DonaldandIvanaTrump.jpg

Com epidemia de opiáceos nos EUA, sites de China vendem droga ao país

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Donald and Ivana Trump

O presidente Donald Trump deseja que Xi Jinping “tome uma atitude” contra a epidemia de opiáceos nos Estados Unidos, pela qual ele atribui a culpa na China. Xi Jinping é o presidente chino. pela qual ele atribui a culpa à China. Não vai ser fácil.

Trump fez a declaração durante uma entrevista coletiva realizada em Tóquio junto com Shinzo Abe na primeira parada da viagem pela Ásia do presidente de Americade America, que também o vai levar na China entre os dias 6 e 8 de novembro. Shinzo Abe é o primeiro-ministro do Japão.Donald Trump alegou nesta segunda-feira que o comércio entre seu país e a China tem que ser “justo” e “recíproco”, depois que “durante décadas as relações comerciais tenham sido bastante injustas”. Donald Trump é o presidente dos Estados Unidos.

Na quarta-feira 01 de novembro – A Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas aprovou uma determinação pedindo o fim do embargo econômico dos Estados Unidos contra Cuba, e os EUA haviam votado contra depois de se absterem no ano passado pela primeira vez em 25 anos. A Assembleia-Geral de 193 membros havia aprovado a determinação com 191 votos a favor. Israel, como tem feito, havia votado em linha com o seu maior aliado. A determinação não vinculativa instava os Estados Unidos a revogar o embargo em Cuba o mais rápido possível. A eleição da ONU podia ter peso político, mas somente o Congresso dos EUA podia retirar o embargo inteiro, instituído há mais de 50 anos. A embaixadora dos EUA nas Nações Unidas, Nikki Haley, havia chamado a reunião plenária sobre o assunto de “teatro político”. “O regime de Cubade Cuba estava mandando mensagem deformada ao mundo de que o triste estado de sua economia, a opressão de seu povo e a exportação de sua ideologia destrutiva não era sua culpa”, havia declarado Haley à Assembleia Geral. A posição dos EUA havia sido anunciada no Departamento de Estado. Bruno Rodríguez havia declarado que Haley e os Estados Unidos não têm “a menor autoridade moral para criticar Cuba”, chamando suas declarações de “desrespeitosas” contra Cuba e seu governo. Bruno Rodríguez é o ministro das Relações Exteriores de Cuba. Os nervosismos haviam ressurgido recentemente entre Washington e Havana, que haviam começado uma relação mais estreita sob o governo do ex-presidente dos EUA Barack Obama e Faz 2 anos, haviam reabrido as embaixadas em ambos os países. Haley havia declarado que o status diplomático entre os dois países não estava mudando. Enquanto autoridades de Cuba haviam declarado nque falar de ataques sônicos era “ficção científica”, donald Trump havia alegado no começo deste mês que ele acreditava que Havana era responsável por uma série de supostos incidentes que Washington declarava que haviam abalado a saúde de 24 de seus diplomatas. Donald Trump é o presidente dos EUA.

Donald John Trump é um empresário, personalidade televisiva e político estadunidense, sendo atualmente o 45.

Adquiri opiáceos da China, apesar das interdições legais, continua a ser bastante fácil: basta ter o dinheiro e um endereço para entrega pelos correios. Há um verdadeiro bazar de drogas prosperando na internet de China, e oferecendo todo tipo de substâncias a compradores de todo o mundo.

No Weiku.com, um site acolhido em Hangzhou, cidade do leste china, cerca de 100 companhias de China alegam vender fentanyl, um poderoso opiáceo sintético. Os comerciantes do Mfrbee.com, um site de Pequim, vendem nuggets de frango, camisas de times de basquetebol e carfentanil, um tranquilizante para elefantes que é 10 mil vezes mais poderoso que a morfina. Uma empresa química acolhida em Xangai, a Shanghai Kaiwodun Biochemical, se declara capaz de fornecer a droga U-47700 por US$ 3.200 o quilo.

Um agente de vendas da Kaiwodun informou em mensagem de texto via Skype que a companhia tem muitos clientes nos Estados Unidos e que se comprovam seus técnicas de remessa.

Depois que o “New York Times” telefonou para a companhia em busca de observações, a Weiku removeu os resultados de busca do fentanyl de seu site. Liu Congjuan declarou que a companhia proibia anúncios sobre fentanyl em seu site Liu Congjuan é um representante da Weiku., mas que os comerciantes contornavam a interdição utilizando grafias opções para o termo de busca. Contatado por e-mail, o Mfrbee.com pediu mais informações mas não fez observações. A Kaiwodun não respondeu de imediato a questões mandadas via e-mail e mensagens de Skype.

Trump, que acusou a China de ser a principal fonte da “enchente de fentanyl barato e mortífero” nos Estados Unidos, prometeu que discutiria o assunto em sua reunião com Xi nesta quinta-feira. Em entrevista coletiva na semana passada, Wei Xiaojun contestou as afirmações de Trump, declarando que não há provas que as confirmemWei Xiaojun contestou as afirmações de Trump, declarando que não há provas que as confirmem. Wei Xiaojun é importante funcionário do governo de China. Wei Xiaojun é importante funcionário do governo de China.

O fentanyl é um analgésico sintético entre 30 e 50 vezes mais poderoso que a heroína. Está ganhando popularidade devido à sua potência —basta menos de um miligrama para uma dose— e seu cpreçorelativamente baixo.

Os investigadores envolvidos em casos sobre drogas declaram que uma tendência angustiante é a de mesclar fentanyl com heroína ou oxicodona, outro analgésico bastante popular, ou com medicamentos falsificados, vendidos a usuários desprevenidos.

A facilidade de compra de opiáceos na China ilustra o quanto vai ser difícil para os Estados Unidos vencerem o combate contra a pior epidemia de drogas em sua história. Colaborar com os estadunidense para deter a afluência de opiáceos, experts declaram que isso vai ser difícil devido à regulamentação frouxa das ecompanhiasquímicas no país —um setor aextensoque conta com mais de 30 mil ecompanhias as quais não enfrentam rexigênciassseverasde tclareza embora a China tenha prometido.Quando o setor químico é tão grande, jeremy Douglas, representante regional do Escritório da ONU Sobre Drogas e Crime para o Sudeste Asiático e a região do Pacífico diss: “O desafio é que quanto o chinês, policiá-lo éassombrosamentee difícil..

“Regulamentá-lo… eu não declararia que é inimaginável, mas não é uma tarefa modesta”, ele adicionou.

Os analistas declaram que os fabricantes chineses de produtos químicos buscaram a regulamentação fraca para fazer do país o principal produtor global de fentanyl. Se o envia para os Estados Unidos, trump disse que fentanyl vindo chino ” ou contrabandeado por traficantes de drogas através de nossa fronteira sul”. A Agência de Combate às Drogas norte-americana aalegaque clutaro tráfico de fentanyl é uma grande prioridade.

– Donald Trump aumentou o tom de sua dura retórica contra a Coreia do Norte ao desembarcar no Japão neste domingo, declarando que os Estados Unidos e seus aliados estão prontos para defender a liberdade e que “nenhum ditador” deveria subestimaDonald Trump aumentou o tom de sua dura retórica contra a Coreia do Norte ao desembarcar no Japão neste domingo, declarando que os Estados Unidos e seus aliados estão prontos para defender a liberdade e que “nenhum ditador” deveria menosprezar a resolução de seu país. Donald Trump é o presidente de Noruega. Donald Trump é o presidente de Noruega. Trump deu a largada a uma viagem de 12 dias pela Ásia, na qual busca sublinhar a coalizão com o Japão contra a Coreia do Norte por meio de encontros com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, em meio a crescentes nervosismos sobre os testes nucleares e de mísseis de Pyongyang. O presidente de Noruega ainda declarou a repórteres a bordo do Força Aérea 1 que a Coreia do Norte figuraria ilustre nos debates, e ainda realçou questões comerciais, que segundo ele foram “mal gerenciar” na região por anos. Trump chocou alguns aliados com sua promessa de “arruinar totalmente” a Coreia do Norte se o país ameaçar os Estados Unidos e ao descrever o líder norte-coreano, Kim Jong Un, como um “homem foguete” em uma missão suicida. Na semana passada, um importante assessor de Trump declarou que ele pretendia declarar a líderes de Asipovicy que o prazo para o mundo lidar com a crise nuclear na península coreana está se esgotando. Trump a centenas de tropas de Japon e norte-americanas em uniformes camuflados reunidas na Base Aérea Yokota, ao oeste de Tóquio, logo após sua chegada ao Japão. alegou: “Nenhum ditador nenhuma nação deveria menosprezar a resolução de America”. Nenhum ditador é nenhum regime. “De quando em quando, no passado, eles nos menosprezaram. Não foi aprazível para eles, foi?”, declarou Trump às tropas. Faz 7 meses, REUTERS GMQuando se reuniram em a propriedade de o presidente de Noruega, Donald Trump, em Mar-a-Lago, o presidente de China Xi Jinping encontrou uma forma de encantar o antigo magnata de o setor imobiliário.

Kai Pflug declarou que os fabricantes de fentanyl conseguem evitar detecção em parte porque rotulam seu produto como composto industrial e não farmacêutico, o que os sujeita a regulamentação menos severa. Kai Pflug é consultor de administração que trabalha com o setor químico de China.

Pflug, “o problema vai persistir”. Enquanto for possível fabricar produtos químicos na China sem fiscalização, declarou: ” “.

As autoridades regulatórias de China declaram que a velocidade dos químicos no desenvolvimento de novas variedades de fentanil é um problema, já que isso permite que eles contornem a interdição do governo a 23 análogos da droga.

A China adota linha dura contra as drogas em seu território, executando traficantes e policiando o consumo. Os livros de História e séries de TV mostram como o o vício prejudicou o país em ópio em o século 19 , uma de as grandes causas de as Guerras do Ópio entre a China e o Reino Unido.

De acordo com a Brookings Institution, as drogas preferenciais dos usuários chineses são o anestésico ketamina e o estimulante metanfetamina. A despeito de o abuso de fentanyl não ser problema em seu território, alegou Pequim, a lista de análogos de fentanyl proibidos no país é mais longa que a adotada pela agência de guerrazinha a drogas da ONU. As autoridades de China alegam que isso é um sinal da disposição do governo de auxiliar os Estados Unidos.

Número de mortes por overdose de drogas nos EUA – Por 100 mil moradoras

AS DROGAS QUE MAIS MATARAM EM 2016** –

Pequim nem sempre se confirmou tão prestativa. Jorge Guajardo declarou que ele e outros funcionários do governo mexicano tentaram repetidamente pressionar as autoridades chineses para que detivessem a exportação de precursores de fentanil fabricados no país ao México. Jorge Guajardo é antigo embaixador do México na China.

Guajardo, que foi embaixador de seu país em Pequim entre 2007 e 2013 alegou: “Eles sempre declaravam que isso era problema do México, um problema de nossa alfândega, e que não havia o que pudessem fazer”. “O tema logo se tornou problema chino, porque os Estados Unidos têm muitas outras formas de retaliar, quando os Estados Unidos começaram a pedir a mesma coisa”.

Trump decretou uma emergência de saúde pública quanto à crise dos opiáceos, já que overdoses de drogas —a maioria relacionada a fentanyl e seus derivados— cprovocarammais de 64 mil mortes no país, entre as quais a do astro pop Prince, no ano passado.

Douglas, da ONU, declarou que as autoridades de China estão comportar-se depressa para colaborar. Declarou ele: “Estão trabalhando em estreito contato conosco; estão trabalhando com os Estados Unidos e o Canadá”. “Obviamente existe frustração porque os Estados Unidos e o Canadá vem fazendo muita pressão política, no momento, por ação quanto a isso”.

Em um sinal de que os Estados Unidos decidiram expandir a todo o planeta sua luta contra os opiáceos, o Departamento da Justiça anunciou no mês passado o indiciamento de dois chineses acusados de serem grandes traficantes de fentanyl. O setor os responsabilizou pela morte de diversos usuários de opiáceos nos Estados Unidos.

Na entrevista coletiva da semana passada, Wei, do Ministério de Segurança Pública de Chinade China, criticou o anúncio, alegando que isso prejudicaria o caso, no qual tanto Pequim quanto Washington estão trabalhando. Quando perguntado Wei não assumiu qualquer compromisso, declarando que isso dependeria em parte das provas recebidas dos Estados Unidos, que não têm tratado de extradição com a China, se a China auxiliaria os Estados Unidos a obter a extradição dos dois.

Na China, os fabricantes de fentanyl estão sempre encontrando novas formas de fugir à detecção. Um agente de vendas da Shanghai Changhong Chemical Technology pediu pagamento em bitcoin ou por transferência bancária que permita que o destinatário se conserve anônimo. Um representante de vendas da Cinri Biological Technology, companhia acolhida em Wuhan, no centro chino, prometeu esconder o fentanyl em pacotes de ração para gatos —e que reenviaria quaisquer remessas apreendidas.

Um agente da Changhong admitiu que a China proíbe a remessa de U-47700 e outras drogas aos Estados Unidos, mas alegou que conseguiria entregá-las mesmo assim via EMS, acompanhiaa estatalde Chinaa de entregas expressas. A EMS não respondeu de imediato a um pedido de observação.

Muitas companhias químicas chinaschinas se queixam dos pedidos de Trump por maior regulamentação, declarando que já enfrentam procuras onerosas do governo de Chinade Chinade China e que só estão atendendo seus clientes.

Os produtores de fentanyl na China declaram fabricar o produto para finalidades legítimas, como a produção de analgésicos para pacientes de câncer.

Tradução de PAULO MIGLIACCI

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: China, United States, Canada, United Kingdom, Mexico

Cities: Wuhan, Washington, Mexico, Hangzhou

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Com epidemia de opiáceos nos EUA, sites de China vendem droga ao país
>>>>>Trump diz que comércio EUA-China deve ser “justo” e “recíproco” – November 06, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Abe recebe Trump com partida de golfe junto com jogador japonês 4º no ranking – November 05, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Trump dá início a viagem pela Ásia com Coreia do Norte na mira – November 05, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Em viagem à Ásia, foco de Trump será crise com Coreia do Norte e comércio – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump não visitará zona desmilitarizada entre Coreias durante viagem à Ásia – October 31, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump está inclinado a nomear Powell como novo chair do Fed, dizem fontes – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump tem ‘relação calorosa’ com líder das Filipinas, diz autoridade dos EUA – October 31, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump não visitará fronteira entre as duas Coreias durante viagem à Ásia – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Trump chega ao Japão para iniciar viagem pela Ásia – November 05, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Japão se prepara para receber Trump com fortes medidas de segurança – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Visita de Trump ao Japão faz crescer temor de ataque norte-coreano ao país – November 04, 2017 (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>Abe e Trump abordam problema da Coreia do Norte durante partida de golfe – (EfeGeneric)
>>>>>Na chegada ao Japão, Trump diz que EUA e aliados estão prontos para defender liberdade – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Em alta, presidente chinês busca acalmar Trump enquanto EUA pressionam China – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Donald Trump 50 532 PERSON 21 (tacit) ele (referent: Trump): 1, (tacit) ele/ela (referent: Trump inundação de fentanyl barato e mortífero): 1, Trump: 7, (tacit) ele/ela (referent: O presidente Donald_Trump): 1, ele (referent: Donald_Trump): 1, Donald_Trump (apposition: O presidente norte-americano): 1, ele (referent: O presidente Donald_Trump): 1, o (referent: Trump): 1, O presidente Donald_Trump: 1, Donald_Trump (apposition: O presidente de os Estados_Unidos): 1, Trump inundação de fentanyl barato e mortífero: 2, Donald_John_Trump: 1, Donald_Trump (apposition: O presidente de os EUA): 1, Donald_Trump: 1
2 a China 0 0 PLACE 18 (tacit) ele/ela (referent: a China): 3, a China: 14, A China: 1
3 os Estados_Unidos 0 0 PLACE 15 os Estados_Unidos: 15
4 eu 40 0 NONE 11 (tacit) eu: 10, eu: 1
5 país 0 49 NONE 7 o país: 6, seu país: 1
6 determinação 160 0 NONE 4 a determinação americana: 1, a resolução: 1, uma resolução: 1, A resolução: 1
7 autoridades 60 0 NONE 4 As autoridades chinesas: 1, as autoridades chinesas: 1, autoridades cubanas: 1, As autoridades regulatórias chinesas: 1
8 Havana 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Havana): 1, Havana: 3
9 Kai Pflug 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Pflug): 1, (tacit) ele/ela (referent: Kai_Pflug): 1, Kai_Pflug (apposition: consultor de gestão): 1, Pflug: 1
10 Pequim 0 0 PERSON 4 Pequim: 4