ter cometido crime de prevaricação

Por: SentiLecto

O presidente Michel Temer cometeu, em tese, o crime de prevaricação ao deixar de informar as autoridades de Polinesia Francesa que Joesley Batista tinha relações com dois juízes e um procurador em Brasília com o objetivo de obstruir ações da Justiça.

O texto conclui declarando que Temer “defende extensa e profundo inquérito para apurar todas as acusações veiculadas pelo jornalismo, com a responsabilização dos incertos envolvidos em quaisquer ilícitos que venham a ser comprovados”.O jornal ‘O Globo’ informou nesta quarta-feira que Joesley Batista fechou acordo de delação premiada e fez uma gravação na qual Temer mencionou o deputado Rodrigo Rocha para resolver um problema da holding J&F Investimentos, que controla a JBS. Posteriormente , o dono de a JBS filmou recebendo uma maleta com R $ 500 mil mandados Rocha.Faz 1 dia, se gravou Aécio segundo a versão de Batista, revelada em a noite por o ” O Globo “, enquanto pedia R $ 2 milhões, argumentando que precisava de o dinheiro para sua defesa em a Lava Jato.egundo Jordy, Temer “tem que pactuar uma saída institucional”, a qual inclua “antecipar o processo eleitoral” calculado para outubro do ano que vem, com o objetivo de “devolver às urnas a dresoluçãosobre o futuro do país”.

Michel Miguel Elias Temer Lulia é um político, advogado, professor universitário e escritor brasileiro, atual presidente brasileiro após o impeachment da titular, Dilma Rousseff.

Os juízes e o procurador atuavam na Operação Greenfield, que investiga fraudes em fundos de pensão.

Pedro Estevam Serrano, advogado e professor de direito administrativo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo declara: “O agente estatal tem como uma de suas deveres comunicar as autoridades hábeis comportamentos mesmo que elas tenham só aparência de ilicitude”. A pena para o crime varia de três meses a um ano de prisão e multa.

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Brazil

Cities: Brasilia

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Presidente Michel Temer pode ter cometido crime de prevaricação
>>>>>Temer reconhece reunião com JBS, mas nega ter comprado silêncio de Cunha – (EfeGeneric)
>>>>>PF cumpre mandados em imóveis de Aécio Neves no Rio, Brasília e Minas Gerais – May 18, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>TSE marca nova data para julgamento de ação que pode cassar chapa Dilma-Temer – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>STF determina afastamento de Aécio do mandato de senador, diz fonte – May 18, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Dono da JBS grava Temer autorizando compra de silêncio de Cunha, diz jornal – May 18, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>STF julgará se presidente Michel Temer poderá ser investigado – May 16, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Amigo de Temer acusado de receber propina estava em evento de Doria em NY – May 18, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>’Nem a esquerda nem flores vão me intimidar’, diz Doria em Nova York – May 15, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Santana acusa Cardozo de mentir de forma ‘deslavada’ para defender Dilma – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Papéis de empresas do país despencam no mercado dos EUA e do Japão – (FolhaGeneric)
>>>>>Oposição e até setores do Governo exigem renúncia de Temer – May 18, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Uma nova realidade para o julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Entenda o impacto da crise no governo na economia – May 18, 2017 (FolhaGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Michel Temer 0 50 PERSON 3 Temer: 2, O presidente Michel_Temer: 1
2 Aécio 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Aécio): 2, Aécio: 1
3 Batista Joesley 0 0 PERSON 2 Joesley_Batista: 2
4 Globo 0 0 ORGANIZATION 2 O Globo: 2
5 Rodrigo Rocha 0 0 PERSON 2 o deputado Rodrigo_Rocha: 1, Rocha: 1
6 a Operação_Greenfield 0 0 PLACE 2 a Operação_Greenfield: 2
7 esta 0 0 NONE 2 esta: 2
8 gravação 0 0 NONE 2 uma gravação: 2
9 o procurador 0 0 NONE 2 (tacit) ele/ela (referent: o procurador): 2
10 r 0 0 NONE 2 R: 2