Democratas divididos na corrida à Casa Branca

Foto: Wikipedia – Bernie Sanders in Des Moines (21145177954)

– Quem transitava pelo centro da Filadélfia neste domingo, véspera do começo da Convenção Nacional Democrata, poderia achar que Bernie Sanders seria designado candidato às evotaçõespresidenciais de novembro, e não Hillary Clinton. Apoiadores do senador de esquerda, que há somente duas semanas oficializou seu suporte à ex-secretária de Estado, eapresentavamcamisetas, broches, faixas, bandeiras e bonés em número – e entusiasmo – mbastantemaior que os partidários de Hillary. Para muitos, isso pode significar que o partido exibirá uma divisão maior que a esperada no encontro, apesar de toda a ação dos dirigentes para mostrar unidade e, com isso, melhorar a avaliação de Hillary. O anúncio, neste domingo, da renúncia da presidente do partido, após o vazamento de milhares de e-mails mencionando as divisões internas da legenda, é mais um sinal de que a paz democrata pode estar ameaçada, o que pode ofuscar a celebração de Hillary. Se até sábado o domo do partido democrata apresentava unidade e comportar-se para evitar protestos como os que marcaram a convenção republicana na semana passada – um grupo de delegados chegou a tentar mudar as normas do encontro para conseguir uma virada de mesa e negar a designação ao controverso bilionário Donald Trump – tudo mudou com o vazamento de 19 mil e-mails do domo do partido. A presidente do Comitê Nacional Democrata , Debbie Wasserman Schultz , anunciou que vai deixar a posição antes mesmo do começo da convenção. O fato gerou reações imediatas, do presidente Barack Obama ao adversário, Donald Trump. Muitos viram a renúncia como maneira de diminuir prejuízos e conservar o clima de celebração entre os democratas. Os e-mails vazados apresentaram trocas de mensagens entre importantes figuras do partido durante as primárias, escancarando profundas divergências e uma atmosfera de Animosidade e ressentimento entre partidários de Hillary e de Sanders. Segundo os veículos que tiveram acesso aos documentos, não havia nada de ilegal nas mensagens, somente dados que mostram a divisão do partido, que em público alega normalidade. Quando pediu a renúncia de Debbie, os e-mails também propõem que o comitê favoreceu Hillary, reforçando uma das denúncias de Sanders durante a disputa. Em um comunicado, Debbie alegou que a melhor forma de o partido alcançar seu objetivo de colocar Hillary na Casa Branca era por meio de sua renúncia. Ela na nota declarou: “Planejamos uma grande e juntada convenção esta semana e eu torço e espero que a equipe do DNC, que trabalhou duro para nos trazer a esta etapa, vai ter suporte de todos os democratas para garantir que esta seja a melhor convenção que já fizemos”. A vice-presidente do DNC, Donna Brazile, vai ocupar interinamente o lugar de Debbie durante a campanha. Num e-mail, Hillary agradeceu a Debbie e declarou que ela vai continuar atuando em sua campanha. A Casa Branca emitiu um comunicado sobre o tema. No documento, o presidente Barack Obama agradece pelos anos de trabalho de Debbie à frente do partido e em sua campanha à reeleição, em 2012. Paul Monfort emitiu uma nota alegando que o caso mostra como Hillary manipPaul Monfort emitiu uma nota alegando que o caso mostra como Hillary manipula as informações a seu favor. Paul Monfort é administrador da campanha de Trump. Paul Monfort é administrador da campanha de Trump. “Debbie Wasserman Schultz abdicou por sua incapacidade de proteger os servidores de e-mail do DNC e do sistema manipulado que ela montou com a campanha de Clinton. Agora Hillary Clinton deve seguir o exemplo da Wasserman Schultz e desistir por sua incapacidade de proteger segredos e informações secretas”, declarou a nota, que pretende arranhar ainda mais a imagem de Hillary. A ex-secretária de Estado tem alta rejeição por não inspirar confiança nos estadunidense. O caso dos e-mails quando era secretária de Estado e a maneira como se livrou de uma denúncia formal do FBI reforçam a imagem de alguém com vínculos poderosos e que, assim, está “acima da lei”. O caso dos e-mails e a renúncia de Debbie Schultz pode dar ainda mais combustível para os partidários de Sanders. Embora ele se defina como um social-democrata, jovens e esquerdistas de todos os Estados Unidos haviam abraçado a candidatura do senador por Vermont, considerado, nos EUA, como um “socialista”. – Não podemos saber o que vai acontecer, cada um tem seu julgamento – afirmou ao GLOBO Keith Mundy, delegado do partido por Ohio. – Claro que facilita bastante o nosso suporte a ela o fato de grande parte das propostas de Sanders terem sido absorvidas em seu programa de governo. Mas isso ainda é só um papel. Enquanto não vermos estas propostas colocadas em prática, vamos recordar-la de que osuporteo de Sanders é mais que o endosso a uma pessoa, vamosrecordarr que isso é um movimento, que nãodescansarár , quando ela for eleita. Ele é um dos 1.879 delegados apoiadores de Sanders que chega à principal cidade da Pensilvânia para o encontro democrata. Ao todo, o senador por Vermont obteve 39,4% dos delegados do partido e, aborreceu Hillary, fazendo, se não conseguiu a designação a ex-primeira-dama viver uma campanha bastante mais aguerrida do que ela imaginava e levando sua plataforma para a esquerda do espectro político. Para ter o endosso de Sanders – que prometeu vestir a camisa na campanha de Hillary – ela teve de assumir projetos como ampliação do salário mínimo, universidade gratuita para a maior parte da população estadunidense e aumento do Obamacare, programa de saúde pública dos Estados Unidos. Sanders promete fazer a sua parte para unificar o partido. Sua campanha emitiu no começo da noite de ontem uma declaração mencionando que o senador vai declarar, no seu discurso na noite de hoje na convenção democrata, que Hillary Clinton é, de longe, bastante superior a Donald Trump em todos os grandes assuntos, da economia e saúde à educação e meio ambiente. alegou: “Sanders vai evidenciar que a plataforma mais progressista na história do Partido Democrata inclui acordos a que chegou com Hillary Clinton para expandir dramaticamente o acesso ao sistema de saúde e para tornar livre de taxa de matrícula faculdades públicas para alunas de famílias com renda anual de até US$ 125.000 por ano “. Sanders, de acordo com o documento, vai pedir união aos 13 milhões de eleitores que votaram nele nas primárias do partido e aos que o apoiam em sua chamada “revolução política para modificar os Estados Unidos”. Além da mensagem criticando o Partido Democrata, Trump se envolveu em outra polêmica. No sábado a noite, em entrevista ao canal NBC, alegou que os EUA – um dos maiores defensores do livre comércio mundial – poderão sair da Organização global de Comércio para ampliar a taxação de produtos importados de nações como a China. Caso chegue à Casa Branca, também ddeclarouque europeus de países como a França, que hoje não precisam de visto para entrar nos EUA, passarão por um controle mbastantemaior para entrar no país por causa do risco de ligação das pessoas com o terrorismo.

— A diferença mais expressiva entre o nosso plano e o dos nossos oponentes é que nosso plano colocará a América primeiro. Americanismo, não globalismo, vai ser nosso credo. O povo estadunidense vai vir em primeiro mais uma vez.O agora candidato garantiu aos delegados de seu partido que sua política externa vai colocar os estadunidense em primeiro lugar.- a debbie wasserman schultz abdicou neste domingo em meio ao polêmico vazamento de e-mails do partido, nas vésperas da convenção democrata para referendar o nome de hillary clinton como candidata oficial do partido a suceder barack obama na casa branca. Debbie wasserman schultz é presidente do comitê nacional democrata .As mais de 19 mil mensagens, trocadas entre importantes figuras do partido durante as primárias, revelam profundas divergências e uma atmosfera de Animosidade e ressentimento entre partidários de Hillary e do adversária Bernier Sanders. Eles também propõem que o comitê favoreceu Hillary, reforçando uma das denúncias de Sanders durante a disputa, que pediu a renúncia de Debbie. Em um comunicado, Debbie alegou que a melhor forma de o partido alcançar seu objetivo de colocar Hillary na Casa Branca era por meio de sua renúncia. Ela na nota declarou: “Planejamos uma grande e juntada convenção esta semana e eu torço e espero que a equipe do DNC, que trabalhou duro para nos trazer a esta etapa, vai ter suporte de todos os democratas para garantir que esta seja a melhor convenção que já fizemos”. A reação indignada foi um golpe para a estratégia do partido de projetar uma imagem de estabilidade, em contraste com a volatilidade provocada entre os republicanos pela candidatura de Donald Trump, oficializada na semana passada. O tom dos e-mails revalam fendas no lado democrata e arremessaram sombra sobre a celebração de coroação de Hillary como candidata oficial do partido para enfrentar Trump, nas votações de 8 de novembro. Os quatro dias de convenção democrátia iniciam hoje. A vica-presidente do DNC, Donna Brazile, vai ocupar interinamente o lugar de Debbie durante a campanha eleitoral. Num e-mail, Hillary agradeceu a Debbie e declarou que ela vai continuar atuando em sua campanha.Depois de provocar polêmica no terceiro dia da Convenção Nacional Republicana, em Cleveland, o senador Ted Cruz assegurou que não votará na candidata democrata Hillary Clinton e que irá escutar o discurso de Donald Trump nesta quinta-feira, mas sem apoiá-lo.

Leer Más

Bomba estoura no sul da Alemanha e deixa 1 morto e 10 feridos

Foto: Wikipedia – Ansbach 4290

Uma pessoa faleceu e pelo menos outras dez ficaram feridas na explosão de uma bomba na cidade de Ansbach, no sul da Alemanha, segundo informou a Polícia local, adicionando que a pessoa que faleceu poderia ser a culpada pela detonação.

A explosão ampliou o clima de nervosismo na Alemanha e na Baviera, em especial, dias após um atirador ter aniquilado nove pessoas e ferido outras 34 num shopping em Munique.

Leer Más

Se o encontra, incêndio aumenta em Los Angeles e um motorista morto

Foto: Wikipedia – Extintor37

– Um enorme incêndio na região de Los Angeles aumentou por mais oito quilômetros quadrados durante a última noite e aparentemente matou um motorista, encontrado em seu carro carbonizado no percurso do fogo, informou a polícia local neste domingo. De acordo com a polícia, as causas da morte só poderão ser precisadas depois de exames médicos. Se encontrou o homem morte dentro do carro próximo a Santa Clarita, a cerca de 65 quilômetros de Los Angeles. Com essa progressão, o incêndio já alcança quase 90 quilômetros quadrados, o que forçou centenas de pessoas a abandonarem suas casas e deixou uma nuvem negra sobre partes do sul da Califórnia. Se as evacuaram cerca de 1.500 residências já . Este incêndio é somente um de uma série que atingiram o estado, atingido por uma seca que já dura anos, com a flora seca, assim como as altas temperaturas, auxiliando a alimentar o fogo.

– Por volta de 300 casas foram evacuadas conforme um incêndio queimou 4.450 hectares de terra seca no noroeste de Los Angeles neste sábado, informou o setor de bombeiros do condado de Los Angeles. O chamado “Fogo Areia” iniciou na tarde de sexta-feira e se disseminou depressa para as redondezas de Santa Clarita, por volta de 65 quilômetros ao noroeste da cidade. Quase triplicou de tamanho em menos de um dia e estava somente 10% contido. Aproximadamente 300 bombeiros em temperaturas que têm que exceder os 41,1 graus celsius batalhavam o incêndio. Se disseminarem por os arbustos e moitas de a região, de acordo com o site InciWeb que acompanha incêndios,, se as realçou quase 30 helicópteros e oito aviõezinhos para tentar impedir as chamas de. Um bombeiro padeceu um pequeno ferimento e, até a manhã de sábado, nenhuma estrutura havia sido arruinada, segundo o setor. Não houve mortes. Colocaram-se alojamentos de excreção para os habitantes de a região e por volta de 10 estradas foram fechadas por causa do fogo. O incêndio faz parte de uma série que tem atingido o estado de clima seco neste verão, onde a grama seca e os arbustos, assim como as altas temperaturas, são combustíveis para as chamas.

Leer Más